Resenha - Contos de Grimm

Resenha feita pela Maay!  
Título: Contos de Grimm - para todas as idades
Livro Único.
Autor: Philip Pullman 
Editora: Alfaguara (Suma de Letras)
Páginas: 414
Ano: 2014
Saiba mais: Skoob
Comprar: Submarino // Saraiva // Extra

Pullman consegue provar que nem todo livro de contos de fadas precisa ser igual aos outros.

Sinopse: Em Contos de Grimm para todas as idades, considerado pelo jornal britânico Sunday Times um dos melhores livros de ficção do ano, Philip Pullman recria seus contos de fadas preferidos. Afirmando que conservar uma única versão dessas histórias é como prender um pássaro numa gaiola, o autor toma a liberdade de acrescentar e inventar detalhes que tornem a narrativa mais fluida e divertida. Ao final de cada uma delas, um breve comentário sobre personagens, curiosidades, versões semelhantes e finais alternativos traz ainda mais riqueza para essas clássicas histórias.
Ao longo dos 53 contos reunidos na coletânea, belos príncipes e princesas, velhas feiticeiras, madrastas cruéis e animais falantes transitam entre o estranho e o absurdo. Estão presentes clássicos como Branca de Neve, Cinderela, João e Maria e Chapeuzinho Vermelho, e histórias menos conhecidas, mas não menos surpreendentes, como O junípero, Rumpelstiltskin e Hans Meu Ouriço.
A maestria e o cuidado de Pullman conferem novo vigor à preciosa obra dos irmãos Grimm, repleta de histórias fantásticas sobre amor, amizade e coragem, que há séculos encantam leitores de todas as idades.
"Tudo o que me propus a fazer neste livro foi contar as melhores e mais interessantes histórias dos irmãos Grimm, tirando do caminho qualquer coisa que pudesse impedi-las de fluir livremente. Não quis colocá-las em cenários modernos, produzir interpretações pessoais ou compor variações poéticas dos originais; tudo o que busquei foi produzir uma versão que fosse límpida como água. A questão que me orientou foi: Como eu mesmo contaria esta história, se a ouvisse de outra pessoa e quisesse passá-la adiante?" - Philip Pullman.

A Trama: Philip Pullman pode até ter dado seu pitaco nas histórias a fim de torná-las mais fluídas, mas não foi isso que tornou seu livro diferente dos demais. O verdadeiro diferencial está no comentário que o autor faz ao fim de cada conto, pelo qual eu esperava ansiosamente. 
Com esses comentários, Pullman nos apresenta diversas curiosidades sobre os contos, versões semelhantes, pequenas mudanças que os próprios irmãos Grimm trouxeram em cada nova edição, um pouco sobre quem foi a fonte dos dois... O livro me encantou completamente.


Capa, Diagramação e Escrita: A capa e a diagramação são tão simples, que não fazem jus à obra que carregam. Esse livro merecia mais detalhes, mais "beleza". Mas ao mesmo tempo, a beleza interior é a que vale né? E isso... Acho que já ficou claro o quanto eu me derreti e me apaixonei por cada página.
A leitura é bem leve e flui super bem. Todo mundo já leu algo dos irmãos Grimm, e quanto às interferências de Pullman - só vieram para acrescentar.

Concluindo: Esse livro pode não ter aquele visual maravilhoso que normalmente é característico das antologias de contos de fadas, pode não deixar sua estante mais bonita e você pode até pensar que é melhor comprar mais um dos bonitinhos (que são decididamente mais do mesmo). Mas querem um conselho? Não julgue o livro pela capa. Não se limite às aparências. 
Dentre tantos, essa é a melhor antologia de contos de Grimm que já li. 
Pullman saiu da zona de conforto, ele foi atrás de informações que não encontramos tão facilmente. E se o que você busca é conhecer um pouco mais sobre essa histórias que tanto amamos, não pense duas vezes antes de escolhê-lo. 
Agora um aviso final e bem desnecessário (ao meu ver): é claro que esse não é um livro para qualquer um, ou você gosta dos Contos de Grimm, ou não gosta. E se não gosta, não tem porque perder tempo (mas aí sou obrigada a dizer que você não sabe o que está perdendo, haha).

Classificação: