Resenha - De Repente Acontece

Resenha feita pela Maay!
Título: De Repente Acontece
Título Original: When it Happens
Livro Único
Autor: Susane Colasanti
Editora: Novo Conceito
Páginas: 288
Ano: 2014
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Extra // Submarino // Fnac

Uma leitura para descontrair, exclusivamente. 


Sinopse: De repente acontece fala daquelas paixões que começam do jeito errado e têm tudo para terminar errado – mas, depois de ler a última página, a gente acredita que o amor existe. Se você é uma menina, este livro vai ajudá-la a entender o que se passa na cabeça dos garotos. Se é um menino... Bem, se você é um menino, também vai gostar de De repente acontece. Uma história simpática, com cara de vida real. E que poderia acontecer com você ou com a sua melhor amiga!

A Trama: De Repente Acontece tem uma trama bem clichê. A menina que gosta do menino popular malvado, o esquisito bonzinho (e bonitinho) que é afim da garota... E por aí vai.
Se fosse pra resumir, eu diria que é o roteiro perfeito pra um filme adolescente. É uma história que flui bem com alguns exageros desnecessários que, apesar de não influenciar absolutamente em nada a sua vida, vale a pena naqueles momentos de tédio, por ser uma leitura gostosa. 


Os Protagonistas: Os personagens são bem estereotipados. Sara é a nerd que mal consegue acreditar que o garoto mais popular da escola está afim dela, enquanto Tobey é aquele que não quer nada com nada, mas acaba melhorando para conquistar a mocinha. Como eu disse, roteiro de filme adolescente.

Personagens Secundários: Vou me abster de dar minha opinião sobre Dave, porque ele é exatamente aquilo que você está acostumado nos garotos populares.
Queria que a autora tivesse dado mais destaque às amigas da protagonista, fiquei curiosa sobre Maggie e Laila. Mas, como todo o resto, essa falta de destaque também era esperada.

Capa, Diagramação e Escrita A capa segue o estilo de todas as outras capas da autora por essa editora. Apesar de ser com modelos, eu gostei, pois não mostra seus rostos.
Sobre a escrita, nunca tinha lido nada da Susane, e finalmente entendi todo o sucesso que ela faz com o público infanto-juvenil. Digamos que ela diz exatamente aquilo que uma pessoa nessa faixa etária gostaria de ouvir.
Tenho apenas duas queixas. O livro é narrado alternadamente por Sara e Tobey, porém, não há nada na diagramação que nos ajude a identificar o narrador, então demorei bastante para me acostumar com isso.
E a segunda queixa é que, a partir de certo momento, os capítulos de ambos acabam por narrar exatamente os mesmos fatos, apenas sob pontos de vistas diferentes, o que se torna um pouco cansativo. Mas, no geral, a leitura é tranquila e agradável.

ConcluindoDiria que esse é o livro ideal para você ler em uma viagem longa. Sabem como é? Aquele momento de tédio absurdo, mas no qual você não consegue prestar muita atenção em nada? Então. Esse mesmo.
O livro tem menos de 300 páginas e a fonte é grande, então a leitura é rápida. Vale pela distração, mas não irá te marcar em nenhum aspecto.

Classificação: