Lançamentos de Setembro #5

Chegamos ao fim dos lançamentos de setembro. Hoje não teremos tantas editoras, apensas a Record e Pensamento, mas ainda são vários livros. Eu estou querendo ler A Ascensão do Colosso, A Cortesã e o Samurai e O Guia do Herói Para Salvar o Seu Reino.

A Costureira de Khair Khana - Gayle Tzemach Lemmon - Pensamento
A vida que Kamila Sidiqi conhecia mudou da noite para o dia quando o Talibã tomou o controle da cidade de cabul. Depois de estudar para professora durante a guerra civil – uma conquista rara para qualquer mulher afegã – Kamila foi confinada à sua casa e proibida de continuar estudando. Quando seu pai e seu irmão mais velho foram obrigados a abandonar a cidade, ela pegou agulha e linha e criou sozinha um próspero negócio. Esta é a incrível e real história dessa inacreditável empreendedora que mobilizou sua comunidade sob o domínio do Talibã.


Hécules: O Cupido de Quatro Patas - Frauke Scheunemann - Pensamento
Que os cães são os melhores companheiros dos homens, a maioria das pessoas já sabia. Mas eles vivem num mundo à parte e podem esconder alguns segredos que nem os mais apaixonados por esses bichos podem descobrir. Foi pensando nesse universo canino que o autor Frauke Scheunemann criou a incrível e divertida história de Hércules, um filhote de dachshund que ajudou sua dona a encontrar um namorado.
Hércules é um filhote de dachshund e acha Carolin, sua dona, a pessoa mais legal do mundo. Sua vida seria ótima, se não fosse por Thomas, o namorado de Carolin. Ele é mandão, fala gritando e tem alguma coisa contra os cães. Além disso, trata mal Carolin. Junto com seu amigo, o senhor Beck, um gato conhecedor dos humanos, Hércules decide se livrar de Thomas.
Com um plano sagaz, ambos conseguem, e Carolin põe Thomas para fora de casa. Porém, ela fica muito triste e eles decidem procurar um novo namorado para Carolin. Esta será a nova missão de Hércules e Beck.

O Anel do Magnífico - Agustín Bernaldo Palatchi - Pensamento
Castelo de Cardona, 1478. Antes de ser executado, um homem revela a seu filho que eles são judeus e sua família guardou por várias gerações um anel de incalculável valor. Depois da execução do pai, Mauricio viaja para Florença com o objetivo de vender o anel a Lorenzo de Médici, e acabam virando grandes amigos, o que faz com que Mauricio frequente as altas rodas da cidade e conheça Lorena Ginori, por quem se apaixona. Além de perigos, conspirações, sociedades secretas, fanáticos religiosos e invasões, Mauricio e Lorena vão ter que enfrentar os segredos de suas origens. O casal precisará desenterrar as raízes ocultas de sua história familiar para descobrir a verdade sobre si mesmos, numa emocionante viagem através do tempo, onde conhecerão figuras históricas como Leonardo Da Vinci e Cristóvão Colombo, entre outros.

A Ascensão do Colosso - Peter Lerangis - Record
Apenas um garoto... Jack McKinley é um menino comum com um problema incomum. Dentro de alguns meses, ele vai morrer. Apenas uma missão...Depois que Jack entra em colapso no meio da rua, ele é levado para um hospital esqui¬sito em um lugar misterioso. Há guardas armados nos corredores, crianças estranhas e criaturas fantásticas, além de nenhum pai ou mãe, nenhum telefone e nenhuma possibilidade de fuga.
O lugar é administrado por um excêntrico professor chamado Bhegad, o qual afirma que Jack tem uma disfunção genética herdada de uma civilização há muito perdida, que está destruindo o garoto ao deixá-lo forte demais muito rapidamente. Porém Jack precisa permanecer forte — porque cabe a ele salvar o mundo.
Apenas um problema... Essa civilização há muito perdida afundou quando sete esferas mágicas foram roubadas e escondidas ao redor do mundo. Agora, Jack e seus amigos precisam encontrá-las antes que elas caiam nas mãos erradas. Primeira parada: o Colosso de Rodes, onde percebem que há muito mais em jogo do que somente a vida deles.

Seleção de Resenhistas!

Oi gente, tudo bem? Quem quer ganhar novos amigos, se divertir e ainda receber muuuuitos livros?
Infelizmente uma das nossas garotas, a Beatriz, está saindo do blog por motivos pessoais. A boa notícia pra vocês é que estamos abrindo uma nova vaga para resenhista!

Minha intenção inicial é abrir apenas uma vaga, porém, caso muitas pessoas interessantes se inscrevam, podemos escollher dois resenhistas.

As vantagens: O Fome de Livros está atualmente com 18 editoras parceiras (e seus selos) e são tantas editoras que recusamos mais da metade dos livros disponíveis por não termos tempo para ler tanto, então você provavelmente receberá tantos livros quanto der conta. Vale lembrar que os resenhistas mais velhos terão prioridade nos pedidos, porém todos temos gostos literários diferentes e cada um geralmente consegue pedir o que quiser.
Além disso, trocamos e-mails regularmente e conversamos sobre todos os assuntos imagináveis, então você terá a oportunidade de entrar para a nossa pequena família <3

Os requisitos: Para se inscrever é necessário ter disponibilidade para resenhar no mínimo um livro por semana, ser maior de 14 anos e ter um e-mail que você confira regularmente. Também é proibido usar resenhas que você já tenha publicado em outro blog ou site.
Além disso, tenha consciencia de que trabalhamos com prazos e responsabilidades!

Para se inscrever é só enviar um e-mail prar fomedelivros@gmail.com respondendo as seguintes perguntas:
Nome:
Idade:
Cidade/Estado:
Perfis de Twitter/Facebook/Skoob/etc:
Já é colunista em outros blogs? Quantos/ quais?
Número de livros que você costuma ler por mês:
Fale um pouquinho sobre você: (O que você faz, quais gêneros literários prefere, etc)
Faça uma resenha para avaliarmos. A resenha precisa estar no padrão do blog (separada em tópicos), mas você pode resenhar qualquer livro que desejar.

As inscrições vão até o dia 15/10 e o resultado sai até 18/10! Boa sorte a todos e se inscrevam!

Resenha - Cretino Irresistível

Resenha feita pela Maay!  
Título: Cretino Irresistível
Título Original: Beautiful Bastard
Série: Beautiful Bastard
1- Cretino Irresistível
2- Beautiful Stranger (2013 US)
3- Beautiful Player (2013 US)
Autora: Christina Lauren
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 272
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Extra // Submarino // Saraiva // Fnac

Um dos piores livros do ano, se não o pior.

Sinopse: Uma estagiária ambiciosa. Um executivo perfeccionista. E um relacionamento ardente e totalmente perigoso!
Esperta, dedicada, prestes a cursar um MBA, Chloe Mills tem apenas um único problema: seu chefe, Bennet Ryan. Ele é exigente, insensível, sem consideração - e completamente irresistível. Um belo cretino. Bennet acaba de retornar da França para assumir um cargo importante na empresa de comunicações de sua família. Mas o que ele não poderia imaginar era que a pessoa que o ajudava enquanto ele estava no exterior era essa criatura linda, provocadora e totalmente irritante que agora ele tem de ver todos os dias. Ele nunca foi do tipo que se envolve em relacionamentos no ambiente de trabalho, mas Chloe é tão tentadora que ele está disposto a flexibilizar essa regra - ou quebrá-la de uma vez - para tê-la. Por todo o escritório! Mas o desejo que um sente pelo outro cresce tanto que Bennet e Chloe terão de decidir o que estão dispostos a perder para ganhar um ao outro.


A Trama: Chloe trabalha para Bennet e eles teoricamente se odeiam. Até que um dia começam a discutir e acabam transando na sala de reuniões. E depois disso, a cada oportunidade ou a cada discussão, Bennet acaba com a calcinha rasgada da estagiária no bolso. É, vocês não entenderam errado. Ele tem uma mania bizarra de tirar as calcinhas dela, rasgando-as. E depois guarda todas como prêmio. O engraçado é que ela, teoricamente, só usa calcinhas de grife. Fiquei me perguntando se a qualidade delas é tão ruim assim, que basta um puxão para rasgarem - sem nem machucar a "pobre garota".
Enfim... A história é basicamente isso. Eles brigam, se pegam e depois agem como se nada tivesse acontecido. E isso se repete ao longo das quase 300 páginas.
Também preciso expressar minha indignação. Já falei diversas vezes aqui que, antes de ler um livro, vejo algumas resenhas sobre ele. Sinceramente, eu nunca vi resenhas que destoavam tanto do livro, como vi desse.
Em primeiro lugar, uma pessoa elogiou as autoras por saberem unir romance e  sexo sem tornar o livro vulgar. Eu juro, eu tentei encontrar romance, mas não há um diálogo que não acabe em sexo. E sinceramente, achei o livro bastante vulgarOutra coisa que elogiaram bastante foi o humor. Isso, para mim, foi pior que elogiar o romance. Não tem humor. E eu acho que não teve nem uma tentativa de ter humor, não sei de onde tiraram isso.
Depois disso, vi elogios sobre a "coragem" que as autoras tiveram ao fugir do BDSM. Ok, eu admito que esse aspecto é leve se comparado aos outros eróticos atuais. Porém, na minha opinião, a mulher curtir que o cara rasgue a calcinha dela, deixe ela marcada e dê uns tapas fortes, caracteriza sim uma relação BDSM. Claro que outras coisas também me incomodaram nas resenhas que li. Mas esses três pontos foram os mais revoltantes para minha humilde pessoa.

Resenha - A Falsa Princesa

Resenha feita pela Luh!  
Título: A Falsa Princesa
Título Original: The False Princess
Livro Único.
Autor: Eilis O'Neal
Editora: Farol Literário
Páginas: 408
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Fnac

Não era o que eu esperava, mas foi divertido.

Sinopse: Princesa e herdeira do trono de Thorvaldor, Nalia leva uma vida privilegiada na Corte. Mas, logo após seu aniversário de dezesseis anos, ela descobre que é uma falsa princesa e que foi colocada no lugar da verdadeira para protegê-la. Obrigada a deixar o palácio com pouco mais do que suas roupas, a garota, agora chamada de Sinda, terá de abandonar a cidade, seu melhor amigo, Kiernan, e a única vida que ela conhecia. Enviada para viver com a tia no interior, Sinda não se mostra capaz de executar nem a mais simples tarefa. Mas, para sua surpresa, ela descobre que uma intensa e perigosa magia corre por suas veias, e que ela jamais será apenas uma humilde camponesa. Sinda retorna à cidade em busca de respostas. Reencontra o garoto que se recusou a abandoná-la e desvenda segredos que podem mudar a história de Thorvaldor para sempre.

A Trama: O que eu mais gostei na trama foi sua originalidade. Geralmente temos uma garota comum que descobre que é uma princesa ou que casa com um príncipe e se torna uma. Entretanto, nesse livro Sinda é criada em um castelo e recebe a melhor educação que há, até que faz dezesseis anos e seus pais dizem que ela não é a princesa real e a descartam, substituindo-a por outra garota! Além de uma trama com muito suspense, A Falsa Princesa conta a história de Sinda e sua dificuldade em descobrir quem ela realmente é. Apesar de ter sido pouco explorada, gostei muito da mágica e das consequências que ela trouxe. O romance é previsível e não gostei muito da maneira como o casal interagia, porém o romance se desenvolve lentamente, dando ao leitor tempo para se acostumar com a ideia e torcer pelo casal.
A Falsa Princesa é um livro único e, em consequência, tem um final satisfatório e divertido. 

Saciando a Fome #68

Ooi gente! Eu estou viajando :D
Como eu tinha avisado semana passada, recebemos muitos livros da Novo Conceito, então dividi os kits em duas partes e hoje temos a segunda. Uma Prova de Amor (Emily Giffin - Novo Conceito) é um romance da famosa Emily, a autora do livro que deu origem ao filme O Noivo da Minha Melhor Amiga. Claro Que Te Amo! (Tammy Luciano - Novo Conceito) é um romance contemporâneo do novo selo nacional da editora e A Outra Vida (Susanne Winnacker - Novo Conceito) eu só sei que é sobre zumbis!
Depois, chegou de surpresa Paralelos (Leonardo Alkmim - Geração), que parece ser uma distopia e tem uma sinopse interessante. Não aguentei e comprei A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista (Jennifer E. Smith - Galera Record), que já tem resenha aqui no blog, porque parece ser muito fofo e sinto falta de um romance contemporâneo rápido.

Resenha - A Improvável Jornada de Harold Fry

Resenha feita pela Luh!
Título: A Improvável Jornada de Harold Fry
Título Original: The Unlikely Pilgrimage of Harold Fry
Livro Único.
Autor: Rachel Joyce
Editora: Suma de Letras
Páginas: 248
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Submarino // Extra // Saraiva // Fnac

Uma jornada que parecia incrível na teoria, mas não foi.

Sinopse:  A improvável jornada de Harold Fry, de Rachel Joyce, tem como temas centrais os sentimentos de amor, amizade e arrependimento. A autora conta a história do aposentado Harold Fry que numa manhã de sol sai de casa para colocar uma carta no correio, sem imaginar que estava começando uma jornada não planejada até o outro lado da Inglaterra. Ao receber uma carta de Queenie Hennessy, uma velha conhecida com quem não tem contato há décadas, ele descobre que ela está em uma casa de saúde, sucumbindo ao câncer. Então, Harold Fry escreve uma resposta rápida e, deixando sua mulher com seus afazeres, vai até a caixa postal mais próxima. Ali, tem um encontro casual que o convence de que ele deve entregar sua mensagem para Queenie pessoalmente. E assim começa a peregrinação improvável de Harold Fry. Determinado a andar 600 milhas de Kingsbridge à Berwick-upon-Tweed, porque, acredita que, enquanto caminhar , Queenie Hennessy estará viva; ao longo do caminho, ele encontra personagens fascinantes, que o trazem de volta memórias adormecidas: sua primeira dança com Maureen, o dia do seu casamento, a alegria da paternidade. Todos os resquícios do passado vêm correndo de volta para ele, permitindo-lhe conciliar as perdas e os arrependimentos.

A Trama: O livro tinha seus bons momentos e a trama era interessante no início, mas durante a maior parte do tempo, eu estava entediada. A Improvável Jornada de Harold Fry é a história de Harold, um homem aposentado de 65 anos que recebe uma carta dizendo que uma velha amiga está com câncer. Então, repentinamente, Harold resolve caminhar mais de 800km, sem comida extra ou até calçados adequados, para encontrar a mulher.
Acho que o grande problema foi que eu não consegui me conectar ao protagonista e, sendo assim, não compreendia seus motivos. Não sei se me falta a experiência de vida para aproveitar as lições do livro, mas senti que a mensagem de solidariedade foi forçada. Além disso, o câncer da mulher era incurável e não entendo como o protagonista podia acreditar que sua caminhada faria alguma diferença, principalmente considerando que ele não era religioso.
O final foi interessante e um pouco triste, porém bem previsível.

Promoção - A Primeira Nascente

É hora de uma promoção nova! Em parceria com a Editora Fundamento, estamos sorteando um exemplar de A Primeira Nascente, o 4º volume da série Century!
Essa série parece ser honestamente muito divertida, são livros infanto-juvenis com muito suspense e ação. Quem estiver curioso pode ler a sinopse no Skoob.

Lançamentos de Setembro #4

Hoje é domingo, dia de lançamentos! É a vez das editoras Fundamento, Galera Record, Geração e Gutemberg. Dos livros citados, quero ler só Trono de  Vidro e A Ilha dos Dissidentes, porque a maioria dos livros faz parte de séries longas que ainda nem comecei.

Histórias Perdidas - John Flanagan - Fundamento
Entre batalhas ferozes, amizades inquestionáveis, certezas e dúvidas, acompanhamos a ascensão de Will entre os lendários arqueiros de Araluen. Mas nem todas as histórias foram contadas. Por enquanto! A pedido dos leitores, John Flanagan nos presenteia com Histórias Perdidas, aventuras inéditas que levam a um mergulho ainda mais profundo na rica mitologia de Rangers. E que também trazem algumas revelações tão fascinantes quanto bombásticas. Uma chance imperdível de saber mais sobre o passado e ter um vislumbre do futuro de alguns dos personagens mais queridos de Rangers: Halt, Alyss, Horace, Evanlyn e Gilan. Se você acha que sabe tudo sobre a origem de Will, é melhor repensar...

A Primeira Nascente - P. D. Baccalario - Fundamento
Será que um dos locais mais fascinantes da China, a peculiar e movimentada Xangai, vai ser o ponto final da incrível aventura de Elettra, Harvey, Mistral e Sheng? Os amigos chegaram à cidade dispostos a, enfim, compreenderem a trama em que estão envolvidos e que os tem colocado diante de  grandes perigos e de descobertas inacreditáveis. Em cada país em que estiveram, os quatro encontraram objetos que fazem parte de um segredo muito antigo e que pode mudar o futuro da humanidade. Mas um homem diabólico, capaz dos piores crimes, tem vigiado os passos do grupo. E vai ser em Xangai que ele irá revelar sua identidade.
Elettra, Harvey, Mistral e Sheng conseguirão escapar do inimigo? Usarão suas estranhas habilidades para evitar que os objetos caiam em mãos erradas? Finalmente irão entender por que foram escolhidos para guardar um enigma tão grandioso quanto o Universo?

A Ilha do Esqueleto - Anthony Horowitz - Fundamento
É óbvio que o guarda havia descoberto quem ele era e o que estava fazendo. Não importava que se tratasse de um adolescente. Sabia demais. Era perigoso. Precisava ser eliminado. Parece que quanto mais Alex Rider quer fugir do Serviço Secreto Britânico e de sua “carreira” de espião adolescente, mais o perigo o chama. Desta vez, bem no meio das férias escolares, ele foi convocado pela CIA (sim, a Agência Central de Inteligência dos Estados Unidos) para uma missão num paraíso tropical. Aparentemente, não havia nada de extraordinário na tarefa. Tudo que Alex tinha que fazer era se divertir e fingir ser o filho de dois agentes que tentariam entrar numa ilha caribenha para vigiar um milionário russo. Mas logo ficou claro que a única coisa que o garoto não faria ali era aproveitar a tranquilidade e a beleza da Ilha Esqueleto. Explosões, armas mortais, perigos que vêm de todos os lados e um plano que poderia acabar com a vida na Terra em questão de segundos... Alex Rider não queria ser espião, muito menos um herói. Mas, quando se é o único que pode evitar que todo o planeta seja atingido por uma tragédia inimaginável, não há escolha.

Promoção - A Desconstrução de Mara Dyer

Tenho várias promoções novas para essa semana, vou começar por um livro super divertido que me surpreendeu. Para quem quiser conferir mais sobre o que eu achei de A Desconstrução de Mara Dyer, confira a resenha!

Resenha - O Projeto Rosie

Resenha feita pela Maay!  
Título: O Projeto Rosie
Título Original: The Rosie Project
Livro Único.
Autor: Graeme Simsion
Editora: Record
Páginas: 320
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Extra // Submarino // Saraiva // Fnac

Don, com sua maneira muito particular, fez meus olhos brilharem.

Sinopse: Perto de completar 40 anos, o peculiar professor de genética Don Tillman havia desistido do amor. Para acompanhar sua rotina severamente cronometrada, com esquema de refeições padronizadas, um cronograma para a execução de cada compromisso (inclusive para a prática de exercícios físicos antes de dormir) e lidar com sua falta de habilidade social, só mesmo a mulher perfeita. E ele já sabe como encontra-la. Ou pelo menos acha que sabe. Ele desenvolve o projeto Esposa Perfeita, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a selecionar candidatas adequadas a seu estilo de vida. Mas quando Don conhece a jovem Rosie ele descobre que nem tudo na vida pode ser programado... e que o amor pode, de repente, vir a seu encontro.

A Trama: Minha principal crítica sobre esse livro, é que ele demora para entrar no ritmo. A leitura foi bastante arrastada no começo, até que Rosie aparece. A personagem chega, não somente para dar "luz" à vida de Don, mas também para deixar o livro exponencialmente melhor.
Minha impressão é que, tal como na vida do protagonista, nada de interessante aconteceu na trama até que Rosie abre a porta da sala de Don. A partir desse momento o protagonista vê sua vida de pernas para o ar, e nós temos um lad-lit (chick-lit escrito por um homem) delicioso.
Enquanto Don é exageradamente pragmático, Rosie é a típica cabeça de vento, e presenciar o crescimento que um proporciona ao outro é maravilhoso.

Resenha - Dividida

Livro Dividida
Resenha feita pela Luh!
Título: Dividida
Título Original: Torn
Série: Trylle
1- Trocada (2013)
2- Dividida
3- Ascenção (2011 US)

Autor: Amanda Hocking
Editora: Rocco
Páginas: 360
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Submarino // Extra // Saraiva // Fnac

Melhor que o primeiro, mas ainda não está excelente.
Atenção: Essa resenha não contém spoilers de Trocada.

Sinopse: Dividida traz de volta a jovem "changeling" Wendy Everly, uma criança troll trocada secretamente logo após o nascimento por uma humana normal. Se em Trocada, primeiro livro da série, ela descobre sua verdadeira origem e é levada para o mundo mágico de Trylle, agora Wendy se depara com uma rival e se pergunta qual é realmente o seu lugar. Dividida entre dois mundos, a protagonista da série de maior sucesso de Amanda Hocking tem que decidir entre o amor e a obrigação, abordando questões caras aos jovens numa emocionante trama de fantasia.

A Trama: Dividida começa de uma maneira muito interessante, pouco tempo após o fim de Trocada, e já prende o leitor com algumas cenas de ação. Eu adorei a primeira metade da trama, era complexa e repleta de mistérios e novos personagens, além de manter a excitante sensação de perigo por um bom tempo. Já na segunda metade o ritmo fica muito mais lento e algumas cenas chegam a ser entediantes, mas não são muitas. Conhecemos um pouco melhor o mundo dos trolls, entretanto ainda é uma parcela muito pequena se considerarmos como a sociedade deles é grande e complexa, então eu gostaria de ter visto mais desenvolvimento. O final não decepcionou e me deixou bem ansiosa para o livro final da série, mas ainda tenho muitas perguntas a serem respondidas. No geral, foi uma trama com mais ação que a primeira e, portanto, mais divertida.

Saciando a Fome #67

Chegaram brindes!
Começando hoje pelos brindes, recebi um kit muito bonito da Farol Literário de boas-vindas, com um bloquinho de notas, uma caneta, um catálogo com novidades e vários marcadores. Também recebi marcadores da Novo Conceito, um bonequinho de vodu e um sabonete de cupcake! Amei <3

Agora nos livros de parceria. Dividi os da Novo Conceito em duas semanas, então hoje tem Olho Por Olho (Siobhan Vivian e Jenny Han - Novo Conceito), que eu estou morrendo de vontade de ler porque só vi boas críticas, e Tipo Destino (Susane Colasanti - Novo Conceito), que é da Mari e não tenho certeza se é bom, porque a autora tem alguns defeitos.
Também chegou A Desconstrução de Mara Dyer (Michelle Hodkin - Galera Record), que eu estava tão ansiosa pra ler que peguei assim que chegou e já fiz a resenha. E, por último, recebi o fofo A Catastrófica História de Nós Dois (Jess Rothenberg - Rocco), que tem uma capa linda demais ao vivo!

Quinta das Capas #48

Comida - Parte 3


Chegamos à ultima parte do tema atual, que foi dividido em três. Já tivemos bolos, cupcakes, biscoitos e até ovos, então hoje será a vez de sorvetes, maçãs e café!
Mais alguém ficando com fome?

Estou com pena do sorvete lindo de All We Ever Wanted Was Everything, está derretendo! Mas a imagem ficou bem legal e o fundo combinou perfeitamente, só achei o título desnecessariamente longo. O sorvete de A Field Guide for Heartbreakers deve ser muito bom, apesar de meio feio, já que a modelo parece feliz. Entretanto, não gostei da cor ou fonte do título, acho que não combinou bem. Apesar de estar óbvio que o sorvete de The Summer of Firsts and Lasts é falso (nenhum sorvete ficaria empilhado tão certinho), eu gostei das cores. O título, porém, ficou muito pequeno e todo em letra minúscula e a cor do fundo está muito forte.

A ideia da maçã descascada em Peeled é legal, mas não entendo porque tem um jornal dentro. O nome do autor e o título, por outro lado, eu gostei. Eve & Adam está linda demais, tenho vontade de ler o livro só de olhar para essa capa. O melhor nela são o fundo e a sombra do título! Bad Apple até tinha potencial, mas ficou feia por algumas razões. O fundo deve ter mais cor, a fonte deveria chamar mais a atenção e a maça diferente não deveria ter ficado tão escura!

Confessions of a Triple Shot Betty tinha potencial para ser uma capa bonita,mas não gostei de todos aqueles enfeites! Entretanto, o café ficou muito bonito. Minha capa predileta de hoje é The Expressologist, porque os olhos da modelo sempre me prendem, a fonte ficou maravilhosa e o café está uma graça. O Enigma do Morango está aqui porque não se encaixou em nenhum outro lugar, mas eu gostei da imagem. Aquela torta parece ser uma delícia e as cores do título e do nome da autora foram escolhas ousadas que não combinam muito bem com a imagem, mas também não ficaram horríveis.

Qual a capa predileta de vocês hoje? E conhecem alguma capa com comida que não está aqui?

Resenha - Se Houver Amanhã


Resenha feita pela Maay!  
Título: Se houver amanhã
Título Original: If Tomorrow Comes
Livro Único.
Autora: Sidney Sheldon
Editora: Record
Páginas: 512
Ano: 1986
Saiba mais: Skoob
Comprar: Fnac // Submarino // Saraiva (Normal) // Saraiva (Vira-Vira)

Simplesmente, o meu livro favorito.

SinopseCrimes perfeitos, como o roubo de um quadro de Goya do Museu do prado, são um desafio para Tracy Whitney. Mas ela não é uma ladra qualquer: para vingar-se dos homens que a colocaram injustamente na prisão, Tracy torna-se uma especialista em aplicar golpes em empresários inescrupulosos. De Nova Orleans a Londres, passando por Paris, Biarritz, Madri e Amsterdam, ela desafia a Interpol com uma série de ações ousadas, tendo como rival apenas Jeff Stevens, um irresistível trambiqueiro.

A Trama: O livro se divide em três partes. Primeiro, Tracy vê sua vida perfeita desmoronar e acaba indo parar na prisão. Depois, acompanhamos a vida dela na cadeia e sua saída de lá. E então chegamos à terceira parte, e confesso, a minha favorita. 
Tracy sai da penitenciária determinada a se vingar de todos que colaboraram para que ela fosse parar lá, ao mesmo tempo em que tenta voltar a viver como uma pessoa normal. Porém, ela não é mais uma pessoa comum, e sim uma ex-presidiária. As coisas não são fáceis, encontrar emprego é impossível e a garota acaba vendo o crime como sua única saída. 
Sem mentira, essa é a melhor parte do livro. Por mais que ela comece a roubar por necessidade, chega a um ponto em que faz isso apenas pela adrenalina. Além de que, os crimes de Tracy são genias. O roubo do Goya - citado na sinopse - é extraordinário!
A garota adquire tamanha experiência e tem tanta audácia, que se torna uma das melhores ladras do mundo. Só há um homem páreo para ela: Jeff Stevens. E depois de Jeff, já contei demais...

Resenha - O Pacifista

Resenha feita pela Beatriz!
Título: O Pacifista
Título Original: The Absolutist
Livro Único.
Autor: John Boyne
Editora: Cia. das Letras
Páginas: 304
Ano: 2012
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Fnac // Submarino

Sempre ficarei sem palavras para descrever esse livro, e mesmo que eu tente nunca será o suficiente.

Sinopse: Inglaterra, setembro de 1919. Tristan Sadler, vinte e um anos, toma o trem de Londres a Norwich para entregar algumas cartas à irmã mais velha de William Bancroft, soldado com quem combateu na Grande Guerra. Mas as cartas não são o verdadeiro motivo da viagem de Tristan. Ele já não suporta o peso de um segredo que carrega no fundo de sua alma, e está desesperado para se livrar desse fardo, revelando tudo a Marian Bancroft. Resta saber se o antigo combatente terá coragem para tanto. Enquanto reconta os detalhes sombrios de uma guerra que para ele perdeu o sentido, Tristan fala também de sua amizade com Will, desde o campo de treinamento em Aldershot, onde se encontraram pela primeira vez, até o período que passaram juntos nas trincheiras do norte da França. O leitor pode testemunhar o relato de uma relação intensa e complicada, que proporcionou alegrias e descobertas, mas também foi motivo de muita dor e desespero.

Promoção - Easy

Que tal começarmos bem a semana com uma promoção nova?
Easy é um dos mais famosos livros New Adult, um romance com personagens mais maduros. Eu amei o livro e, se você quiser saber mais sobre Lucas e Jacqueline pode conferir minha resenha. Ah, e para quem está fugindo das séries, é um livro único!

Resenha - A Desconstrução de Mara Dyer

Resenha feita pela Luh!  
Título: A Desconstrução de Mara Dyer
Título Original: The Unbecoming of Mara Dyer
Série: Mara Dyer
1- A Desconstrução de Mara Dyer
2- The Evolution of Mara Dyer (2012 US)
3- The Retribution of Mara Dyer (2014 US)
Autor: Michelle Hodkin
Editora: Galera Record
Páginas: 378
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Fnac

Sinopse: Um grupo de amigos... Uma tábua ouija... Um presságio de morte. Mara Dyer não estava interessada em mensagens do além. Mas para não estragar a diversão da melhor amiga justo em seu aniversário ela decide embarcar na brincadeira. Apenas para receber um recado de sangue. Parecia uma simples piada de mau gosto... até que todos os presentes com exceção de Mara morrem no desabamento de um velho sanatório abandonado. O que o grupo estaria fazendo em um prédio condenado? A resposta parece estar perdida na mente pertubada de Mara. Mas depois de sobreviver à traumática experiência é natural que a menina se proteja com uma amnésia seletiva. Afinal, ela perdeu a melhor amiga, o namorado e a irmã do rapaz. Para ajudá-la a superar o trauma a família decide mudar para uma nova cidade, um novo começo. Todos estão empenhados em esquecer. E Mara só quer lembrar. Ainda mais com as alucinações - ou seriam premonições? - Os corpois e o véu entre realidade, pesadelo e sanidade se esgarçando dia a dia. Ela precisa entender o que houve para ter uma chance de impedir a loucura de tomá-la....

A Trama: Quando comecei esse livro, eu não tinha lido nem mesmo a sinopse, mas gostei da surpresa.
Mara Dyer é a única sobrevivente de um acidente que matou sua melhor amiga e dois conhecidos. Foi uma experiência muito traumática, especialmente porque ela não se lembra do que aconteceu, mas tudo piora quando Mara começa a ter alucinações.
O melhor da trama, na minha opinião, é que diversas situações estranhas acontecem e, como a protagonista tem alucinações, você não sabe se aquilo está realmente acontecendo ou é tudo dentro da cabeça de Mara. Sendo assim, A Desconstrução de Mara Dyer pode ser sobre uma garota louca ou pode ter elementos paranormais (ou ambos) e não vou contar qual é a alternativa verdadeira para não estragar o suspense.
Gostei muito da ideia da trama, há bastante suspense, mas também romance, surpresas e até rivalidades clichês do ensino médio. Em certos trechos a trama tomou um rumo que eu não esperava e não gostei tanto, porém o final é daqueles em que você recebe uma notícia bombástica e o livro acaba, te deixando morrendo para saber o que vai acontecer.

Pilha de Leitura da Luh #9

Chegou a hora da minha coluna predileta! Yay!
Se você não conhece a Pilha de Leitura, é uma coluna em que eu (Luh), a May e a Bia vamos falar um pouquinho sobre os próximos livros que pretendemos ler, como está indo nosso ritmo, quais livros gostamos, e quais não, e muito mais. Ao clicar nos títulos da primeira seção, você vai para as resenhas, e da segunda e terceira para a página do livro no Skoob.

A Última Pilha:

Pela primeira vez em nove pilhas, os livros estão idênticos aos planejados na Pilha passada! 
Comecei por Easy, um romance new adult que lida com problemas reais e adorei, é um dos melhores que já li nesse gênero e foi uma pena ser um livro único. Em seguida li Três É Demais, o terceiro livro da série Garota <3 Garoto, que está longe de ser perfeita, mas eu acho bem divertida pra passar o tempo. Depois foi a vez de Ruínas do Tempo, eu não esperava muito do livro e mesmo assim ele me decepcionou, sendo entediante pela maior parte do tempo. Para tentar ver um pouco mais de ação, peguei a prova de A Cidade Sombria (o último livro da foto, não dá pra ver o título) e gostei, é uma aventura divertida e original, mas também é um livro cheio de problemas.
Então foi a vez de Métrica, outro romance new adult que não era tão bom quanto Easy, mas ainda assim foi ótimo! Superando minhas expectativas, Sob a Luz da Lua (Nightshade) foi perfeito, adorei o livro e estou muito ansiosa pela continuação.  Eu já sabia que Dividida, minha próxima leitura, seria um livro "mais ou menos" e foi mesmo, mas gostei mais que do primeiro. Por fim, o último da pilha foi A Improvável Jornada de Harold Fry, que parecia ser bom, porém eu infelizmente não consegui gostar dele.
O Pior da Pilha: A Improvável Jornada de Harold Fry, mas Ruínas do Tempo não foi muito melhor.
O Melhor da Pilha: Sob a Luz da Lua!

