Parceiros #5

Olá! Como estão vocês?
Fazem exatamente três meses que eu não fazia um post desse tipo. Para quem não conhece muito do mundo de parcerias literárias, geralmente as editoras abrem vagas a cada seis meses ou um ano, por isso passamos tanto tempo sem dar notícias desse tipo.
Mas agora chegou novamente a época que gostamos tanto e já começamos a receber respostas, então vamos conhecer as novas editoras parceiras do Fome de Livros!
Seja bem-vindo à fantasia...

O selo Fantasy nasceu para reforçar o valor de sonhos no coração de um leitor disposto a alcança-los. Nossa ideia não é de proporcionar apenas uma leitura, mas uma experiência. Mais do que apenas ajudar na formação de novos leitores, nosso objetivo é formar sonhadores tocando nos melhores campos do gênero de literatura mais popular do mundo. Um gênero capaz de fazê-lo viajar com os olhos abertos. E querer continuar a viagem ao fecha-los.

Da nossa parte, você terá o melhor meio de transporte. Apenas apanhe seu ticket. Sente-se em sua poltrona. Relaxe seu corpo. Abra a sua mente.

Conheça algumas ótimas obras da Fantasy que eu estou morrendo pra ler:
   




A Companhia das Letras foi fundada em 1986. Desde então já publicou mais de 3 mil títulos, de 1500 autores, incluindo os lançamentos dos outros selos da editora: Companhia das Letrinhas, Cia. das Letras, Companhia de Bolso, Quadrinhos na Cia., editora Claro Enigma e Penguin-Companhia.

Em 2012 foi anunciada a criação de 4 novos selos: Editora Paralela, voltada para a publicação de livros de entretenimento destinados ao grande público; Editora Seguinte, o novo selo jovem da Companhia das Letras; Portfolio Penguin, que atuará na área de negócios, política e economia; e Boa Companhia, série que reunirá, em antologias temáticas, grandes nomes da literatura nacional e estrangeira.

A Companhia das Letras evoluiu muito nesses 25 anos, mas sem perder de vista o respeito à inteligência do leitor. Hoje em dia lança mais de 300 títulos por ano, de diversos assuntos e estilos, mas sempre com uma mesma proposta: a vontade de publicar livros que, pela qualidade do texto e da produção gráfica, sejam um convite à leitura.


A Companhia das Letras tem diversos selos e o meu preferido é o Seguinte. É difícil escolher apenas alguns livros, mas aqui vão minhas escolhas:
  

  



Quando o jornalista Luiz Fernando Emediato fundou a Geração Editorial, em 1992, ele pensava apenas em ter um hobby que o distraísse de suas atividades intensas como jornalista, escritor, empresário e militante político na área social. Bem, já começou causando polêmica: um dos primeiros livros lançados, Mil dias de solidão, sobre o governo Collor, foi capa de Veja, que o considerou “o livro bomba do ano”. Já na primeira semana ocupou o primeiro lugar nas listas dos mais vendidos.

Desde então a Geração Editorial tornou-se, atrevidamente, “uma editora de verdade”, com sua literatura de qualidade, sua ousadia, sua agressividade no marketing e no mercado, sua independência. Nem sempre concordamos com o conteúdo dos livros que publicamos – mas nossa editora, como um jornal ou revista, ou seja, em meio de comunicação, defende sempre o direito de cada autor expor suas ideias e seus fatos. 

Em 2012 completamos 20 anos de história e teremos aquilo que o mercado livreiro e os jornalistas já se acostumaram a ver nesta “editora de verdade”: livros polêmicos, que balançam poderosos; literatura de qualidade, de autores consolidados, mas também de jovens brasileiros e estrangeiros que temos o orgulho de revelar; e humor, porque é rindo que podemos enfrentar o mau humor que a nada leva; e esta vontade enorme de aprender sempre, a cada dia.

A Geração também é uma editora com diversos selos e eu gosto de vários, como o Geração Jovem e o Jardim dos Livros. Conheça alguns de seus livros:


  

Espero que tenham gostado das novidades, em breve estaremos resenhando mais livros dessas três editoras maravilhosas!