Resenha - Dois Garotos Se Beijando

Resenha feita pela Tay!
Título: Dois Garotos Se Beijando
Título Original: Two Boys Kissing
Livro Único.
Autor: David Levithan
Editora: Galera Record
Páginas: 224
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Amazon


SinopseBaseado em fatos reais e em parte narrado por uma geração que morreu em decorrência da Aids, o livro segue os passos de Harry e Craig, dois jovens de 17 anos que estão prestes a participar de um desafio: 32 horas se beijando para figurar no Livro dos Recordes. Enquanto tentam cumprir sua meta — e quebrar alguns tabus —, os dois chamam a atenção de outros jovens que também precisam lidar com questões universais como amor, identidade e a sensação de pertencer.

A Trama: O livro contará quatro histórias diferentes, que acontecem ao mesmo tempo. Temos Peter e Neil, que estão juntos há um ano, mas Neil ainda tem de enfrentar algumas coisas em casa; Ryan e Avery, que se conhecem num baile gay da cidade de Ryan e os dois logo chamam a atenção um do outro por seus cabelos coloridos; Cooper, um garoto que passa as noites na internet em salas de bate papos com homens de todas as idades, sem nunca ter coragem de sair daquela zona de conforto, mas agora precisa enfrentar os pais quando seu segredo é descoberto; e Harry e Craig, que são ex-namorados, mas agora se juntam para tentar bater o recorde mundial de beijo mais longo. São eles os "dois garotos se beijando", apesar de haver mais beijos durante o livro. Mas a história não é apenas de beijos, mas sim do que vem com eles, todas as responsabilidades e, no caso, preconceitos. O livro é narrado pelos fantasmas daqueles que morreram pela AIDS no século passado, unidos numa única voz para contar as histórias desses adolescentes que, mesmo com toda a evolução do mundo, ainda precisam viver sob vários julgamentos "pré-históricos". No início, eu me perdi um pouco para entrar naquele universo criado pelo autor, mas depois foi maravilhoso, enriquecedor, incrível! Provavelmente não é o melhor livro já escrito, mas sabe quando a história simplesmente te ganha? As reflexões são para todos, pois fala de vida, amor e daquele processo em que nos descobrimos. 

Lançamentos de Março #5

Chegou a hora dos últimos lançamentos do mês. Pois é, março já está chegando no fim, o tempo está passando tão rápido ultimamente. Hoje veremos de Grupo Editorial Record, Grupo Editorial Autêntica e Grupo Editorial Pensamento. Eu quero ler Tua, A Fazenda e Sedução Mortal.

Penny tem um segredo.
Com o nickname Garota Online, ela escreve um blog no qual desabafa seus sentimentos mais íntimos sobre amizade, meninos, os dramas do colégio, sua família maluca e os ataques de pânico que começaram a dominar sua vida.
Quando as coisas vão de mal a pior, sua família a leva para Nova York, onde ela conhece Noah, um garoto lindo que toca guitarra, e com quem ela parece ter muito em comum.
De repente, Penny percebe que está se apaixonando — e escreve sobre cada momento dessa história em seu blog, de maneira anônima. Só que Noah também tem um segredo, que ameaça arruinar o disfarce de Penny para sempre.
Garota Online é um livro encantador, que traduz exatamente o que significa crescer e se apaixonar na era digital.

Complementado por um app gratuito, este é um livro sem noção, cheio de diversão e desafios: assar um bolo na caneca; criar uma cápsula do tempo; fazer desenhos insanos; escrever um diário sobre uma semana da sua vida; aprender origami etc. Totalmente ilustrado e com uma série de jogos, atividades e brincadeiras, Alfie desafia você a completar seu diário e a não fazer praticamente nada com orgulho.





Inés está convencida de que toda mulher, em algum momento, será traída. Assim, não fica tão surpresa quando encontra um bilhete nas coisas de Ernesto, seu marido — um coração desenhado com batom vermelho, escrito “te amo” e assinado “Tua”. Porém, quando Inés percebe que a traição do marido vai muito além do que ela pensava, trama um plano de vingança do qual não haverá volta.
Tua é um romance policial vertiginoso, mas também um retrato implacável da vida íntima da classe média. Claudia Piñeiro capta com genialidade as vozes da sociedade contemporânea, entre elas a de uma dona de casa disposta a qualquer coisa para manter as aparências.

Todos estão torcendo por Nikki e Brandon e agora ela finalmente pode escrever sobre tudo o que aconteceu – ou não – com o primeiro beijo deles! Muitas coisas estão acontecendo neste momento! A equipe de um reality show está seguindo os passos de Nikki e de seus amigos enquanto ela e Brandon gravam uma música juntos, além das aulas de canto, ensaios de dança e as últimas estripulias de sua irmã mais nova, Brianna. Nikki está certa de que tem tudo sob controle... mas espera que toda esta empolgação não cause novos problemas.

Resenha - O Desafio

Resenha feita pela
Título: O Desafio
Título Original: The Wager
Série:
The Bet
1 - A Aposta (2014)
2 - O Desafio (2015)
3 - O Risco (US 2014)
Autora: Rachel Van Dyken
Editora: Suma de Letras
Páginas: 359
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Americanas // Submarino // Extra

Essa resenha não contém spoilers de A Aposta.

Sinopse: “Como vai? Quer dizer, faz tanto tempo!” Na verdade, fazia onze meses, uma semana e cinco dias. Mas quem é que estava contando? Não ela. Jake Titus é rico demais, bonito demais e arrogante demais: qualidades que, anos antes, fizeram Char Lynn viver com ele a melhor noite de sua vida — e em seguida a pior manhã, quando ele a dispensou. Agora terão que se reencontrar no casamento de Kacey, a melhor amiga dos dois. Seria uma situação estranha, mas suportável... Se vovó Nadine não tivesse sido desafiada a uni-los. Como padrinho e dama de honra dos noivos, Jake e Char têm que passar cada vez mais tempo juntos. Ele é um galinha mimado, e ela é uma garota maluca. Então por que não conseguem resistir um ao outro? Quando Jake para de se comportar como um babaca e começa a agir como o homem que Char sempre teve esperança de que ele pudesse ser, fica cada vez mais difícil lembrar que ele já a magoou. E agora Jake vê nela tudo que sempre quis — só precisa fazer Char acreditar nisso.

A Trama: Char é apaixonada por Jake desde a infância, mas depois de sofrer preconceito por ser gordinha, se afastou dele que até então era um amigo próximo. Mesmo adulta e mudada, ela continua não se encaixando no padrão de mulheres que chamam a atenção de Jake, mas sua paixão não deixa de existir. Acontece que Jake agora também se sente atraído por ela, e embora não  se ache merecedor de Char, ele não deixa de arriscar um romance com a moça. Com uma não tão discreta influencia de Vovó Nadine, eles vão se aproximando e descobrindo que dão mais certo juntos do que poderiam imaginar.

Saciando a Fome #121

Gente! A semana voou só para mim?


Eba! Essa semana os livros se dividiram entre os meus e os da May. Para mim, vieram Reboot (Amy Tintera - Galera Record), uma distopia que, por milagre, não faz parte de uma trilogia, e Sombras Prateadas (Richelle Mead - Seguinte), o quinto livro de uma série que venho acompanhando já faz algum tempo, por uma das minhas autoras prediletas. Já para a May, recebemos Síndrome Psíquica Grave (Alicia Thompson - Galera Record) , um contemporâneo com um pouco de romance e uma protagonista problemática, e Ligações (Rainbow Rowell - Novo Século), de uma autora fofa que já tem duas resenhas no blog.

Resenha - O Aprendiz

Resenha feita pela Luh!  
Título: O Aprendiz
Título Original: The Spook's Apprentice (ou Revenge of the Witch, para os americanos)
Série: As Aventuras do Caça-Feitiço
1- O Aprendiz (2008)
2- A Maldição (2009)
3- O Segredo (2009)
4- A Batalha (2010)
5- O Erro (2011)
6- O Sacrifício (2012)
7- O Pesadelo (2013)
8- O Destino (2014)
9- I Am Grimalkin (2011 US)
...
13- The Spook's Revenge (2013 US)
Autor: Joseph Delaney
Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 224
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Fnac // Submarino // Extra

Fofo e infantil, bom para crianças!

Sinopse: Thomas Ward é o sétimo filho de um sétimo filho e se tornou aprendiz do Caça-Feitiço. A missão é árdua, o Caça-Feitiço é um homem frio e distante, e muitos aprendizes já fracassaram. De alguma forma, Thomas terá de aprender a exorcizar fantasmas, deter feiticeiras e amansar ogros. Quando, porém, é enganado e cai na armadilha de libertar Mãe Malkin, a feiticeira mais malévola do Condado, tem início o horror... e uma grande aventura!

A Trama: Não sabia muito bem o que esperar desse livro, porém adorei toda a aventura e o clima mais sombrio. Thomas acaba se tornando um aprendiz do temido Caça-Feitiço, que lida com criaturas terríveis, e desde o início fica claro que o velho rabugento não vai facilitar a vida do garoto. Adorei os personagens e achei a trama bem simples, um pouquinho apressada, mas perfeita para seu público-alvo: crianças. O final foi bom, porém deixando aquele suspense e curiosidade sobre o que vai acontecer no próximo volume.

Resenha - True

Resenha feita pela Tay!
Título: True
Título Original: True
Série: True Believers
1- True
2- Sweet (2013 US)
3- Believe (2014 US)
4- Shatter (2014 US)
Autor: Erin McCarthy
Editora: Verus
Páginas: 266
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Casas Bahia //  Amazon

SinopseQuando as colegas de quarto de Rory descobrem que a tímida e estudiosa garota nunca passou uma noite com um homem, decidem que vão ajudá-la a perder a virgindade contratando o confiante e tatuado Tyler para fazer o serviço, porém sem o conhecimento dela. Tyler sabe que não é bom o bastante para Rory. Ela é brilhante, enquanto ele está lutando para se formar na faculdade e conseguir um emprego, para, então, poder tirar seus irmãos mais novos da mãe drogada. Mas ele acaba aceitando a proposta, pelo menos como uma oportunidade de conhecer Rory melhor. Há algo nela que o intriga e o faz querer ficar por perto — mesmo sabendo que não deveria.
Divididos entre o bom senso e o desejo, os dois se veem envolvidos em uma relação apaixonada. Mas, quando a família desajustada de Tyler ameaça destruir seu futuro — assim como o dela —, Rory precisa decidir se vai cortar os laços com o perigoso mundo do namorado ou se vai seguir seu coração, não importa o preço a pagar.

A Trama: Rory sempre foi uma garota certinha e estudiosa, com o sonho de se tornar médica-legista, por isso estuda medicina na universidade. Ela tem duas colegas de quarto, que também são suas melhores amigas. Jessica e Kylie são lindas, loiras e populares, sempre chamando a atenção dos rapazes, enquanto Rory é sempre a excluída que ninguém quer chegar perto. Mas, depois de algo terrível acontecer na casa de um dos amigos de Jess e Kylie, Rory acaba conhecendo melhor o bad boy Tyler e, impressionantemente, ele parece ter ficado interessado nela. 
Eu gosto de New Adults. Mesmo que existam muitos clichês nos livros do gênero, alguns autores conseguem dar às sua histórias um ar próprio, único, fazendo com que você fique preso no livro, mesmo já sabendo o que pode acontecer. Mas senti que True é apenas uma cópia de todos esses livros que fizeram mais sucesso. Em momento nenhum eu consegui sentir que o livro era único, apesar dos clichês. Acredito que a autora não tenha se doado o suficiente para fazer daquela história mais sua, apenas pegado todos os ingredientes e cenas e diálogos e situações de outros livros, empregando isso no seu. Sem contar que o romance é muito instantâneo, começa do nada e os personagens vão levando, como se fosse a coisa mais natural do mundo. Tudo o que percebi é que a autora tentou forçar a barra para que nos apaixonássemos por seus personagens, infelizmente isso não colou comigo. 

