Resenha - Sociedade Secreta

Resenha feita pela Maay!  
Título: Sociedade Secreta
Título Original: Secret Society
Série: Sociedade Secreta #1
Autor: Tom Dolby
Editora: Id Editora
Páginas: 376
Ano: 2010
Saiba mais: Skoob
Comprar: Submarino // Saraiva

Uma combinação que tinha tudo para ser imbatível, porém, infelizmente, não foi.

Sinopse: Um grupo obscuro que reúne os mais ricos e influentes de Nova York e recruta novos membros nos prestigiados colégios particulares de Manhattan, garantindo aos iniciados fama e sucesso e, mais tarde, lhes cobrando favores em troca. Mas quando o corpo de um jovem é encontrado no Central Park, com uma tatuagem que o liga à Sociedade, as coisas começam a fugir do controle e ganham outras proporções. Primeiro volume da série.

A Trama: Nick, Lauren e Phoebe são convocados a fazer parte de uma das maiores e mais poderosas Sociedades Secretas dos Estados Unidos. Com a promessa de que tudo se tornaria mais fácil e seus sonhos se realizariam, eles aceitam imediatamente o convite. Porém, todo benefício têm o seu ônus. E em troca do sucesso garantido, eles devem obediência às normas daquela "seita". O que, convenhamos, é uma coisa praticamente impossível para qualquer adolescente, e a partir daí as coisas se tornam perigosas para o grupo.

Os ProtagonistasNick é membro de uma das famílias mais tradicionais de  Manhattan. O garoto quer se destacar por si próprio, e não pelo peso de seu sobrenome. Produzindo festas badaladíssimas, tem um futuro promissor como promoter.
Path é melhor amigo de Nick, sempre com uma câmera em mãos, ele procura a oportunidade de ouro que transformará suas filmagens em um Reality Show.
Phoebe acaba de se mudar para Nova Iorque, filha de uma fotógrafa, ela busca um futuro como artista plástica. Me irritou profundamente do início ao fim do livro. Li muitas críticas falando que ela é um dos melhores personagens do livro, e não concordo (pronto, falei!).
Lauren, essa sim a melhor personagem do livro. Pelo menos para mim. Apaixonada por moda, ela sonha em trabalhar como designer de jóias. Porém, apesar da aparência de socialite, é uma garota extremamente insegura que busca pela aprovação dos outros, principalmente sua mãe.


Os Personagens Secundários: Alejandro é um dos membros da Sociedade. Descrito como um garoto problema, desde o início vemos o interesse mútuo entre ele e Lauren.
Parker Bell é pai de Nick. Envolvido profundamente na Sociedade, desde o começo do livro vemos indícios de algum objetivo sombrio seu.
Genie, avó de Patch, é uma senhora que parece saber muito sobre a Sociedade. Extremamente doce e muito forte para a idade, é um dos poucos personagens bem estruturados do livro. Merecia mais destaque do que recebeu.

Capa, Diagramação e Escrita: Achei a foto da capa linda, a modelo, a tatuagem, o prendedor no cabelo... Tudo de muito bom gosto e com muito capricho. O mesmo para a diagramação, que conta com um detalhe meio tribal no início de cada capítulo. Os capítulos são curtos (com 5 páginas no máximo), o que me incomodou um pouco e colaborou para que eu achasse o livro meio "solto". A narração é em terceira pessoa, com focos que se alternam pelo ponto de vista de cada protagonista.
Agora, o real problema do livro está com a escrita. Há muitos erros, não sei se na tradução ou na digitação, mas são MUITOS erros. Eu comecei até a marcar alguns, mas chegou a um ponto em que eram tantos, que desisti.

Concluindo: O livro é legal. Aquela típica leitura de férias, pra relaxar e que não prende muito. Porém (sempre tem um porém, haha), não é dos melhores. 
Enquanto lia, três coisas me incomodaram muito. Primeiro, os erros que já mencionei acima. Espero que sejam corrigidos em uma próxima edição. Segundo, o livro parecia muito ser uma mistura das séries Gossip Girl e Rosa e Túmulo. O que é uma combinação legal, mas faltou originalidade à trama (há cenas que poderia jurar ter lido antes). E por fim, entendo que essa é uma estratégia de escrita utilizada pelo autor, mas ele muda abruptamente de um foco para o outro, e nisso alguns detalhes e personagens são negligenciados, o que fez, para mim, com que a qualidade do livro decaísse um pouco. Sabe quando as coisas acontecem de um jeito que você não consegue nem entender o por quê delas? É isso o que aconteceu. 
Não vou dizer que me arrependi por ter lido, porque seria mentira. Eu gostei, me diverti bastante. Mas se você procura um livro sobre sociedades secretas, e ainda não leu Rosa e Túmulo, ele é infinitamente melhor. O mesmo sobre histórias do Upper East Side, com o adicional de que, para ler a série toda de GG, você precisa de muito empenho (eu abandonei no 7º livro, admito).
PS: Uma coisa que achei muito interessante, é que no site do autor há fotos dos locais citados e playlists das festas. 

Quotes:
- Apesar de todos os movimentos que não fazem sentido, esse é na verdade um bom jogo, o que eles deixaram armado aqui - ele disse. - É quase como um final. Eu sei exatamente qual vai ser o próximo movimento.
- E qual vai ser? - Lauren perguntou.

- A rainha está prestes a colocar o rei em xeque-mate.
- As coisas estão começando a acontecer para você, às vezes de maneira misteriosa. Mas você não pode questionar. Você só tem que seguir com elas. É a única maneira de você ter êxito. Aceite o que vier, e aceite de bom grado.
Classificação: