Resenha - Dividida

Livro Dividida
Resenha feita pela Luh!
Título: Dividida
Título Original: Torn
Série: Trylle
1- Trocada (2013)
2- Dividida
3- Ascenção (2011 US)

Autor: Amanda Hocking
Editora: Rocco
Páginas: 360
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Submarino // Extra // Saraiva // Fnac

Melhor que o primeiro, mas ainda não está excelente.
Atenção: Essa resenha não contém spoilers de Trocada.

Sinopse: Dividida traz de volta a jovem "changeling" Wendy Everly, uma criança troll trocada secretamente logo após o nascimento por uma humana normal. Se em Trocada, primeiro livro da série, ela descobre sua verdadeira origem e é levada para o mundo mágico de Trylle, agora Wendy se depara com uma rival e se pergunta qual é realmente o seu lugar. Dividida entre dois mundos, a protagonista da série de maior sucesso de Amanda Hocking tem que decidir entre o amor e a obrigação, abordando questões caras aos jovens numa emocionante trama de fantasia.

A Trama: Dividida começa de uma maneira muito interessante, pouco tempo após o fim de Trocada, e já prende o leitor com algumas cenas de ação. Eu adorei a primeira metade da trama, era complexa e repleta de mistérios e novos personagens, além de manter a excitante sensação de perigo por um bom tempo. Já na segunda metade o ritmo fica muito mais lento e algumas cenas chegam a ser entediantes, mas não são muitas. Conhecemos um pouco melhor o mundo dos trolls, entretanto ainda é uma parcela muito pequena se considerarmos como a sociedade deles é grande e complexa, então eu gostaria de ter visto mais desenvolvimento. O final não decepcionou e me deixou bem ansiosa para o livro final da série, mas ainda tenho muitas perguntas a serem respondidas. No geral, foi uma trama com mais ação que a primeira e, portanto, mais divertida.

A Protagonista: Wendy melhorou bastante desde Trocada. Ela parece ter amadurecido um pouco, provavelmente por ter passado por alguns problemas, porém a protagonista ainda consegue agir como uma garota mimada às vezes. Entretanto, vi um lado novo da garota, um lado leal, vulnerável e doce, que me fez compreendê-la melhor. Além disso, ela finalmente começou a lutar pelo que realmente quer, e não se deixar intimidar por sua mãe.

Os Personagens Secundários: Fomos apresentados à muitos novos personagens e eu amei vários deles! Meu predileto foi Loki, com uma personalidade encantadora e peculiar que pode conquistar qualquer um. Estou torcendo muito para que sua situação melhore no último livro! Outro personagem interessante foi Sara, uma mulher gentil e amável que me deu pena por também não ter uma vida muito feliz. Eu já não gostava muito de Finn, o par romântico, no livro anterior, e agora gosto dele menos ainda. Para ser sincera, as cenas entre ele e Wendy estavam tão frustrantes e mornas que eu passei metade do livro torcendo para o personagem morrer logo ou sumir e deixar a protagonista livre para procurar novos amores.

Capa, Diagramação e EscritaA capa ficou mais legal que a de Trocada, não parece tão falsa e eu gostei do tom de azul. Os livros dessa série tem aquela capa emborrachada que muita gente adora e eu odeio, mas isso é uma preferência pessoal. A diagramação está ótima, com uma letra em tamanho bom e pouco errinhos de revisão.
A escrita da Amanda está no mesmo nível de sempre, com falas meio confusas e descrições apressadas, mas ainda é um livro com um ritmo rápido, então isso não influenciou tanto na trama.

Concluindo: O livro definitivamente está melhor que Trocada, porém ainda tem potencial para mais. A trama foi repleta de ação e suspense, o que tornou o livro mais divertido, e estou ansiosa pelo desfecho.

Classificação: