Resenha - O Desafio

Resenha feita pela
Título: O Desafio
Título Original: The Wager
Série:
The Bet
1 - A Aposta (2014)
2 - O Desafio (2015)
3 - O Risco (US 2014)
Autora: Rachel Van Dyken
Editora: Suma de Letras
Páginas: 359
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Americanas // Submarino // Extra

Essa resenha não contém spoilers de A Aposta.

Sinopse: “Como vai? Quer dizer, faz tanto tempo!” Na verdade, fazia onze meses, uma semana e cinco dias. Mas quem é que estava contando? Não ela. Jake Titus é rico demais, bonito demais e arrogante demais: qualidades que, anos antes, fizeram Char Lynn viver com ele a melhor noite de sua vida — e em seguida a pior manhã, quando ele a dispensou. Agora terão que se reencontrar no casamento de Kacey, a melhor amiga dos dois. Seria uma situação estranha, mas suportável... Se vovó Nadine não tivesse sido desafiada a uni-los. Como padrinho e dama de honra dos noivos, Jake e Char têm que passar cada vez mais tempo juntos. Ele é um galinha mimado, e ela é uma garota maluca. Então por que não conseguem resistir um ao outro? Quando Jake para de se comportar como um babaca e começa a agir como o homem que Char sempre teve esperança de que ele pudesse ser, fica cada vez mais difícil lembrar que ele já a magoou. E agora Jake vê nela tudo que sempre quis — só precisa fazer Char acreditar nisso.

A Trama: Char é apaixonada por Jake desde a infância, mas depois de sofrer preconceito por ser gordinha, se afastou dele que até então era um amigo próximo. Mesmo adulta e mudada, ela continua não se encaixando no padrão de mulheres que chamam a atenção de Jake, mas sua paixão não deixa de existir. Acontece que Jake agora também se sente atraído por ela, e embora não  se ache merecedor de Char, ele não deixa de arriscar um romance com a moça. Com uma não tão discreta influencia de Vovó Nadine, eles vão se aproximando e descobrindo que dão mais certo juntos do que poderiam imaginar.

Os Protagonistas: Apesar de já ter sido um cara bem mulherengo, Jake está comportado nesse livro, buscando a aprovação que nunca teve da sua família. Char sofre com a indiferença dos pais que não ligam para ela nem no dia do seu aniversário, e fica feliz com a atenção e carinho que recebe de Jake, mas não sabe se pode confiar nele ou não. Na verdade os dois se completam e formam um casal muito engraçado.

Personagens Secundários: Vovó Nadine foi a grande estrela do livro, mais uma vez. Bastou que Kacey a desafiasse sobre arranjar um companheiro para Char, que a vovó começou a dar seu show. Por vezes fiquei chateada com Travis, irmão de Jake, por não dar nem um voto de confiança a ele, mas com o histórico do cara é compreensível que demorem a acreditar que ele possa mudar.

Capa, Diagramação e Escrita: Mais uma vez não gostei da foto da capa, mas ok. A diagramação está comum e bem feita. A autora caprichou na comédia nesse livro e teve sucesso pois deu muito certo. Me diverti do primeiro ao último capítulo.

Concluindo: Mais um romance clichê que agrada quem gosta do gênero. Achei melhor que o anterior e fiquei animada para o próximo livro. Apesar de serem histórias sobre casais diferentes, recomendo que sejam lidos na ordem para entendimento melhor da trama.
Quotes: 
Talvez o amor seja isso. Compartilhar os bons e maus momentos e torcer para que Deus permita que a pessoa continue esperando por você do outro lado. Casamento é um exercício de confiança. Sempre me considerei um cara que gosta de correr riscos. O maior risco de todos é ir atrás de uma pessoa com todo o seu coração, sabendo que é bem possível que ela não o queira da mesma forma.

- Eu sentiria a sua falta, mesmo que nunca a tivesse conhecido. Sentiria a sua falta, porque saberia que uma parte de mim nunca estaria aqui.
                                 Classificação:
 
Classificação:
Classificação: