Resenha - Luz e Trevas

Resenha feita pela Tay!
Título: Luz e Trevas
Título Original: Darkness & Light
Série: A Guerra dos Fae
1- As Crianças Trocadas (2013)
2- Chamado às Armas (2014)
3- Luz e Trevas
4- New World Order (2012 EUA)
Autor: Elle Casey
Editora: Geração
Páginas: 384
Ano: 2014
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Submarino

Esse resenha não contém spoilers dos livros anteriores.

SinopseJayne Sparks está mais destemida, engraçada e rebelde do que nunca, tendo que enfrentar os problemas causados acidentalmente pelo duende Tim, aprender a manipular melhor seus poderes com O Verde, conhecer traições de um grande amigo e descobrir quais são os motivos secretos pelos quais há uma guerra incessante entre Faes das Trevas e Faes da Luz. Seus poderes podem torná-la vulnerável às manipulações dos Fae das Trevas, e ela poderá torna-se prisioneira de forças inimigas. Mas sua astúcia sempre estará lá.

A Trama: Nesse livro descobriremos mais sobre os Faes das Trevas, além de compreendermos por qual causa cada lado dessa guerra irá lutar. Apesar de o início ter sido meio chatinho, porque parecia que quase nada aconteceria como no segundo volume, Luz e Trevas provou ser melhor que seu antecessor. A trama continua muito bem humorada, já que Jayne e seus amigos são umas peças raras. O final foi de muita ação e, como já é característico, terminou bem no meio de uma cena e me deixou ansiosa para o último volume. 

A Protagonista: Apesar de um pouco ingênua para algumas coisas, Jayne não está mais tão sonsa quanto no volume anterior. Seu humor está a todo vapor e eu adoro isso na personagem, porque isso a torna espontânea e única. Sério, acho que não li nenhum outro livro em que a protagonista seja tão hilária e desbocada quanto ela. Uma coisa que não gosto muito em sua personalidade é ela perder o foco sempre que encontra um cara bonitão, não importa se ele é amigo ou inimigo. 

Personagens Secundários: Tony está incrível nesse livro, além de provar que é um líder nato. Spike continua "sedutor" como sempre, usando e abusando de seus poderes de íncubo. Becky está meio chatinha e uma coisa no final me fez achá-la bem idiota, daquele tipo que você até revira os olhos. Eu adoro Tim, o pixie, ele e Jayne são uma dupla hilária. Conhecemos alguns novos personagens nesse livro, além de saber um pouco mais sobre Ben, que aparece no final do segundo. 

Capa, Diagramação e Escrita: Eu gosto dessa capa, apesar daquela floresta lá atrás estar bem falsa. A diagramação está como a dos livros anteriores, com a primeira página de cada capítulo emoldurada por preto com a silhueta de uma árvore. Eu adoro a escrita da Elle, ela consegue tornar a Jayne hilária, além das situações e dos personagens secundários condizer bastante com esse humor da protagonista. Além disso, é uma narrativa simples e fluida, e todo o humor faz com que mesmo as partes mais chatinhas não sejam monótonas ou cansativas. 

Concluindo: Eu gostei bastante desse volume, principalmente pelo final, que me deixou bem ansiosa pela conclusão da série. Se você quer uma leitura divertida e descontraída, eu recomendo de mais. Além do elemento da fantasia e de seres mitológicos/sobrenaturais, há bastante mistério e um pouco de ação na dosagem certa. 

Classificação: