Quinta das Capas #75

Estranhos


Eu adoro capas lindas tanto quanto qualquer outra pessoa, porém o tema de hoje são aquelas capas que eu olho e penso "o que diabos está acontecendo aqui"?
Eu imagino que as imagens combinem com a trama dos livros, de alguma maneira, e nem todas são feias, só acredito que sejam bem estranhas.

 Um conjunto não muito harmonioso em O Bosque Selvagem (poluição visual existe hein), um novo adorno de sobrancelhas em Tabuleiro dos Deuses, sem falar do bronzeado, e nem sei por onde começar em Tithe
.
Eu adoro as capas da série A Mediadora, mas porque essa faixa na cabeça e qual é o objetivo dessa posição estranha? O Verão das Bonecas Mortas simplesmente me dá medo, e eu nem sei porque, e Enders é outra daquelas que eu não saberia por onde começar, mas um boneco branco, feito no computador, com um olho de cada cor e a testa descascando??

Eu sei que 1984 combina com a trama, mas esses olhos flutuantes e essas cores que não combinam não me conquistaram. Em Se Alguma Vez temos uma câmera, uma janela e um cachorro com algo na cabeça. Era pra fazer sentido? O Escaravelho está uma bagunça, cores estranhas, um rosto flutuante e, claro, um deserto com abutres.

Ops, pequena falha, essa primeira imagem da última linha deveria dizer "Um Vento na Porta". Não que o título fosse ajudar, co outra cabeça flutuante e alguma coisa voadora que nem vou tentar adivinhar o que é. Em Maldição temos um animal de garras vermelhas e uma sombra da moda pousando em uma flor. Com um fundo roxo, porque não estava estranho o suficiente antes. E por fim, eu adorei essa imagem de EntreMundos, o resultado ficou maravilhoso, mas o que é aquilo??