Resenha - Amy & Matthew

Resenha feita pela
Título: Amy & Matthew
Título Original: Say What You Will
Livro Único.
Autora: Cammie McGovern
Editora: Galera Record
Páginas: 336
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Extra // Submarino // Americanas

Sinopse: Amy e Matthew não se conheciam realmente. Não eram amigos. Matthew sabia quem ela era, claro, mas ele também sabia quem eram várias outras pessoas que não eram seus amigos.Amy tinha uma eterna fachada de felicidade estampada em seu rosto, mesmo tendo uma debilitante deficiência que restringe seus movimentos. Matthew nunca planejou contar a Amy o que pensava, mas depois que a diz para enxergar a realidade e parar de se enganar, ela percebe que é exatamente de alguém assim que precisa.À medida que passam mais tempo juntos, Amy descobre que Matthew também tem seus problemas e segredos, e decide tentar ajudá-lo da mesma forma que ele a ajudou.E quando a relação que começou como uma amizade se transforma em outra coisa que nenhum dos dois esperava (ou sabe definir), eles percebem que falam tudo um para o outro... exceto o que mais importa.
 
A Trama:Amy nunca teve amigos de verdade. Sempre cercada de auxiliares pagos para ajudá-la a lidar com as dificuldades impostas pela sua paralisia cerebral, como não poder andar sem um andador e não poder ir ao banheiro ou se trocar sozinha, as outras crianças só se aproximavam dela quando tinham alguma curiosidade sobre o computador que falava por ela quando ela digitava. Mesmo mais tarde na adolescência, poucas pessoas tinham paciência para ouvir Amy ou conversar com ela. No último ano do ensino médio, antes de ir para a faculdade, Amy propõe a sua mãe um plano que ela aceita com relutância: contratar colegas de classe como auxiliares, para que assim ela possa conhecê-los melhor e tê-los como os amigos que ela nunca teve. Entre esses auxiliares está Matthew, menino que Amy já vinha observando há um tempo, e ele também já a havia notado e observado, embora eles nunca tenham sido próximos. Entre Amy e Matthew nasce uma relação sincera, acima do contrato estabelecido, de amizade e algo a mais que isso, que os dois tem medo de admitir até isso provocar efeitos em suas vidas que não seriam possíveis se eles não fossem tão próximos.

Terça do Top #90

Top 9 Continuações Que Preciso Ler


Como alguns de vocês já sabem, estou sempre procurando ler várias continuações, para não ficar com muitas séries atrasadas. Ainda assim, algumas escapam, então fiz uma lista com nove continuações que estou muito ansiosa para começar e, se pudesse, não saberia escolher qual eu leria primeiro.
Ao clicar nos títulos, você será redirecionado para a resenha do primeiro livro de cada série, caso queira saber mais!



O Sangue do Olimpo - Rick Riordan
Além de ser a finalização de uma série que comecei já fazem alguns anos, eu adoro os livros do Rick Riordan, especialmente os dessa série, então mal posso esperar para saber como tudo termina.







Estudo Independente - Joelle Charbonneau
Tive a sorte de receber esse livro semana passada e ele já pulou a fila, será uma das minhas próximas leituras. Amei o início da trilogia, então estou torcendo para que a qualidade seja melhor ainda.






Never Fade - Alexandra Bracken
Apesar de a série Mentes Sombrias não ser tão conhecida no Brasil, nos Estados Unidos ela é um sucesso e é fácil entender o porquê. O livro é enorme, porém cada página é repleta de ação e suspense, exatamente como eu gosto.





O Mar Infinito - Rick Yancey
Me lembro de me desesperar ao descobri que teria que aguardar mais de uma ano pela continuação de A 5ª Onda, mas esse dia finalmente chegou, e agora foi confirmado que haverá um filme baseado na série, então preciso desse livro para ontem!




Sonhos Com Deuses e Monstros - Laini Taylor
Sei que eu quero muito todos os livros da lista de hoje, mas acredito que esse seria o número um, pois faz parte de uma das minhas séries favoritas - e eu estou falando Top 5. O cenário muda completamente a cada livro, assim como os personagens, então não faço ideia do que esperar da conclusão da trilogia.




Heir of Fire - Sarah J. Maas
Dizem que esse livro é o melhor até o momento e eleva a série a um novo patamar, o que já despertou minha curiosidade. Melhor ainda, a protagonista é muito divertida e estou adorando o romance, espero que esse livro seja lançado por aqui muito em breve.





Sombras Prateadas - Richelle Mead
Não sou uma grande fã dessa capa, mas não importa, leio tudo o que a Richelle escreve, até receita de pão. Por sorte, é um dos poucos livros de hoje que sei que poderei ler em breve, já até está a caminho da minha casa. Para quem não conhece a série, recomendo conferir agora.






O Trono do Lobo Gris - Cinda Williams Chima
Terminei o livro anterior, A Rainha Exilada, não faz nem uma semana completa, porém já estou bem animada para saber o que vai acontecer, então estou torcendo para que O Trono do Lobo Gris venha rápido - e que seja ainda melhor que os livros anteriores.





Catalisador - S. J. Kincaid
Talvez um livro bem previsível para quem acompanha o blog, já que não me canso de falar dessa série infanto-juvenil que me conquistou. Infelizmente, é o último livro, o que me faz querer adiar mais um pouquinho, porém já estou roendo as unhas e antecipando a surpresa do final.





Resenha - O Gladiador

Resenha feita pela Luh!  
Título: O Gladiador
Título Original: Spartacus: The Gladiator
Série: Spartacus
1- O Gladiador
2- A Rebelião
Autor: Ben Kane
Editora: Agir
Páginas: 448
Ano: 2014
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Fnac // Submarino // Extra

Não me conquistou.

Sinopse: Após uma década no exército romano, Spartacus finalmente retorna à sua terra natal, mas o que encontra é somente traição. Kotys, o novo rei da Trácia, é um tirano usurpador apaixonado pela sacerdotisa Ariadne, e quando percebe que ela ama Spartacus, vende o casal como escravos para os romanos. Comprado pelo dono de uma escola de gladiadores, Spartacus se vê em um mundo de sangue e areia, onde é preciso enfrentar diariamente diversas facções de treinadores, lutadores fortes e influentes, as barbaridades da arena e a iminência de uma morte terrível. É só graças à inteligência e à imensa força física que ele consegue resistir às impiedosas batalhas, sem jamais se dobrar à brutalidade da sociedade romana. Enfrentando dia após dia os perigos, a sujeira e o caos dessa majestosa república, logo percebe que precisa se unir ao poderoso gladiador Crixus em uma guerra sangrenta entre escravos e senhores se quiser conquistar a maior das glórias: a liberdade. Embora a verdadeira história de Spartacus ainda seja um mistério, o gladiador de origem trácia ficou conhecido por liderar um exército de escravos que por pouco não levou abaixo a república romana. Fonte de inspiração para muitos, ele se tornou um símbolo da luta de classes oprimidas pela conquista da liberdade. Spartacus: o gladiador é a primeira parte de uma série épica em dois volumes que recria fielmente as circunstâncias históricas que levaram ao célebre levante de escravos.

A Trama: Comecei esse livro animada por já ter visto críticas ótimas a respeito, porém cheguei a conclusão de que não é o tipo de livro certo para mim. A série Spartacus, apesar de ter uma base histórica interessante, tenta descrever toda a trajetória de vida de um homem em dois livros, o que resultou em uma trama extremamente apressada, em que você mal tem tempo de processar o que aconteceu em uma página e já está em uma situação totalmente diferente na próxima, dando aquela sensação de confusão constante.

Pilha de Leitura da Luh #22

Dessa vez fui rápida, vocês piscaram e já estamos em uma pilha nova! :D
Se você não conhece a Pilha de Leitura, é uma coluna em que nós vamos falar um pouquinho sobre os próximos livros que pretendemos ler, como está indo nosso ritmo, quais livros gostamos, e quais não, e muito mais. Ao clicar nos títulos da primeira seção, você vai para as resenhas, e da segunda e terceira para a página do livro no Skoob.

A Última Pilha:

Essa pilha está bem menor que a média, mas foi bom, já que consegui terminá-la em 3 semanas.
Começando por Anexos, eu já esperava que o livro fosse fofo e me apaixonei pelos personagens, então superou minhas expectativas e eu adorei! O início é um pouquinho lento, mas quando prende o leitor, a trama se torna irresistível. Ainda estou meio que "em cima do muro" com A Ascensão das Trevas, os livros tem alguns elementos ótimos, porém ao mesmo tempo são um pouco cansativos, então vou continuar a série para ver onde vai dar. Sem Esperança é um livro quase idêntico ao anterior, o que não costuma me agradar, porém foi interessante entender as cenas do ponto de vista de Holder, só recomendo saber que é a mesma trama para não comprar o livro pensando que é uma continuação do anterior.
O Teste é um favorito que eu li já faz um tempinho e agora fui conferir a edição nacional, que está ótima! Para quem gosta de ação, esse livro é imperdível. Para chorar e refletir um pouco, eu estava com medo de A Lista Negra não corresponder às minhas altas expectativas, mas o livro é lindo demais! Completando a lista, infelizmente não gostei da escrita apressada em O Gladiador, é uma série que não pretendo mais acompanhar, porém A Rainha Exilada me deixou animada demais pelo próximo livro.
O Pior da Pilha: Infelizmente O Gladiador, mas é mais por gosto pessoal.
O Melhor da Pilha: É uma escolha bem difícil, mas eu diria A Lista Negra por me ter feito sentir tantas coisas.

Resenha - Dia 21

Resenha feita pela Tay!
Título: Dia 21
Título Original: Day 21
Série: The 100
1- The 100: Os Escolhidos (2014)
2- Dia 21
3- Homecoming (2015 US)
Autor: Kass Morgan
Editora: Galera Record
Páginas: 288
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Submarino //  Amazon

Bem melhor que o primeiro volume.
Essa resenha não contém spoilers de Os Escolhidos.


SinopseVinte e um dias após os cem terem chegado à Terra com a missão de recolonizar o planeta, um inimigo desconhecido é descoberto. Pensa-se que eles eram os únicos humanos a pisar na superfície terrestre em séculos, mas agora, nada mais é certo. Entre resgates, buscas e romances, segredos são revelados, crenças são quebradas e relacionamentos são testados.

A Trama: O início do livro me deixou bem apreensiva, porque achei que seria uma repetição da chatice e monotonia do primeiro. Mas após algumas páginas, Dia 21 conseguiu me surpreender por me manter vidrada na história, querendo saber o que iria acontecer em seguida, tanto que terminei o livro em menos de 24h. Ainda houve alguns momentos chatos e que me fizeram pensar em abandonar a série, porque realmente achei que a autora teria jogado todo o potencial da história fora. Ao contrário de Os Escolhidos, nesse segundo livro finalmente coisas começam a acontecer na história! Não é uma ação desenfreada e de tirar o fôlego, mas que conseguem manter a atenção do leitor e atiçar a curiosidade sobre tudo o que ainda está por vir na trama. Ainda acho que algumas cenas de romance são um grande ponto fraco. Pelo menos a autora conseguiu, ao longo do livro, torná-los mais interessantes.

Lançamentos de Março #4

Oi! Continuando com os lançamentos do mês, hoje veremos os das editoras Rocco, Galera Record, Gente e Única. Eu quero ler Nuvens de Ketchup, A Estrela, Reboot, Dois Garotos Se Beijando, Síndrome Psíquica Grave, Férias Infernais e Não-Sei-Quê.

Ator, cenógrafo, figurinista, dramaturgo, arte-educador e contador de histórias, o carioca Augusto Pessôa foi buscar na tradição nórdica as histórias de seu novo livro. Na coletânea A panqueca fugitiva, o resmungão e outros contos nórdicos ele reconta oito histórias passadas de geração em geração pelos povos que habitaram a Escandinávia, sobretudo a Islândia, e que estimulam a imaginação e encantam leitores de todas as idades e de todas as partes do mundo por sua riqueza e universalidade.



Indicado ao prêmio Edgar Allan Poe na categoria juvenil, Nuvens de ketchup é o segundo romance da inglesa Annabel Pitcher, autora do também premiado Minha irmã mora numa prateleira. A trama gira em torno da jovem Zoe, que narra, por meio de cartas enviadas a um prisioneiro condenado à morte, seu dia a dia com a família, seus envolvimentos românticos e um segredo sombrio que ela não tem coragem de contar a mais ninguém. As inúmeras dimensões dramáticas da jovem protagonista e a narrativa cativante mostram o desabrochar da juventude e percorrem temas como amor, culpa, luto, erros e acertos de forma sensível e bem-humorada.

Com Rastros na neblina, a série protagonizada pelo patologista Garret Quirke atinge seu auge. Na sequência de O pecado de Christine e O Cisne de Prata, o novo livro de Benjamin Black –pseudônimo do premiado escritor irlandês John Banville – alia uma trama perfeita de segredos, mentiras e descobertas terríveis a um ambiente “noir” por excelência, ao acompanhar a investigação do desaparecimento de uma jovem de família influente e tradicional na Dublin dos anos 1950. Um drama policial que discute conceitos morais e religiosos, relações afetivas e distúrbios de comportamento, sem jamais tirar o prazer da leitura.

Saciando a Fome #120

Muitos livros lindos!!


Vou começar pelos presentes! Essa semana recebi duas surpresas, Dois Garotos Se Beijando (David Levithan - Galera Record), que parece ser um contemporâneo muito fofo inspirado por um acontecimento real, e O Sétimo Filho (Joseph Delaney - Bertrand), que na verdade tem os dois primeiros livros da série e veio até com ingresso de cinema! Agora, de parceria, chegaram Garota Online (Zoe Sugg - Record) com um kit fofíssimo, Sangue Mágico (Ilona Andrews - Saída de Emergência), que estou louca para começar logo, e dois volumes de Escola Noturna (C. J. Daugherty - Suma de Letras), sendo que o primeiro livro já tem resenha aqui no blog.

Promoção - Tensão

Voltei pessoal! E como quarta-feira normalmente é dia de promo aqui no fome, tenho certeza que vocês já me esperavam com ansiedade (haha).
Hoje trago para vocês Tensão é um contemporâneo típoco, aqueles romances quentes que envolvem triângulos amorosos e viraram febre de uns tempos para cá. E se é febre, vocês querem. E se vocês querem, adivinhem? A gente trás para vocês! Somos muito legais né, fala sério! 
Não deixem de se inscrever!


Resenha - A Lista Negra

Resenha feita pela Luh!  
Título: A Lista Negra
Título Original: Hate List
Livro Único.
Autor: Jennifer Brown
Editora: Gutenberg
Páginas: 272
Ano: 2012
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Americanas // Submarino // Extra

Me conquistou totalmente.

Sinopse: E se você desejasse a morte de uma pessoa e isso acontecesse? E se o assassino fosse alguém que você ama? O namorado de Valerie Leftman, Nick Levil, abriu fogo contra vários alunos na cantina da escola em que estudavam. Atingida ao tentar detê-lo, Valerie também acaba salvando a vida de uma colega que a maltratava, mas é responsabilizada pela tragédia por causa da lista que ajudou a criar. A lista com o nome dos estudantes que praticavam bullying contra os dois. A lista que ele usou para escolher seus alvos. Agora, ainda se recuperando do ferimento e do trauma, Val é forçada a enfrentar uma dura realidade ao voltar para a escola para terminar o Ensino Médio. Assombrada pela lembrança do namorado, que ainda ama, passando por problemas de relacionamento com a família, com os ex-amigos e a garota a quem salvou, Val deve enfrentar seus fantasmas e encontrar seu papel nessa história em que todos são, ao mesmo tempo, responsáveis e vítimas.

A Trama: Vou confessar que no início pensei que esse seria outro daqueles livros que todos adoram e eu não vejo o que tem de tão bom. Entretanto, conforme a trama foi avançando, compreendi porque a trama se torna tão cativante e me tornei mais uma fã desse livro especial.
Resumidamente, A Lista Negra fala sobre luto e como lidar com situações difíceis até de imaginar. Nick, o namorado da protagonista, levou uma arma para a escola e atirou em várias pessoas. Agora, Valerie precisa aprender a seguir em frente e superar a culpa pelo que aconteceu, além de enfrentar as pessoas que também estavam lá e tem opiniões diferentes sobre seu envolvimento no tiroteio.

Resenha - A Linguagem das Flores

Resenha feita pela Tay!
Título: A Linguagem das Flores
Título Original: The Language of Flowers
Livro Único.
Autor: Vanessa Diffenbaugh
Editora: Arqueiro
Páginas: 304
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Submarino //  Amazon


SinopseVictoria Jones sempre foi uma menina arredia, temperamental e carrancuda. Por causa de sua personalidade difícil, passou a vida sendo jogada de um abrigo para outro, de uma família para outra, até ser considerada inapta para adoção. Ainda criança, se apaixonou pelas flores e por suas mensagens secretas. Quem lhe ensinou tudo sobre o assunto foi Elizabeth, uma de suas mães adotivas, a única que a menina amou e com quem quis ficar... até pôr tudo a perder. Agora, aos 18 anos e emancipada, ela não tem para onde ir nem com quem contar. Sozinha, passa as noites numa praça pública, onde cultiva um pequeno jardim particular. Quando uma florista local lhe dá um emprego e descobre seu talento, a vida de Victoria parece prestes a entrar nos eixos. Mas então ela conhece um misterioso vendedor do mercado de flores e esse encontro a obriga a enfrentar os fantasmas que a assombram. Em seu livro de estreia, Vanessa Diffenbaugh cria uma heroína intensa e inesquecível. Misturando passado e presente num intricado quebra-cabeça, A linguagem das flores é essencialmente uma história de amor – entre mãe e filha, entre homem e mulher e, sobretudo, de amor-próprio.

A Trama: Victoria Jones cresceu num abrigo, passando por vários lares adotivos que sempre a devolviam. Com isso, ela aprendeu a temer as pessoas, sempre esperando seu pior, já que nunca haviam lhe demonstrado amor. Agora, no seu aniversário de 18 anos, ela é emancipada e precisa deixar o abrigo e tentar construir uma vida. Meredith, sua assistente social, a leva para um tipo de "pensão" em que garotas dos abrigos vão viver depois da emancipação, com três meses de aluguel pago, para que ela tenha tempo de encontrar um emprego. Mas não é isso o que ela faz. Victoria aproveita seus três meses vivendo de graça no lugar para cultivar um pequeno jardim dentro do seu quarto. Quando chega o dia do seu despejo, ela fica feliz de poder ir morar numa praça rodeada por flores, onde pode continuar cuidando do jardim. Isso foi uma coisa que não conseguiu entrar na minha cabeça! Como uma pessoa pode preferir ir para a rua ao invés de aproveitar a oportunidade que teve e procurar um emprego? Mas, depois de algum tempo vivendo na praça, ela conhece uma florista e pede para ela empregá-la, adivinhem para quê? Para conseguir alugar um quarto. Minha cabeça explodiu nesse momento. A história vai alternando de tempo, com Victoria narrando sua vida agora e, depois, voltando um pouco no passado, quando tinha 9 anos e conheceu Elizabeth. A história vai melhorando conforme a leitura avança e um certo mistério que ronda sua história com Elizabeth conseguiu me prender, porque eu precisava descobrir o que tinha acontecido. 

Lançamentos de Março #3

Olá! Mais lançamentos literários desse mês, dessa vez veremos os das editoras Novo Século, Companhia das Letras, Seguinte, Paralela e Suma de Letras. Desses, eu quero ler Ligações, O Médico e o Monstro e Escola Noturna.

GEORGIE MCCOOL sabe que seu casamento está estagnado. Tem sido assim por um bom tempo. Ela ainda ama seu marido, Neal, e ele também a ama, profundamente – mas o relacionamento entre eles parece estar em segundo plano a essa altura.
Talvez sempre esteve em segundo plano.
Dois dias antes da tão planejada viagem para passar o Natal com a família do marido em Omaha, Georgie diz a ele que não poderá ir, por conta de uma proposta de trabalho irrecusável. Ela sabia que ele ficaria chateado – Neal está sempre um pouco chateado com Georgie –, mas não a ponto de fazer as malas e viajar sozinho com as crianças.
Então, quando Neal e as filhas partem para o aeroporto, ela começa a se perguntar se finalmente conseguiu. Se finalmente arruinou tudo.
Mas Georgie estava prestes a descobrir algo inacreditável: uma maneira de se comunicar com Neal no passado. Não se trata de uma viagem no tempo, não exatamente, mas ela sente como se isso fosse uma oportunidade única para consertar o seu casamento – antes mesmo de acontecer…
Será que é isso mesmo o que ela deve fazer?
Ou ambos estariam melhor se o seu casamento jamais tivesse acontecido?

Zoey Redbird está em apuros. Tendo dado a pedra da vidência para Aphrodite, e rendendo-se à Polícia de Tulsa, ela se isola de seus amigos e mentores, determinada a enfrentar a punição que merece – mesmo que isso lhe custe a vida. Só o amor das pessoas mais próximas poderá salvá-la da escuridão em seu espírito. Um mal terrível emerge das sombras, mais poderoso do que nunca...
Neferet finalmente se revela aos mortais. Coroando-se Deusa das Trevas, ela está desencadeando o mal e escravizando os cidadãos de Tulsa. Os vampiros da Morada da Noite aliam-se à polícia, juntando suas últimas forças, mas sabem que nenhum deles é forte o suficiente para vencê-la. Apenas Zoey é herdeira de tal poder... contudo, está incapacitada de ajudar por causa das consequências do uso da magia antiga. No derradeiro livro da série House of Night, uma batalha épica da Luz contra as Trevas irá decidir quem será redimida... E quem se perderá para sempre.

Por cinco anos, Serena comandou a Fantasy Incorporated, e dedicou seu tempo para a concretização das fantasias dos clientes. Nunca a sua. Até agora... Seu desejo mais secreto é dar a posse de seu corpo a um homem. Alguém que vai comandá-la, seu prazer, e ter total autoridade sobre ela. Então, ela procura Damon Roche, dono de um clube de sexo exclusivo, ele é um homem forte o suficiente para fazê-la fazer qualquer coisa que ele queira. Qualquer coisa. Juntos eles viajam para um mundo em que ela apenas sonhou. A ela é dada a oportunidade de mergulhar em uma vida diferente, enquanto sua vida normal aguarda para voltar, sempre que desejar. Damon não tem nenhum desejo de deixá-la ir, no entanto. Serena é a mulher que procurou por muito tempo, e cabe a ele convencê-la a ficar, quando o jogo terminar. Ele quer que sua fantasia se torne realidade, e ter Serena para ser mimada, acarinhada e submissa.

Quando ele está acordado, George Bailey é apenas um homem comum. Cinco dias por semana ele persuade seu velho Hyundai à vida, amaldiçoa o tráfego de Los Angeles, e relógios em seu trabalho como um faz-tudo na universidade local. Mas quando ele dorme, George sonha com algo mais.
George sonha em voar. Ele sonha com monstros de luta. Ele sonha com um homem feito de puro relâmpago, um robô blindado, um gigante em um uniforme do Exército, uma bela mulher que se move como um ninja. Então, um dia como ele está indo de um trabalho para o outro, uma menina pálida em uma cadeira de rodas diz que George veio de um outro mundo, onde a civilização foi amaldiçoada com uma praga que anima os mortos ... e em que George não é mais um glorificado zelador, mas um dos últimos heróis da humanidade.
Seu conto soa como loucura, é claro. Mas, como os sonhos de George e sua vida de vigília começarem a sangrar juntos, ele começa a se perguntar o que é o mundo real e o que é apenas fantasia?

Resenha - Tensão

Resenha feita pela
Título: Tensão
Título Original: Collide
Série: Tensão
1- Tensão (2015)
2- Pulsação (2013 US)
Autora: Gail McHugh
Editora: Arqueiro
Páginas: 336
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Extra // Submarino // Americanas

Sinopse: Após a morte da mãe, a vida de Emily Cooper vira de cabeça para baixo. Ela precisa de um novo começo, e Dillon Parker, seu namorado, a convence a se mudar para mais perto dele a fim de passarem mais tempo juntos.
Em Nova York, Emily arranja um emprego temporário como garçonete em um restaurante no centro de Manhattan. Ao sair para fazer uma entrega logo no primeiro dia de trabalho, ela esbarra em Gavin Blake, um empresário sexy e bem-sucedido. Assim que seus olhares se encontram, há uma tensão no ar, mas nenhum dos dois consegue entender ou explicar essa forte conexão. Atormentada, Emily tenta não pensar muito naquele desconhecido que mexeu tanto com ela.
Porém, ela descobre que Dillon e Gavin são amigos e que terá de conviver com ele muito mais do que poderia ter imaginado. Perdida em sentimentos confusos, Emily sente o desejo por Gavin crescer e se tornar mais ardente a cada vez que se encontram. Será que os dois vão resistir à tensão ou se entregar a essa paixão, apesar de todas as consequências?

A Trama: Não sou fã de triângulos amorosos, mas me arrisquei para descobrir o motivo de falarem tanto sobre Tensão. O resultado foi que o triângulo amoroso fez com minha leitura fosse muito arrastada e procrastinada, mas no fim consegui tirar uma boa mensagem do livro. A trama me permitiu reafirmar o que eu já penso sobre a dependência das mulheres em relação aos homens. Me aborreceu a fraqueza de Emily diante das traições de Dillon e ela ter ficado com ele por gratidão, nenhuma mulher merece passar por isso.
Emily se sente atada a Dillon por vários motivos, enquanto um sentimento verdadeiro cresce por Gavin e a falta de atenção e as falhas de seu então namorado começam a transparecer mais e mais. Dillon age de forma abusiva com Emily e embora a protagonista não reconheça isso, esse abuso incomoda o leitor de uma forma ruim, pois você quer ter uma conversa séria com Emily, mas infelizmente não existe a possibilidade de entrar no livro para isso; e também de uma forma boa, fazendo com que você pense na sua vida e nas relações em geral.

Promoção - O Menino da Lista de Schindler

Oi gente! Sumi né? Desculpa, mas é que a gente estava correndo atrás de mais livros legais para vocês. E é isso o que trago hoje!
O Menino da Lista de Schindler pode até ser um livro de não-ficção - e sei que isso desanima muita gente, mas acreditem em mim, se o livro conseguiu ganhar a Luh... Ele realmente deve valer à pena!


Resenha - O Teste

Resenha feita pela Luh!
Título: O Teste
Série: Teste
1-  O Teste (2014)
2- Estudo Independente (2014)
3- A Formatura (2014)
Autor: Joelle Charbonneau
Páginas: 320
Saiba mais: Skoob
Comprar: Fnac // Extra // Americanas // Submarino

Sabem como a maioria das distopias hoje em dia é comparada às mais famosas? Dessa vez, é impossível não fazer a comparação, pois The Testing é uma mescla perfeita de Jogos Vorazes e Divergente. Tem como não amar?
Nota: a resenha foi atualizada agora que li a versão nacional.

A Trama (e uma mini Sinopse): Nos Sete Estágios da Guerra, a humanidade se atacou com bombas e guerras durante os primeiros quatro estágios e a "Terra" atacou nos últimos três com todos os desastres naturais possíveis. A humanidade foi dizimada a uma pequena parcela de seu tamanho original, e se dividiu em distritos para ocupar os únicos trechos de terra habitáveis. Com recursos escassos, todas as pessoas são valiosas e necessárias, então apenas as mentes mais brilhantes são escolhidas para 'gastar' preciosos anos na universidade e tornarem-se os futuros líderes. Todos os anos alguns jovens são selecionados para passar pelo Teste e provar que merecem seu lugar na universidade. Cia é uma das escolhidas, mas ela logo descobre que o Teste envolve muito mais que perguntas para responder e as consequências de tomar uma decisão errada podem ser mortais.
A trama começa com Cia se formando do Ensino Médio e sendo selecionada para o Teste. Após as primeiras 50 páginas, fica claro que o Teste não é tão inocente quanto parece e, a partir daí, a trama vai ficando cada vez melhor. Já garanto muita ação, algumas mortes e muitas cenas que fizeram meu coração bater mais rápido. A segunda metade do livro é muito parecida com Jogos Vorazes, alguns até dizem que é uma 'cópia' e não gostaram do livro por isso, mas eu acredito que será ótimo para quem está com saudades da famosa saga distópica, contanto que não se incomode com a similaridade. O final é surpreendente, com diversas revelações bombásticas e a cena final te deixa morrendo pra ler a continuação! A trama tem algumas falhas, principalmente toda a ideia por trás do Teste e a construção do mundo, e espero que a autora as corrija em Estudo Independente.

Saciando a Fome #119

Estou morrendo de tanta ansiedade.


Essa semana podem ter chego poucos livros, mas eram livros que eu queria muito. Primeiro, parte de uma série que eu já comecei, O Teste) e Estudo Independente (Joelle Charbonneau - Única), compõem uma trilogia distópica que estou amando. E, um dos livros que mais ter, Sombra e Ossos (Leigh Bardugo - Gutenberg) é uma fantasia que recebeu críticas maravilhosas.

Resenha - O Menino da Lista de Schindler

Resenha feita pela Luh!  
Título: O Menino da Lista de Schindler
Título Original: The Boy on the Wooden Box
Livro Único.
Autor: Leon Leyson e outros
Editora: Rocco
Páginas: 256
Ano: 2014
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Fnac // Submarino // Extra

Uma história de vida que merece ser lembrada.

Sinopse: O menino da lista de Schindler acompanha a trajetória de Leon Leyson, o mais jovem integrante e um dos últimos sobreviventes da famosa lista de judeus salvos pelo empresário alemão Oskar Schindler durante a Segunda Guerra Mundial. Intenso como O diário de Anne Frank, o livro chega ao Brasil pelo selo Rocco Jovens Leitores depois de alcançar a prestigiosa lista dos mais vendidos do jornal The New York Times, e oferece uma perspectiva única do Holocausto. Um relato emocionante, corajoso e humano que precisa ser contado às novas gerações.

A Trama: O Menino da Lista de Schindler é autobiográfico, contando a história da vida de Leon Leyson, porém com uma escrita semelhante à de um livro de ficção, o que torna a leitura um pouco mais fácil. Leon foi um dos poucos sobreviventes do Holocausto, mas isso não quer dizer que sua vida tenha sido fácil. Com algumas situações de risco de morte e violência, a trama é dividida entre cenas repletas de tensão e cenas fofas que demonstram as pequenas alegrias de Leon. Infelizmente, o pensamento mais frequente que tive conforme lia foi "como seres humanos podem fazer isso com outras pessoas?", mas é muito interessante conhecer melhor a realidade dessa época e me senti envolvida na trama desde o início.

Terça do Top #89

Top 10 Livros para Ler em Grupo


Eu não participo de nenhum clube de leitura, apesar de às vezes ler em conjunto com as outras resenhistas da equipe, mas acho muito divertido poder discutir sobre os livros que estamos lendo, então selecionei 10 que seriam ótimos para ler com mais pessoas.
Para facilitar as coisas, escolhi 5 livros que são únicos, sem continuação, e cinco séries.



A Cidade do Sol - Khaled Hosseini
Esse livro foi um verdadeiro choque pra mim, tendo cenas bem fortes de violência, porém é muito interessante para conhecer melhor a vida cruel das mulheres no Afeganistão e talvez até se sentir agradecida pelas liberdades que temos atualmente.





A Luz Entre Oceanos - M. L. Stedman
Outro livro um pouco polêmico, que trata de uma mulher que, de certa forma, "rouba" um criança após sofrer vários abortos. Adorei a maneira como o livro induz o leitor a refletir sobre o que é uma escolha "correta" e sobre a importância do amor. Realmente é ótimo para discutir em grupo.




Como eu Era Antes de Você - Jojo Moyes
Esse é um dos meus queridinhos e já fiz algumas amigas lerem para podermos chorar juntas. É maravilhoso, vai arrancar algumas lágrimas e me fez refletir muito sobre o amor e o egoísmo. Se eu tivesse que recomendar um livro para começar a leitura em grupo, seria esse.





A Corrida de Escorpião - Maggie Stiefvater
Ao contrário dos livros acima, esse não é um drama, e sim uma fantasia.  Mas a escrita, oh meu deus, a escrita é magnífica e poética. A trama não deixa a desejar, com um final eletrizante, e quem não quer ler sobre cavalos assassinos?




O Doador de Memórias - Lois Lowry
Não se deixem enganar pelo filme: esse livro é incrível, especialmente pela maneira como faz a pessoa repensar todo o seu conceito de sociedade e felicidade. Em um mundo onde não existe amor ou ódio e todos são constantemente vigiados, é difícil escolher o que vale a pena.





Série Outlander - Diana Gabaldon
Um favorito recente, já avisei que você precisa de paciência para passar das primeiras 120 páginas, porém prometo que vale a pena. Essa série é repleta de ação e o cenário (na Escócia!) é lindo, porém o que realmente me conquistou foi o romance, e para que vocês entendam melhor o contexto, eu normalmente não gosto de romance, mas foi impossível não se encantar com o casal protagonista.




Trilogia Através do Universo - Beth Revis
Essa foi uma série que eu realmente tive que explicar a trama para algumas pessoas, apenas para que entendessem enquanto eu desabafava sobre ela por meia hora. O grande motivo são as reviravoltas, porque a autora conseguiu me pegar de surpresa inúmeras vezes. E uma em especial, no final do primeiro livro, fará você desejar ter alguém com quem compartilhar seus sentimentos.





Série Academia de Vampiros - Richelle Mead
Uma das minhas séries prediletas até hoje, que já ocupou o primeiro lugar por alguns anos. Confesso que os primeiros livros realmente estão longe de perfeitos, porém você vai querer ter alguém para suspirar com você a respeito de Dimitri, o personagem masculino mais foda que existe.





Trilogia Feita de Fumaça e Osso - Laini Taylor
O final, gente, o que foi aquele final do primeiro livro? Me deixou literalmente de boca aberta e levei um tempo para processar o que tinha acontecido, porém é uma daquelas reviravoltas que você precisa debater com mais pessoas, nem que seja para perguntar "Isso aconteceu mesmo?!". Além disso, é uma fantasia de qualidade incrível que você não vai querer perder - e vai tentar convencer os amigos do mesmo.





Série Guerra dos Tronos - George R. R. Martin
Talvez essa série seja a mais fácil para convencer os amigos a lerem com você, já que é bem famosa atualmente. Novamente, as reviravoltas. Você simplesmente vai precisar de alguém, acredite. Especialmente para ficar de luto com você sempre que algum personagem legal morre (o que acontece com frequência).