A Nova Pilha:

Foto, você não deveria estar borrada.
Se você prestar atenção, essa pilha tem nove livros, só um a mais que a anterior, mas ela é muito maior em tamanho! Vários dos livros dessa vez são bem grossos, então talvez eu demore um pouco pra ler isso tudo, porém estou super animada! Isso porque distopia é meu gênero predileto e nessa pilha temos 5 livros do tipo.
Não aguentei e já li Insígnia, que vocês já devem saber que eu amei demais porque não aguentei e postei a resenha. Foi o melhor livro do ano pra mim e espero que muitos de vocês deem uma chance a ele! Nas outras distopias temos Correr ou Morrer e Prova de Fogo, sobre um bando de adolescentes que é jogado em um labirinto com paredes gigantes e precisa tentar sobreviver, A 5ª Onda, que eu acho que é sobre alienígenas e recebeu muitas críticas boas dos americanos (praticamente todo mundo que eu vi amou esse livro) e Reiniciados, sobre uma garota que tem a memória apagada para conseguir uma "ficha limpa". Na pilha tem também duas fantasias, A Desconstrução de Mara Dyer, que vou confessar que não lembro do que se trata (mais legal, será uma surpresa) e A Falsa Princesa, sobre uma garota que foi princesa a vida inteira e agora descobre que foi tudo uma farsa e ela é uma pessoa comum. Por fim, tenho dois dramas, Dezenove Minutos, sobre um adolescente que sofre bullying e leva uma arma para a escola e mata várias pessoas e A Catastrófica História de Nós Dois, sobre uma garota que morre e tem que passar pelos cinco estágios de seu próprio luto.


A Votação:

Como eu estou com muitas séries pra continuar, escolhi só livros que são os segundos de alguma série. Já resenhei o primeiro livro de todas elas aqui no blog (mentira, a de Sob a Luz da Lua vai ao ar dia 30, mas já adianto que é sobre lobisomens e é ótimo), para vocês não ficarem perdidos, e farei todo o possível pra escrever a resenha do vencedor sem spoilers. Cliquem nos nomes para ver as resenhas do primeiro livro de Fever, Prodigy, Dare You To e Goddess Interrupted.

Lançamentos de Setembro #3

Hoje é a segunda parte dos lançamentos nacionais de setembro. Teremos abaixo livros das editoras Arqueiro, Companhia das letras, Novo Século e Rocco. Muitos livros parecem bons, mas como não dá para escolher todos, eu pretendo ler Lições de Desejo, O Histórico Infame de Frankie Landau-Banks, O Cavaleiro de Bronze e Está no Meu Sangue!

O Histórico Infame de Frankie Landau-Banks - E. Lockhart - Seguinte
Aos catorze anos, Frankie Landau-Banks era uma garota comum, um pouco nerd, que frequentava a Alabaster, uma escola tradicional e altamente competitiva. Mas tudo muda durante as férias. Na volta às aulas para o segundo ano, o corpo de Frankie havia se desenvolvido, e ela havia adquirido muito mais atitude. Logo ela chama a atenção de Matthew Livingston, o cara mais popular do colégio, que se torna seu novo namorado e a apresenta ao seu círculo de amigos do último ano. Então Frankie descobre que Matthew faz parte de uma lendária sociedade secreta - a Leal Ordem dos Bassês -, que organiza traquinagens pela escola e não permite que garotas se juntem ao grupo. Mas Frankie não aceitará um "não" como resposta. Esperta, inteligente e calculista, ela dará um jeito de manipular a Leal Ordem e levantará questionamentos sobre gênero e poder, indivíduos e instituições. E ainda tentará descobrir se é possível se apaixonar sem perder a si mesma.

A Lista do Nunca - Koethi Zan - Companhia das Letras
Depois de um acidente de carro que sofreram quando ainda tinham dez anos, Sarah e Jennifer, amigas inseparáveis, passaram anos escrevendo o que chamaram de Lista do Nunca: uma lista de ações e atitudes que deveriam ser evitadas, a qualquer custo, para que se mantivessem sãs e salvas. Numa noite, no entanto, ao entrarem em um táxi, o destino das duas garotas as levou a um lugar que certamente não considerariam nem um pouco seguro. Sequestradas por um homem frio e adepto do sadismo, elas ficam acorrentadas em um porão com mais duas garotas por três anos. Dez anos depois de conseguir fugir, Sarah ainda tenta levar uma vida normal. Seu contato com pessoas se limita ao porteiro que diariamente entrega o que ela precisa para sobreviver e à sua psicóloga, que tenta ajudá-la a enfrentar cada novo dia. Seu sequestrador, porém, está prestes a conseguir uma condicional e, mais do que preparar um belo discurso de vítima, Sarah sente que este é o momento de agir. Para isso, vai enfrentar seus terríveis traumas em busca de uma história que nunca fora revelada.

Desumano e Degradante - Patricia Cornwell - Companhia das Letras
Em Richmond, no centro-leste dos Estados Unidos, os dias que precedem o Natal são curtos e cinzentos. Em 13 de dezembro, um homem é executado na cadeira elétrica, acusado pela mutilação e assassinato de uma jovem apresentadora de televisão. Nesse mesmo dia, um garoto de treze anos é encontrado em estado de coma, barbaramente mutilado. Dias depois, novo crime assusta a cidade. Fala-se em bruxaria. Algo terrível parece andar solto nas ruas. Os fatos descobertos pela legista chefe do estado de Virgínia e pelo tenente de polícia apontam para uma solução absurda. Mortos não cometem crimes.


O Cavaleiro de Bronze - Paullina Simons - Novo Século
A Segunda Guerra Mundial ainda não havia alcançado a cidade de Leningrado, onde as duas irmãs Tatiana e Dasha Metanova viviam, dividindo um pequeno cômodo com seu irmão, seus pais e avós. Tudo muda quando as tropas de Hitler atacam a União Soviética e ameaçam invadir a grande, mas decadente, cidade. Fome, desespero e medo tomam conta de Leningrado, durante o terrível inverno no qual a cidade foi submetida ao cerco alemão. No entanto, a luz do amor é sempre capaz de iluminar a mais profunda escuridão. Tatiana conhece Alexander, um jovem e corajoso oficial do Exército Vermelho. O rapaz, forte, confiante e guardando um passado misterioso e problemático, e sente-se atraído por Tatiana — e ela por ele. O amor impossível de Tatiana e Alexander ameaça agora dividir a família Metanova. E que segredo é esse que se esconde no passado do soldado, tão devastador quanto a própria guerra?

Resenha - Dezenove Minutos

Resenha feita pela Luh!  
Título: Dezenove Minutos
Título Original: Nineteen Minutes
Livro Único.
Autor: Jodi Picoult
Editora: Verus (Record)
Páginas: 545
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Americanas // Submarino

Um livro interessante com um tema intenso.

Sinopse: Sterling é uma cidadezinha comum do interior, onde nada acontece – até o dia em que a quietude é abalada por um terrível ato de violência. Peter, um adolescente socialmente isolado que há anos sofre bullying, um dia leva uma arma para a escola e abre fogo contra os colegas, matando dez pessoas. Narrações do passado revelam como as constantes provocações dos outros alunos levaram Peter a se isolar, buscando refúgio em jogos violentos de computador. Josie, filha da juíza responsável pelo caso e que já foi a melhor amiga de Peter, deveria ser a testemunha mais valiosa de acusação, mas não consegue se lembrar do que aconteceu bem diante de seus olhos – ou será que consegue? Conforme o julgamento avança, rupturas entre os adolescentes da escola e a comunidade adulta começam a se revelar, destruindo famílias e as amizades mais íntimas.

A Trama: Dezenove Minutos é difícil de avaliar por lidar de forma tão aberta com os sentimentos das pessoas. O livro conta a história de Peter Houghton, um garoto que sofreu bullying pela maior parte de sua vida, até que um dia levou armas para a escola e matou diversos alunos. A trama alterna entre o presente, onde Peter acaba de matar os alunos e será preso e julgado, e diversos pontos do passado que explicam o que levou o garoto à isso.
O livro foi desnecessariamente longo, com diversos trechos que apenas reforçavam mensagens que eu já havia compreendido há tempos, tornando esses trechos um pouco entediantes. Por outro lado, a história de Peter é triste e envolvente e, no final do livro, eu senti que alguns dos valentões daquela escola definitivamente mereciam morrer.
O ponto ruim de Dezenove Minutos, e talvez eu esteja equivocada aqui, foi o comportamento ridículo e irrealista dos funcionários da escola. Em uma certa ocasião pouco antes dos assassinatos, acontece um evento onde um dos valentões, Drew, claramente submete Peter à humilhação na frente da maioria dos alunos e Drew não parece ter sofrido punição alguma. Honestamente, eu estava secretamente desejando que Peter tivesse atirado no diretor.

Saciando a Fome #66

Chegou a hora de mostrar minhas novas aquisições!
Essa semana chegaram dois livros de parceria. A Falsa Princesa (Eilis O'Neal - Farol) parece ser muito interessante, meio que um conto de fadas ao contrário e estou ansiosa pelo livro. Entretanto, A 5ª Onda (Rick Yancey - Fundamento) é um dos livros mais esperados do ano, porque eu vi muitas resenhas boas nos blogs americanos e realmente não encontrei nenhuma que desse menos de 4 estrelas para o livro!
Quando estava em São Paulo, aproveitei pra passar na Saraiva e acabei comprando Fever (Lauren DeStefano), a continuação de Aprisionada, que adorei. Também comprei A Lista Negra (Jennifer Brown - Gutemberg), que é um favorito de muitos blogueiros, e O Aprendiz (Joseph Delaney - Bertrand), que terá um filme baseado nele em novembro nos cinemas.

Quinta das Capas #47

Comida - Parte 2


Como avisado, encontrei muitas capas com esse tema e, portanto, dividi o post em três partes.  Não usei nenhuma capa de livros de culinária, porque isso seria fácil demais.
As capas de hoje tem os temas biscoitos, chocolates e, por estranho que pareça, ovos.

Sweethearts tem um coração meio estranho, mas a ideia de ele ser mordido foi ótima e tem um simbolismo divertido. Acho que ficou interessante colocar a imagem em um fundo simples, mas odiei a cor e fonte do título, não combinou nem um pouco! Também há um simbolismo em The Not So Perfect Life of Mo Lawrence e, apesar de eu ter amado a capa no geral, o título é desnecessariamente longo e difícil de lembrar. Não reconheço a comida em Bittersweet (estou presumindo que é um biscoito), mas gostei do quebra-cabeça e as cores usadas na capa ficaram ótimas, só não acho legal quando o título é todo em letra minúscula.

Novamente, que comida é aquela em Doce Procura? Gostei de como o fundo tem a mesma cor do coração e o prato é um azul bonitinho, porém não sei porque usar uma fonte tão pequena no título e na citação, sendo que tem tanto espaço sobrando. Olho para The Color of Tea e a primeira palavra que me vem à mente é "adorável". A modelo parece fofa, o título ficou bonito e adorei como eles não foram clichês de usar uma xícara de chá (Tea = chá em inglês). Models Don't Eat Chocolate Cookies chama a atenção e amei a cor do fundo, mas acho que exageraram um pouquinho no título, tem fontes e cores demais. Um ótimo exemplo de que simplicidade pode funcionar é Artichoke's Heart, que tem um detalhe genial de um docinho que parece um aspargo ali no meio (Artichoke = aspargo).



Chegamos às capas mais divertidas, ovos! Nunca pensei que encontraria tantas imagens do tipo, entretanto aqui estão elas. Thumped é bem interessante, principalmente porque é o segundo livro de uma série e na capa do primeiro há um ovo inteiro. Adorei a fonte, tanto no título quanto no nome da autora. Não consigo gostar de Scrambled Eggs at Midnight por ser uma bagunça. Usaram fontes demais, cores demais e os ovos ficaram estranhos. Por fim, Eggs (Ovos) tem uma ideia muito interessante, ao invés de colocar o título na capa, colocaram uma cartela ovos que o representa!

Resenha - Insígnia

Resenha feita pela Luh!
Título: Insígnia
Título Original: Insignia
Série: Insignia
1- Insígnia
2- Vortex (2013 US)

Autor: S. J. Kincaid
Editora: V & R
Páginas: 502
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob / Fan Page do Livro
Comprar: Saraiva // Cia dos Livros

O melhor livro do ano, preciso dizer mais?

Sinopse: Considerado um fracassado pr todos, com uma aparência pouco digna de atenção e uma vida cheia de incertezas, Tom Raines é um garoto de 14 anos que possui apenas uma habilidade – jogar videogame. Durante anos perambulou de cassino em cassino com seu pai, um jogador sem sorte, que fazia de seu vício um meio de sobrevivência e, a cada dia, iniciava uma jornada em busca de um “lar”, mesmo que isso significasse um quarto qualquer pago com um pouco de dinheiro ganho em apostas. Certo dia, ao ter seus combates virtuais monitorados por um general, Tom é convidado para integrar a elite do Exército e usar seu talento para ajudar o seu país a vencer a Terceira Guerra Mundial. Neste combate, os oponentes são empresas multinacionais e não há vítimas humanas. Sediada no sistema solar, a disputa principal é o controle sobre os direitos de mineração e recursos naturais em extinção. Os combatentes são, na verdade, máquinas controladas pela força da mente dos adolescentes, através de dispositivos implantados em seu cérebro. Tom então percebe que essa será a oportunidade de tornar-se alguém importante e conquistar sucesso, amigos e um amor de verdade.

A Trama: Insígnia já começa de uma maneira interessante, com realidade virtual e guerras no espaço. Não vou repetir a sinopse, porém acho que o livro tem uma trama tão complexa e com tantos elementos diferentes que ela pode agradar à qualquer fã de ficção científica, aventura ou distopias. Temos a Terceira Guerra Mundial com naves espaciais, um romance proibido, muitas jogadas políticas, lavagem cerebral e uma base militar que mais parece um internato, onde os recrutas moram juntos em alojamentos e formam amizades.
O que mais me agradou é que existe uma "trama geral", sobre a vida do protagonista, mas também há inúmeras tramas secundárias e elas são todas de qualidade e muito bem desenvolvidas. Sendo assim, eu não me sentia como se estivesse lendo apenas um livro, mas vários, e gostei de todos eles.
A autora insere alguns detalhes bem originais na trama, e um dos melhores é que Insígnia se passa nos Estados Unidos, mas o país não é descrito como "o melhor" em tudo. Foram os inimigos que tiveram a ideia de usar pilotos vivos nas batalhas, e a aliança à qual os Estados Unidos pertencem está perdendo feio a guerra.

Resenha - Métrica

Resenha feita pela Luh!  
Título: Métrica
Título Original: Slammed
Série: Slammed
1- Métrica
2- Point of Retrar (2012 US)
3- This Girl (2013 US)
Autor: Colleen Hoover
Editora: Galera Record
Páginas: 304
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Submarino // Saraiva // Extra // Fnac

Uma trama envolvente aliada à personagens complexos, é claro que eu gostei.

Sinopse: Após a perda inesperada do pai, Layken, de 18 anos, é obrigada a ser o suporte tanto da mãe quanto do irmão mais novo. Por fora, ela parece resiliente e tenaz; por dentro, entretanto, está perdendo as esperanças. Um rapaz transforma tudo isso: o vizinho de 21 anos, que se identifica com a realidade de Layken e parece entendê-la como ninguém. A atração entre os dois é inevitável, mas talvez o destino não esteja pronto para aceitar esse amor. 

A Trama: Apesar de eu ter amado o livro, principalmente pelos personagens, a trama tem diversos defeitos. O principal deles e o que mais me incomodou foi o instalove, o amor instantâneo. Lake conhece Will e eles imediatamente se dão bem, passam uma semana divertida juntos e, logo depois, descobrem que não podem ter um relacionamento e Lake age como se fosse morrer. Para quem quiser entender melhor, coloquei um quote no fim da resenha de um trecho que acontece quando o casal se conhece há cerca de duas semanas. Outro ponto que me incomodou é que em certo trecho do livro acontece algo muito importante e triste e apesar de ter arrancado algumas lágrimas, me senti um pouco usada pela autora, naquele momento parecia algo completamente desnecessário para a trama, feito apenas para prender os leitores, porém aos poucos fui compreendendo a importância do evento.
Agora, vamos à parte boa! Nunca fui uma grande fã de poesia, mas em Métrica cada poesia conta uma história interessante e emotiva e é impossível não gostar delas. A trama, apesar de ter os defeitos mencionados, também tem cenas incríveis e melhora muito na segunda metade. O final é lindo e me deixou tão curiosa pelo segundo livro que não sei como vou conseguir esperar pelo segundo volume. 

Promoção - Vou lhe Mostrar o Medo

Oi gente, tudo bem?
Hoje vim fazer a promoção de um livro que não foi resenhado aqui no blog, mas inspirou o seriado The Following e o filme O Corvo! É um suspense e um dos personagens é ninguém menos que Edgar Allan Poe.

Resenha - A Cidade Sombria

Resenha feita pela Luh!
Título: A Cidade Sombria
Título Original: The Dark City
Série: O Mestre das Relíquias
1- A Cidade Sombria
2- A Herdeira Perdida (1999 UK)
3- A Corda Oculta (2000 UK)
4- O Margrave (2001 UK)
Autor: Catherine Fisher
Editora: Bertrand
Páginas: 334
Ano: 2013 (Será lançado em breve)
Saiba mais: Skoob
Comprar: Em Breve!

Um série divertida, mas precisa ser melhor desenvolvida.

Sinopse: A única esperança para Anara, um mundo às portas da total devastação, reside em um mestre, seu aprendiz e nas antigas e ilegais relíquias com poderes misteriosos que eles colecionam. Ao saírem à procura de uma relíquia secreta com grande poder escondida há séculos, Raffi e Galen serão caçados, espionados e testados além dos seus limites, pois existem monstros — alguns deles humanos, outros não — que também desejam o poder desta relíquia até consegui-la.

A Trama: Esse é um daqueles livros que já começa repleto de ação. O leitor tem algumas poucas páginas para conhecer Galen, um velho Mestre das Relíquias que perdeu seus poderes recentemente e Raffi, seu aprendiz de dezesseis anos, antes que eles sejam "enganados" e forçados a partir em uma aventura. O início pode parecer um pouco confuso, já que a autora não perde tempo explicando nada e deixa que o leitor deduza o que está acontecendo, mas aos poucos é possível compreender melhor a situação.
O ritmo é frenético em certos trechos e lento em outros, porém é um livro rápido que mantém o leitor interessado. A trama é simples e direta, mas promete algumas reviravoltas e cenas incríveis. O final deixa o leitor muito curioso pelo próximo volume, entretanto também fiquei com muitas dúvidas.
O mundo criado por Catherine é um dos mais interessantes que já vi, uma mistura de fantasia e distopia que me deixou fascinada, porém me decepcionei muito com a falta de explicação para as coisas, a autora não nos oferece a história de como a situação ficou daquela maneira. Exemplificando, os "Mestres das Relíquias" tem certos poderes mágicos, mas eles parecem ser descendentes dos humanos comuns e não sabemos como essa magia surgiu. Além disso, não consegui definir se o livro se passa no presente, passado, futuro ou em alguma realidade alternativa, já que temos uma mistura de tecnologia, itens como caixas de fósforos, raças alienígenas e magia.