Terça do Top #77

Top 6 Autores Que Reinam na Minha Estante


Tirei fotinhos especiais hoje pra mostrar a vocês os autores que ocupam um bom espaço nas minhas prateleiras. Às vezes o número de livros na foto não vai corresponder ao número real de livros que eu possuo, porque alguns eu não encontrei aqui na bagunça e outros estão emprestados, mas o importante é que são muitos livros.

Rick Riordan - 8 livros
Quem acompanhou as últimas resenhas do Tio Rick aqui no blog sabe que eu já estou ficando um pouquinho cansada da escrita dele (depois de ter lido 9 livros do autor no mesmo universo, não é uma surpresa). Ainda assim, pretendo terminar a série Os Heróis do Olimpo, porque a escrita desse autor é viciante e ele ainda é um dos meus prediletos.

J. K. Rowling - 8 livros
Se a J.K. escrevesse 20 livros no universo de Harry Potter, tenho certeza que eu e uma quantidade gigantesca de leitores leria os 20 e ainda pediria por mais. Não pretendo ler a série policial da autora, por não ser fã de suspenses policiais, mas ainda pretendo acompanhar seus futuros trabalhos.

Richelle Mead - 10 Livros
Eu já li muito mais da Richelle do que está aqui, ela é minha segunda autora mais lida, com "só" 12 livros na conta, e a tendência é que esse número aumente cada vez mais, porque eu devoro tudo o que essa mulher escreve. Todas as séries dela seguem um mesmo padrão pra mim, começam em um nível mais mediano e vão melhorando a cada livro, e a série Academia de Vampiros é minha predileta até hoje. (Não é a melhor série que eu já li, mas é minha predileta.)

Bernard Cornwell - 13 livros
Se você ainda não conhece o Bernard, está na hora de comprar um de seus livros. Se você já comprou, leia. Conheço muitos blogueiros e leitores por aí que são fãs desse autor, e eu já sou fã há muito tempo. Os livros dele tem detalhes bem gráficos e tratam de temas muito interessantes como vikings ou a lenda arturiana, porém não de uma maneira óbvia ou previsível.

Philippa Gregory - 13 livros
Talvez o tamanho da pilha da Philippa assuste um pouquinho, mas é porque os livros dela são grandinhos mesmo. Aqui no Brasil é a Record que publica essa autora, porém as minhas versões são as americanas, porque eu amo a escrita original dela (mas é um inglês bem complicado, já aviso). Ela também trata de ficção histórica, mas com protagonistas femininas, e vou confessar que nem todos os seus livros são maravilhosos e não vão agradar a qualquer um, porém eu gosto bastante.

Meg Cabot - 14 livros
Se você acha que a minha coleção atual da Meg é grande, é porque não posso tirar foto da época que tinha os 10 livros de O Diário da Princesa e 5 da série A Mediadora, para completar todos os que estão aí. Sempre amei essa autora e ela foi a minha predileta por muitos e muitos anos quando eu era adolescente, por escrever aqueles livros fáceis e fofos, com protagonistas engraçadas. Até hoje é a minha autora mais lida, com algo em torno de 28 livros, mas são tantos que já perdi a conta.

Espero que tenham gostado das fotos e muito obrigada a todos que comentaram semana passada, me ajudou a escolher quais livros ainda valem a pena tentar!