Resenha - Abandono

Resenha feita pela Luh!
Título: Abandono
Título Original: Abandon
Série: Abandono
1- Abandono (2012)
2- Inferno (2014)
3- Awaken (2013 US)
Autor: Meg Cabot
Editora: Galera Record
Páginas: 304
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Fnac // Extra

Honestamente? Eu esperava mais.


Sinopse: Pierce tem dezessete anos de idade e sabe o que acontece quando morremos. É assim que ela conheceu John Hayden, o misterioso estranho que fez ela voltar a vida normal — ao menos a vida que Pierce conhecia antes do acidente — quase inacreditável. Embora ela pense que escapou dele — começando em uma nova escola em um novo lugar — confirma-se que ela estava errada. Ele a encontra. O que John quer dela? Pierce acha que sabe… também acha que ele não é um anjo da guarda, e seu mundo sombrio não é exatamente o céu. Mas ela não consegue ficar longe dele, especialmente porque ele está sempre lá quando ela menos espera, exatamente quando ela mais precisa. Mas se ela deixa cair qualquer coisa, ela pode se ver no lugar que ela mais teme. E quando Pierce descobre uma verdade chocante, sabe de onde John a salvou: o submundo.

A Trama: Eu amo releituras, e essa trilogia é uma releitura do mito grego de Perséfone, então eu estava com expectativas muito altas, e acho que infelizmente isso não ajudou. Meu problema todo está na trama e na maneira como a autora resolveu escrevê-la. No início o leitor é jogado na vida turbulenta de Pierce sem entender nada e demora quase metade do livro para realmente compreender tudo o que aconteceu. Não gostei de ficar me sentindo perdida e confusa, sem entender quando a protagonista mencionava algum acontecimento de seu passado. Isso tornou a narrativa lenta e fez com que algumas cenas fossem pouco interessantes, já que eu não conseguia me envolver na trama. Entretanto, o ritmo melhora bastante na segunda metade do livro e há diversas cenas engraçadas que salvam as partes lentas.


A Protagonista: Pierce definitivamente foi minha parte predileta de Abandono. A garota tinha diversos problemas, a maioria causados por John, e tinha umas reações meio malucas mesmo, mas adorei sua personalidade diferente. Ela foi ficando mais previsível com o tempo, porém ainda era cativante e me deixou curiosa sobre seu passado.

Os Personagens SecundáriosNão posso falar muito sobre John, até porque ele permanece um mistério durante todo o livro, mas amei o personagem e espero muito que ele tenha mais espaço no resto da trilogia. Exceto pela mãe de Pierce, senti que os personagens secundários não foram muito explorados e poderiam ter tornado o livro melhor, principalmente os adolescentes. Também não gostei de como a maioria deles era um clichê ambulante.

Capa, Diagramação e Escrita: Amei essa capa, especialmente porque ela continua para a parte de trás do livro. As cores são um pouco fracas, não chamam a atenção, porém combinaram muito bem.
A escrita da Meg não está em seu melhor (e sei disso porque já li mais de 15 livros dela), porém vou aguardar para ver como a trama se desenvolverá. Só achei uma pena que algumas piadas brilhantes que aparecem na versão americana, com jogos de palavras, não puderam ser traduzidas porque não temos as mesmas expressões aqui.

Concluindo: É uma série que por enquanto eu não recomendaria, vou aguardar pra ver se melhora no próximo livro. Para quem lê em inglês, The Goddess Test é um livro bem parecido, porém melhor, na minha opinião. Ainda assim, gostei do livro, a trama tem para onde ir e pode melhorar muito, além de ter uma protagonista ótima.

Classificação: