Terça do Top #75

Top Diagramações em Livros (3)


Chegamos na última parte desse top! Já vimos alguns livros lindos, e hoje é dia de mostrar os meus! Alguns detalhes são pequenos, porém fazem toda a diferença. Para quem perdeu, pode conferir a primeira e a segunda partes, que foram ao ar esse mês.

Insígnia - S. J. Kincaid
Além de ter uma capa maravilhosa, esse livro tem um detalhe bonito no início de cada capítulo, com um sistema binário que vai desaparecendo.

Enfeitiçadas - Jessica Spotswood
Essa é uma das diagramações mais bonita que eu já vi. O início de cada capítulo tem uma moldura em volta do texto, além de os números serem lindos. Honestamente fica maravilhoso no livro!

A Garota Que Perseguiu a Lua - Sarah Addison Allen
Para quem acompanhou o top, já deve ter visto uma diagramação bem parecida na semana passada, em outro livro da autora. É um pouquinho complicado ler o texto nesse formato, mas é muito original e uma das poucas vezes que vi o texto inclinado em um livro.

Belle Époque - Elizabeth Ross
Apesar de ser bem simples, gosto da diagramação desse livro pelo detalhe no topo da página e pelas palavras (e diálogos) em francês, sempre em itálico.

Ladrões de Elite - Ally Carter
Espalhado por todo o livro, temos essa imagem linda com um prazo decrescente, provavelmente para ajudar o leitor a se situar no calendário. É uma ótima maneira de começar um novo capítulo, tenho vontade de ficar só olhando para o mapa.

Almanova - Jodi Meadows
Além do detalhe da borboleta no início de cada capítulo, uma coisa bem original em Almanova é que a folha  da primeira página dos capítulos é cinza, de um tom bem mais escuro que o resto do livro. Não se preocupem, ainda é fácil de ler, porém gostei bastante do detalhe.

Minha Vez de Brilhar - Erin E. Moulton
Ainda não tive tempo de ler o livro por completo, mas já reparei que além daquelas imagens fofinhas que lembram muito o verão no topo da página, o livro conta com passagens que acredito serem as memórias da protagonista, todas em uma fonte diferenciada.

Wither (Aprisionada) - Lauren DeStefano
O detalhe no início de cada capítulo pode parecer bobo, porém o mais legal é que ele combina perfeitamente com a capa, que tem esse mesmo padrão de linhas.

Luxo - Anna Godbersen
Impossível esquecer o número do capítulo quando ele ocupa metade da página, não é? Além dos inícios de capítulos, o livro conta com recados e outras coisas do tipo, nessa fonte muito elaborada que realmente lembra algo escrito à mão.

Métrica - Colleen Hoover
Esse livro tem várias poesias que são escritas daquela maneira ali, com algumas palavras em destaque e definitivamente sem nenhuma preocupação em alinhar as frases, mas acaba ficando muito bonito.

O Guia do Herói Para Salvar o seu Reino - Christopher Healy
O início dos capítulos pode até ser lindo, principalmente com aqueles títulos engraçados, porém o que me conquistou nesse livro são as ilustrações muito fofas, que ajudam a visualizar melhor as cenas.

Ufa, acabou! Quais foram os prediletos?
E o que vocês acham, a diagramação interna é tão importante quanto a capa?