Resenha - A Evolução de Mara Dyer

Resenha feita pela Luh!  
Título: A Evolução de Mara Dyer
Título Original: The Evolution of Mara Dyer
Série: Mara Dyer
1- A Desconstrução de Mara Dyer (2013)
2- A Evolução de Mara Dyer (2014)
3- A Vingança Mara Dyer (2014 US)
Autor: Michelle Hodkin
Editora: Galera Record
Páginas: 406
Ano: 2014
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Fnac

Um livro que te fará conferir se trancou mesmo a porta.

Atenção: Essa resenha não contém spoilers de A Desconstrução de Mara Dyer (exceto pela sinopse).

Sinopse: As misteriosas e perigosas habilidades de Mara continuam a evoluir. Ela sabe que não está louca e agora precisa se prender desesperadamente à sanidade. Mara sabe que é tudo real: pode matar com um simples pensamento, assim como Noah pode curar com apenas um toque e que Jude, o ex-namorado morto por ela, está realmente de volta. Mas para descobrir suas intenções, deve evitar uma internação em um hospital psiquiátrico. Confusa com as paredes se fechando e ruindo ao seu redor, ela deve aprender a usar seu poder. 

A Trama: Já deveria começar avisando que essa não é uma série para os impacientes. A protagonista, Mara, passou por um acidente terrível que matou três conhecidos e, devido ao estresse pós-traumático, começou a ter alucinações. O leitor só tem o ponto de vista da protagonista e, portanto, não sabe se algo está realmente acontecendo ou se está só na mente da garota. Apesar de o segundo livro ter avançado um pouco na trama, eu queria mais respostas, e não gostei nem um pouco do final, onde há uma pequena "explicação" apressada para o que está acontecendo, porém sem realmente confirmar nada.
O livro é maravilhoso. Há algumas cenas aterrorizantes, daquele tipo de terror psicológico que vai aparecendo aos pouquinhos e você só percebe quando é tarde demais. A trama me deixou tensa, grudada nas páginas e desesperada para entender o que estava acontecendo. Foi ótimo do início ao (quase) fim, porém agora estou com medo de como a autora vai explicar tudo o que aconteceu.

A Protagonista: Mara é louca mesmo, daquelas que tem alucinações, esquece de coisas que fez ou disse e até tem sonambulismo. Ela já tinha me conquistado aí, por ser tão diferente. Porém Mara também é muito inteligente, busca respostas e faz de tudo para proteger àqueles que ama. Amei como a protagonista realmente duvidava de si mesma em certas ocasiões, perguntando-se se aquilo estava acontecendo de fato ou se ela estava louca de vez.

Os Personagens Secundários: Foi muito inteligente da autora introduzir outras pessoas com problemas psicológicos. Adorei a calma Stella, que parecia quase normal, e a maluca Phoebe, que claramente tinha muitos problemas. Os personagens eram complexos e muito interessantes, o que me deixou com muita vontade de conhecê-los melhor.
Gostei de Noah desde o início, por ser tão carismático, porém no primeiro livro foi um pouco difícil de aceitar seu romance com Mara. Agora eles me pareceram muito fofos juntos e gostei da confiança que um tinha no outro, apesar de Mara ser um pouquinho dependente demais do cara.

Capa, Diagramação e Escrita: Adoro as capas dessa série. Elas combinam, porém não são parecidas demais, sem falar que ficou muito original, apesar de não combinar bem com o livro.
A escrita da Michelle é ótima, ela consegue prender o leitor ao deixar sempre aquela dúvida se aquilo aconteceu mesmo. As cenas mais sombrias são ótimas e gostei de como ela vai dando pequenas dicas do que está acontecendo antes de fazer alguma revelação.

Concluindo: Amei a continuação e estou muito ansiosa pelo último livro da trilogia, preciso saber o que está acontecendo! Recomendo a todos, especialmente aos fãs de um bom mistério, porém os personagens carismáticos e a trama agitava podem conquistar a todos.

Quotes:
- Não pode me ferir do modo que acha que pode. Mas mesmo que pudesse? Preferiria morrer com seu gosto na língua a viver e jamais tocá-la de novo. Estou apaixonado por você, Mara. Eu amo você. Não importa o que faça.

Classificação: