Quinta das Capas #79

 

Livros Amarelos - Parte2


Olá, Olá, Olá! Retomando nosso tema amarelado da semana passada! Inclusive essas parecem mais amarelas e chamativas comparadas ás da semana passada não?

Electro Boy é criativa, além da fonte nos passar a ideia de alta tensão, dá a impressão de sombreamento, sabe quando vemos uma imagem com a luz vindo de trás do ponto focal. If You Give a Cat a Cupcake é mmmuuuiiittooo fofa! O traço do desenho é bem feito, sem ser muito infantilizado, mas ainda passa toda essa atmosfera atrativa e divertida característica de livros infantis, (Obs: Por favor! Não deem cupcakes para os seus gatos!!!!). Por que Indiana, João...é sem graça, se eu o achasse em uma livraria, me interessaria pelo nome, mas com certeza não pela capa, como um livro com uma cor tão chamativa pode ser tão...desinteressante.

Encontramos vários livros de Saramago em amarelo, algum motivo especial? Não faço ideia...Memorial do Convento e A Caverna me lembram quadros de arte moderna, causam aquela impressão "nossa..que estranho, mas até que faz algum sentido, ou será que não..." Já As Intermitências da Morte é estranha, mórbida e engraçada, não parece que esse esqueleto está posando para a foto?

Amei a capa de The Girl With The Dragon Tattoo, muito mais do que a capa brasileira, inclusive da nova edição, as cores ficaram lindas, parece uma aquarela, e a distribuição do título na capa ficou ótima, ele é intensa, bem Lisbeth Salander! A evolução de Calpúrnia Tate tem aquele mesmo efeito de sombreamento, e me lembrou os livros de colorir da Johanna Basford. Spilling Ink é criativa e parece um pouco 3D não? A mancha de tinta de tinta me parece até úmida.

Gostaram das capas? Sugestões para a semana que vem?