Promoção - Catacomb

Olá!!! 
Olha eu de novo aqui!!
O livro de hoje, Catacomb, terceiro volume da série Asylum, é um young adult cheio de suspense (e até um pouquinho de terror)! Quem gosta do gênero vai adorar!
Não percam essa chance e se inscrevam!


Resenha - No Limite da Loucura

Resenha feita pela Tay!
Título: No Limite da Loucura
Título Original: The Madness Underneath
Série: Sombras de Londres
2- No Limite da Loucura
3- The Shadow Cabinet (2015 US)
4- Sem título
Autor: Maureen Johnson
Editora: Fantástica (Rocco)
Páginas: 304
Ano: 2016
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Saraiva // Submarino 

Também conhecido como No Limite de Vários Nadas.

Essa resenha não contém spoilers de O Nome da Estrela.

SinopseUma das autoras mais queridas do público jovem na Inglaterra e nos EUA, e celebridade no Twitter, Maureen Johnson deixa sua protagonista Rory Devereaux No limite da loucura na eletrizante sequência de O nome da estrela. Depois de se envolver no misterioso caso do assassino em série que se fazia passar pelo lendário Jack, o Estripador, espalhando o medo pela capital britânica, a garota é enviada para a casa dos pais em Bristol. Mas ela não pensa duas vezes quando tem uma chance de retornar a Wexford e reencontrar os amigos. Sua volta a Londres, no entanto, revela mais sobre seus próprios poderes do que ela poderia supor e a põe no centro de uma nova – e sinistra – onda de crimes que vêm desafiando até mesmo a polícia secreta que combate os fantasmas na cidade. No segundo livro da trilogia Sombras de Londres, Rory Devereaux precisa enfrentar seus próprios medos e agir antes que seja tarde.

A Trama: Depois de todos os acontecimentos de O Nome da Estrela, Rory está em Bristol com os pais e tendo de aprender a lidar com sua nova condição (spoiler: de ser um terminal humano). O grande problema do livro é a enrolação criada pela autora. Você consegue perceber claramente que tudo o que ela escreveu em mais de metade da história é pura encheção de linguiça, porque não era necessário todo um livro para ela contar como Rory estava se sentindo em relação aos acontecimentos do primeiro volume. Em relação ao plot, não há exatamente um. O novo assassino aparece praticamente só no prólogo, e quase 200 páginas depois a autora vai inserir essa parte da história novamente. Também há outro plot que é apenas iniciado, mas que, honestamente, não foi interessante, principalmente por ser bem previsível. Nenhuma dessas duas tramas é concluída ou tem um bom desenvolvimento, mostrando que esse segundo livro existe apenas para dar volume à série (acredito que existirá um quarto livro). Todo ele poderia ser muito bem enxugado e juntado com o livro três, mais da metade das voltas e mais voltas que a autora dá não faria falta nenhuma.

Resenha - The 42nd St. Band


Resenha feita pela Maay!  
Título: The 42nd Street Band - Romance de Uma Banda Imaginária
Livro Único.
Autor: Renato Russo 
Editora: Companhia das Letras
Páginas: 216
Ano: 2016
Saiba mais: Skoob
Comprar: Americanas // Submarino // Saraiva

A genialidade de Renato Russo me assusta. 

Sinopse: Entre os quinze e os dezesseis anos, enquanto convalescia de epifisiólise (rara doença óssea), Renato Russo — à época, ainda chamado Renato Manfredini Jr., em Brasília — criou a história de um grupo de rock formado em 1974, em Londres, a partir do encontro de ícones como Mick Taylor, dos Rolling Stones, e outros roqueiros imaginados pelo futuro líder da Legião Urbana. Da origem à separação da banda, passando por momentos de sucesso astronômico, Renato pensou em cada detalhe. A partir do personagem Eric Russell, figura central da 42nd St. Band, nasceria Renato Russo, um dos maiores artistas brasileiros de todos os tempos, que tem, portanto, sua gênese revelada neste estrondoso romance inédito.

A Trama: Que Renato Russo foi um gênio à sua maneira, eu nunca tive dúvidas. O que eu não tinha a menor noção era do grau de genialidade desse homem.
Escrito (todo em inglês) por um Renato de somente 15 anos, The 42nd Street Band conta a história da banda homônima, desde sua criação até a separação do grupo. É um romance assustadoramente crível, que vai muito além da biografia da banda, ele traz linhas do tempo, árvores genealógicas, entrevistas, capas de discos, letras de músicas, a duração das músicas (!!!)... É genial.

Resenha - Filha das Trevas

Resenha feita pela Lary!  

Título: A Filha das Trevas
Título Original: Darkness Becomes Her
Série: Deuses e Monstros
1 - Filha das Trevas (2016)
2 - A Beautiful Evil  (2012 US)
3 - The Wicked Within (2013 US)
4 - Heart of Stone (2015 US)
Autora: Kelly Keaton
Editora: Galera Record
Páginas:288
Saiba mais: Skoob
Comprar: Casas Bahia // Submarino

Sinopse: Ari se sente perdida e solitária. Com olhos azul-esverdeados e cabelos prateados esquisitos, que não podem ser modificados nem destruídos, sempre chamou a atenção por onde passava. Depois de crescer em casas adotivas, tudo o que quer é descobrir de onde veio e quem ela é. Em sua busca por respostas, encontra uma mensagem escrita pela mãe morta há muito tempo: fuja. A garota percebe que precisa voltar para o local de seu nascimento, Nova 2 — a cidade luxuosa, que foi inteiramente remodelada —, em Nova Orleans. Lá, ela é aparentemente normal. Mas cada criatura que encontra, por mais mortal ou horrível que seja, sente medo dela. Ari não vai parar até desvendar os mistérios de sua existência. No entanto, algumas verdades são terríveis e assustadoras demais para serem reveladas.

A Trama: Aristanae selkirk não sabe o que aconteceu com seus pais, abandonada no serviço social de Louisiana quando tinha apenas quatro anos, ela procura por suas origens; Sua pesquisa a leva até Rocquemore House, um sanatório da cidade de Covington, que fica as margens do limite da borda. Após explicações chocantes do médico residente, ela descobre uma pista que leva a Nova 2, antiga Cidade do Crescente, agora decadente mas ainda majestosa que sobreviveu a dois furacões seguidos de categoria quatro, que destruíram Nova Orleans e toda a metade sul do estado. Contrariando a vontade de seus pais adotivos, os únicos em seus dezessete anos que mostraram cuidado e gentileza, ela decide cruzar a fronteira em busca de autoconhecimento e talvez até de sua família. Descobri que tenho uma "tara" por histórias de Nova Orleans, toda a religião, a história, as paisagens pantanosas e as antigas mansões sulistas me exercem muita fascinação.

Resenha - Depois da Última Dança


Resenha feita pela Maay!  
Título: Depois da Última Dança 
Título Original: After the Last Dance
Autora: Sarra Manning
Editora: Suma de Letras
Páginas: 336
Ano: 2016
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Submarino // Extra 

Um livro mágico e encantador.

Sinopse: Estação de King´s Cross, 1943. Rose chega a Londres querendo se entregar a uma vida de romance, glamour e dança, e para isso ela escolhe o Rainbow Corner, o mais famoso salão de dança da cidade. Enquanto a Segunda Guerra Mundial entra em seu momento final, Rose se apaixona perdidamente por um piloto, mas terá que lidar com as reviravoltas do destino antes que a guerra chegue ao fim. 
Las Vegas, dias atuais. Uma linda mulher vestida de noiva entra em um bar procurando alguém para se casar com ela. Quando Leo assume o papel e diz “sim”, ele não tem nenhuma ideia da situação em que está se metendo. Quem será Jane, a mulher misteriosa? Quando Jane e Rose, agora uma senhora de idade, se conhecem, a fagulha da discórdia se acende. Mas acontecimentos que elas não podem controlar fazem com que o tempo se torne um bem muito precioso. Depois da última dança conta a extraordinária história dessas duas mulheres, separadas pelo tempo mas ligadas pelo destino. Um romance que fará com que você acredite no poder do amor.

A Trama: Comecei a leitura esperando mais um livro sobre a Segunda Guerra, mas jamais imaginei que encontraria uma história tão única e original.
Aqui, somos apresentados a Rose - uma jovem aventureira, que foge de casa durante a Guerra, buscando se reinventar na glamourosa Londres da época - e Jane - uma jovem golpista, que no início não desperta muita empatia, mas vai ganhando o leitor com o passar das páginas.
O presente e passado se alternam e, preciso admitir, no início eu dispensaria facilmente os capítulos sobre Jane, pois queria mais e mais da jovem Rose. Porém, aos poucos as histórias vão se completando, se encaixando, e aí fica impossível parar a leitura. 

Promoção - Maré Congelada

Olá!!! 
Faz tempo que não apareço aqui, né? 
O livro de hoje, Maré Congelada, é o quarto volume da série A Queda dos Reinos. O livro é repleto de ação, magia e reviravoltas, e aposto que está entre os desejados de muitos de vocês! 
Então, não percam essa chance e se inscrevam já!


Resenha - Depois Daquela Montanha

Resenha feita pela 
Título: Depois Daquela Montanha
Título Original: The Mountain Between Us
Livro Único.
Autor: Charles Martin
Editora: Arqueiro
Páginas: 304
Ano: 2016
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Submarino // Amazon

SinopseO Dr. Ben Payne acordou na neve. Flocos sobre os cílios. Vento cortante na pele. Dor aguda nas costelas toda vez que respirava fundo. Teve flashes do que havia acontecido. Luzes piscavam no painel do avião. Ele estava conversando com o piloto. O piloto. Ataque cardíaco, sem dúvida. Mas havia uma mulher também – Ashley, ele se lembra. Encontrou-a. Ombro deslocado. Perna quebrada. Agora eles estão sozinhos, isolados a quase 3.500 metros de altitude, numa extensa área de floresta coberta por quilômetros de neve. Como sair dali e, ainda mais complicado, como tirar Ashley daquele lugar sem agravar seu estado? À medida que os dias passam, porém, vai ficando claro que, se Ben cuida das feridas físicas de Ashley, é ela quem revigora o coração dele. Cada vez mais um se torna o grande apoio e a maior motivação do outro. E, se há dúvidas de que possam sobreviver, uma certeza eles têm: nada jamais será igual em suas vidas.

A Trama: Ben e Ashley se conhecem no aeroporto num dia de tempestade em que os aviões encontram dificuldade de partir. O voo deles acaba sendo cancelado e Ben decide fretar um avião com Groover Roosevelt, que trabalha em outro aeroporto particular em frente ao que estava, e chama Ashley para acompanhá-lo, já que ela também tem pressa para chegar a seu destino. Infelizmente Groover passa mal durante o voo, mas consegue fazer um pouso forçado antes que o avião caísse, no meio de uma montanha coberta de neve e longe da civilização. Pra piorar, nenhuma autoridade foi informada sobre o voo, e esperar pacientemente pelo resgate não é uma opção. A partir daí, os sobreviventes tem que formar uma estratégia de se salvar e encontrar a saída antes que acabem suas energias.