Resenha - Lições de Amor

Resenha feita pela Luh!
Título: Lições de Amor
Título Original: Lessons in Love
Série: Garota <3 Garoto
 1- Nada É Para Sempre (2012)
2- Dizem Por Aí (2013)
3- Três é Demais (2013)
4- Lições de Amor
5- A Garota Certa (2014)
6- Eu e Você (2014)
Autor: Ali Cronin
Editora: Seguinte
Páginas: 296
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Fnac // Submarino

Meu predileto até o momento!
Nota: Essa resenha NÃO contém spoilers dos livros anteriores da série.

Sinopse: Donna sempre sonhou em ser atriz. Mas entre ela e seu sonho há um “pequeno” obstáculo: as provas finais de inglês. Para ser aceita em qualquer faculdade de teatro, ela precisa tirar uma boa nota nessa matéria, mas ao que tudo indica será reprovada. Assim, incentivada (para não dizer forçada) por seu pai e Barbie, a namorada mais nova e controladora que ele arrumou, Donna vai atrás de um professor particular. Por um anúncio na biblioteca, ela descobre Will, um universitário que ensina inglês para ganhar um dinheiro extra. Desde a primeira aula, Will percebe o potencial de Donna e a ajuda a enxergar a peça de Shakespeare sob uma nova luz. Mas o clima de romance não fica só nas frases escritas há mais de quatrocentos anos: Will é lindo, fofo, inteligente… e parece ter a mesma opinião sobre Donna. O único problema é que esse sentimento reabre cicatrizes profundas no coração dela.
Desde que viveu uma experiência amorosa horrível, seu lema passou a ser “não deixe que se aproximem e nunca poderão machucá-la”. Agora ela precisa decidir se irá se proteger - evitando que Will chegue perto demais - ou se colocará tudo em risco e abrirá de vez seu coração, para finalmente viver uma história de amor.

A Trama: Esse é o quarto livro da série e foca na última das quatro garotas, Donna. Antes de tudo, preciso comentar que ela foi minha protagonista predileta, tornando o livro bem divertido!
A trama começa pouco tempo após o fim de Três É Demais e o grupo de amigos está numa fase boa, porém um pouquinho tensa, com provas importantes e inscrições para faculdade se aproximando. Donna pretende fazer faculdade de teatro, porém para isso precisa tirar notas boas em Inglês, sua pior matéria. Admitindo que precisa de ajuda, a garota contrata um professor particular muito bonito, Will, e se interessa por ele logo na primeira aula. Porém Donna tem muitos problemas de confiança e faz de tudo para se proteger.
Como era de se esperar, a trama é bem previsível (o que já aconteceu nos últimos três livros), porém gostei muito dos personagens e da maneira como o romance se desenvolve, então não me importei de saber o final.

A Protagonista: Donna não recebeu muito espaço nos outros livros, exceto em Dizer Por Aí porque a protagonista era sua melhor amiga, então ela foi uma surpresa. A protagonista é teimosa, se irrita com facilidade e não tem medo de retrucar ou chamar a atenção de alguém. Gostei muito de sua independência e da confiança que ela tinha em si mesma para quase tudo. Entretanto, Donna parecia se transformar ao pensar em envolver-se romanticamente com alguém, por ter tido uma péssima experiência anteriormente. Enquanto parte de mim compreendia seus sentimentos, outra parte se sentia muito frustrada com sua insistência em acreditar que o amor não valia a pena, afinal foi apenas uma experiência ruim.

Os Personagens Secundários: Apesar de o livro focar na protagonista, acabei conhecendo muito de Will, o professor particular, e ele foi um personagem interessante, mas está longe de ser meu predileto por ser "certinho" demais. Também conhecemos mais sobre a família de Donna e gostei de ver que o seu pai a apoia, mesmo que ela queira fazer faculdade de teatro. Sobre os amigos, é interessante acompanhar o andamento de Ashley e Cass, principalmente após os eventos dos últimos livros. Continuo não gostando muito de Sarah, e Jack e Ollie não aparecem muito. Rich está se tornando um dos personagens mais legais e espero muito que ele seja o protagonista de algum dos livros, porque estou louca para conhecê-lo melhor.

Capa, Diagramação e EscritaInfelizmente não sou uma fã do laranja e, de todas as capas, essa foi a que menos gostei, mas ainda ainda está fofa e a lombada é maravilhosa. A fonte é um pouquinho pequena e as falas são separadas por aspas, porém gostei de alguns detalhes fofos no início de cada capítulo.
Ali Cronin escreve de uma maneira que eu nunca vi em outro livro, com uma linguagem que eu poderia facilmente usar em uma conversa do Facebook com os amigos, com gírias e expressões conhecidas como "Só que não" e "*cof*". Amei essa linguagem acessível e combina perfeitamente com o livro, só não recomendo a série para os menores de dezesseis anos por ter palavrões e algumas cenas mais gráficas (mas nada pesado como em livros eróticos).

Concluindo: Lições de Amor me lembrou porque eu gosto dessa série, personagens muito divertidos e cenas hilárias, além da linguagem informal. Vale a pena para quem está procurando algo mais leve, apenas para passar o tempo e dar algumas risadas.

Classificação: