Balanço de Séries 2015

O ano está prestes a terminar, o que significa que está na hora de mostrar para vocês como foi a leitura das minhas séries durante 2015. Eu sempre faço o possível para não ter tantas séries "em aberto", mas é difícil, especialmente considerando que muitas das séries que eu leio ainda não estão completas. Mas vamos conferir como foi 2015:

Dos 93 livros lidos até o momento, 45 foram continuações ou finalizações de séries, incluindo contos. Porém, iniciei 16 séries que pretendo continuar. Sendo assim, atualmente estou com 37 séries em aberto, com livros já lançados, 2 séries a menos do que eu estava quando comecei o ano. Bem, ao menos diminuiu o número, certo?

Agora, vamos dar uma olhada nas séries desse ano:

Séries que eu completei em 2015


Tempest - Uma série que começou super bem e terminou meio confusa, mas gostei bastante e é difícil um livro com viagens no tempo ser muito simples. No geral, não foi uma das minhas trilogias prediletas, mas ainda gostei.
Reiniciados - Gostei da série no início e no fim, o livro do meio foi um pouco mais fraco. Adorei a ideia de apagar as memórias das pessoas e a trama foi bem interessante, repleta de mistério.
O Teste - Essa série começou com potencial para entrar para o meu Top 5, porém o segundo livro não foi tão bom quanto o primeiro, e o final da trilogia simplesmente não teve a qualidade do primeiro livro. Ainda assim, considerando as distopias que já li, é uma das melhores.
Nightshade - Uma das poucas trilogias que começou ótima, ficou melhor ainda no segundo livro e terminou perfeitamente. Foi uma das melhores do ano e todos os personagens me conquistaram. Absolutamente recomendo!


Insider - Essa duologia é rápida de ler, é gostosa e tem personagens cativantes. O final não foi tão bom, porém ainda adorei. Infelizmente é uma distopia que ainda não foi traduzida, mas adorei a trama.
As Crônicas das Irmãs Bruxas - Outra série que se manteve constante e boa do início ao fim. A magia é interessante e, diferente do comum, conta a história de três irmãs e da profecia que gira em torno delas.
Bloodlines - Ok, vou admitir que esperava um pouquinho mais do final, mas ainda é a minha série predileta do ano e entrou para as Top 5 prediletas (da vida). Amo a escrita da Richelle, os protagonistas e as tramas loucas.
Abandono - Acabei lendo os três livros na esperança de que fosse melhorar - o que não aconteceu. É uma série mediana que se mantém mediana até o fim. Não é ruim, a escrita da Meg é gostosa de ler, porém há séries melhores com o mesmo tema e foi uma das que menos gostei esse ano.

Saga da Terra Conquistada - Essa série não ganhou o título de "melhor do ano" por pouco, porque é absolutamente hipnotizante. A trama é complexa, às vezes um pouco confusa, porém muito divertida. Os personagens são tão originais e diferentes que me conquistaram e até chorei com uma morte especial no último livro. É uma trilogia de ficção científica que entrega bem mais do que promete.
Mara Dyer - Possivelmente a trilogia mais louca que eu já li. A protagonista é louca, sem falar em outros personagens, e há tantos segredos ocultos por mais segredos que a trilogia toda é uma caixinha de surpresas.
Mestres da Maldição - A melhor parte dessa trilogia é a trama muito original, de pessoas com "dons" específicos. Gostei muito da ideia, porém os personagens não conseguiram segurar meu interesse. Ainda assim, reconheço que tem o potencial de se tornar uma das séries prediletas de muitas pessoas, só não me ganhou.
Hopeless - O primeiro livro é magnífico, já o segundo achei bem desnecessário. Recomendo ler apenas Um Caso Perdido e o conto, Em Busca de Cinderela, que são lindos e merecem toda a fama que tem.
Estilhaça-me - Essa série é bem fácil de ler e é daquelas que te prende do início ao fim. Queria que o final tivesse um epílogo, mas amei o rumo que a série tomou e as surpresas que ela trouxe, principalmente no romance.

Agora, para 2016, as séries que eu pretendo terminar:
 - Tentei terminar em 2015 e falhei: Feita de Fumaça e Osso, Insígnia, Heróis do Olimpo
 - Novas para tentar em 2016: Os Sete Reinos, Starling, Encruzilhada, Slammed, As Crônicas Lunares, Reboot.

Espero que eu termine ao menos as séries que não consegui em 2015!

Resenha - Último Sacrifício

Resenha feita pela Tay!
Título: Último Sacrifício
Título Original: Last Sacrifice
Série: Academia de Vampiros
1- O Beijo das Sombras (2010)
2- Aura Negra (2010)
3- Tocada Pelas Sombras (2010)
4- Promessa de Sangue (2010)
5- Laços do Espírito (2012)
6- Último Sacrifício 
Autor: Richelle Mead
Editora: Agir
Páginas: 532
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Submarino // Saraiva 

Essa resenha não contém spoilers dos livros anteriores, apenas na sinopse.

SinopseRose Hathaway sempre jogou com suas próprias regras. Ela quebrou as regras quando fugiu da Academia St. Vladimir com sua melhor amiga e a última princesa Dragomir sobrevivente, Lissa. Ela quebrou as regras quando se apaixonou por seu maravilhoso e fora-dos-limites instrutor, Dimitri. E ela ousou desafiar a Rainha Tatiana, a líder do mundo Moroi, arriscando sua vida e reputação para proteger futuras gerações de guardiões dhampir. Agora a lei finalmente pegou Rose por um crime que ela sequer cometeu. Ela está presa pelo mais alto crime imaginável: o assassinato de um monarca. Ela precisará da ajuda de Dimitri e Adrian para encontrar a única pessoa viva que pode atrasar sua execução e forçar a elite Moroi a reconhecer uma chocante nova candidata ao trono real: Vasilisa Dragomir. Mas o relógio está correndo contra a vida de Rose. Ela sabe em seu coração que o mundo dos mortos a quer de volta… E desta vez ela realmente não tem uma segunda chance. A grande questão é: quando sua vida é dedicada a salvar os outros, quem vai te salvar?

A Trama: Depois do final surpreendente de Laços do Espírito, o último volume da série começa com um ritmo muito bom, que se torna melhor ainda e vai caindo aos pouquinhos até pegar fôlego de novo. Eu esperava algo mais, confesso, e algumas partes no meio foram um pouquinho chatas, mas quando estava chegando na última página do livro me escorreu até uma lágrima solitária por estar terminando essa série.


Retrospectiva 2015 - Parte 1

Como já está virando tradição no blog, chegamos ao final de mais um ano e é hora de falar um pouquinho sobre os melhores livros que eu li.
Foi muito difícil escolher 10, acabei ficando com 12 livros separados em categorias e espero que gostem!


Personagens Secundários de Primeira
O Trono Lobo Gris
Esse foi o melhor livro de uma série que eu já vinha amando, justamente porque são tantos personagens e cada um foi me conquistando aos pouquinhos. Consigo facilmente imaginar séries spin-off com Amon Byrne, Andarilho da Noite e outras pessoas marcantes sobre as quais tenho muita curiosidade.



Mais Realista
100 Dias de Felicidade
Esse livro é como um tapa na cara, mas de uma maneira boa. Chorei, refleti muito sobre a vida e agradeci à mim mesma por ter dado uma chance ao livro. Narrado em 100 dias, contagem regressiva para a morte do protagonista, é difícil não pensar bastante sobre a própria vida.

Melhor Ficção Científica
Encruzilhada
O conceito original do livro é bem confuso no início, porém logo se torna inovador e viciante. A trama me deixou colada nas páginas até o fim e muito ansiosa para saber o que aconteceria. Sem falar da protagonista carismática e escrita incrível da autora.
(Menção honrosa aqui vai para A Torre Partida, que também me emocionou e me prendeu do início ao fim)




Novo Autor Favorito
Sarah Dessen (Os Bons Segredos)
Eu sempre ouvi falar que a Sarah Dessen era boa, mas não me considero uma grande fã de romances, então não esperava gostar tanto de seus livros. Acabei me apaixonando pela escrita dela e espero muito poder conhecer mais de seu trabalho e saber se todos os seus livros são tão incríveis quanto Os Bons Segredos.


Melhor Final
Amor Amargo
Vou confessar pra vocês que esse livro me ganhou realmente só no final. A protagonista me irritou um pouco porque eu não conseguia entendê-la e só ao fim do livro passei a realmente gostar dela. Entretanto, o final merece um prêmio por si só, tendo sido realista e, ao mesmo tempo, um pouquinho mágico.



Me Deixou Com o Coração na Mão
Sombras Prateadas
Acho que não houve um capítulo desse livro que não tenha feito meu coração acelerar um pouco. É o melhor da série e são tantas cenas tensas que eu queria ler tudo de uma só vez para descobrir logo como iria terminar. Vale a pena sem dúvida alguma.



Melhor Romance
O Lado Feio do Amor
Eu amo esses romances que, apesar de previsíveis, vão se desenvolvendo aos poucos, e foi exatamente o que aconteceu com Tate e Miles. Quando eles finalmente ficam juntos, é de deixar qualquer um apaixonado!






A Escrita Mais Gostosa
No Limite do Perigo
Eu sinto vontade de marcar praticamente um linha a cada página desse livro, de tantas frases marcantes que a autora cria. É uma história de amor torturado que fará qualquer um chorar e sorrir, e entrou para os meus favoritos da vida.





O Maior Segredo
Amor Fora do Ar
Dizer que esse livro me surpreendeu foi muito pouco. O final foi um choque e o livro todo me encantou por muito melhor do que eu esperava. Além disso, me enganou direitinho e não suspeitei de nada que aconteceria até o fim!







Os Melhores Dentre os Melhores


Chegou a vez dos meus prediletos. Sabe quando você sente que um livro foi escrito para você, com todas as características que você adora nos personagens e com aquela trama que simplesmente te encanta? Foi assim que me senti com esses dois livros, tanto que li cada um quase de uma vez só, sem conseguir largar (e não são livros pequenos!). Não poderia escolher um desses dois porque os amei igualmente e meu coração não está aguentando a espera pelas continuações deles.

Resenha - Nicolau São Norte e a Batalha contra o Rei dos Pesadelos

Resenha feita pela Lary!
Título: Nicolau São Norte e a Batalha contra o Rei dos Pesadelos
Título Original: Nicholas St. North and the Battle of the Nightmare King
Série: Os Guardiões da Infância 
1-  Nicolau São Norte e a Batalha contra o Rei dos Pesadelos (2012)
2- Coelhoberto Pascoal e os ovos guerreiros no centro da Terra! (2013)
3- Dentiana: Rainha do Exército das Fadas dos Dentes (2015)
4- The Sandman and the War of Dreams (2013 US)
Autores: e Laura Geringe
Editora: Rocco
Ano: 2012
Páginas: 232
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Extra

Um livro de sonhos!

Sinopse: Em Nicolau São Norte, primeiro livro da série Os Guardiões, William Joyce conta a verdadeira história de ninguém menos que Papai Noel, que, muito antes de ser São Nicolau (ou Santa Claus), era conhecido como Norte, um destemido espadachim e notório fora da lei. Na história, que traz charmosas ilustrações em preto e branco, somente quando vilões verdadeiros entram em cena Norte encontra outro uso para suas famosas habilidades de lutador, transformando-se no herói adorado por crianças do mundo inteiro.

A Trama: Nicolau São Norte - Rei dos Fora da Lei - tem, em certa noite, um sonho incrível com uma cidade mágica escondida na cratera de um vulcão, cercada por uma floresta misteriosa. Munido da ganância pelas riquezas que poderia encontrar por lá, ele sai cavalgando ensandecidamente, seguido de perto por sua trupe de ladrões. Enquanto isso, Breu - Rei dos Pesadelos - tenta invadir Papoff Noelen, o vilarejo mágico onde mora o poderoso Ombric Shalazar. Relativamente criativa, a trama chama a atenção pelo desenvolvimento do universo natalino, estava muito curiosa para ler.

Resenha - Uma Chama Entre as Cinzas

Resenha feita pela Tay!
Título: Uma Chama Entre as Cinzas
Título Original: An Ember In The Ashes
Série: Uma Chama Entre as Cinzas
1- Uma Chama Entre as Cinzas
2- A Torch Against The Night (2016 US)
Autor: Sabaa Tahir
Editora: Verus
Páginas: 432
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Submarino // Saraiva

Me jogaram no chão e ainda pisaram em cima com um salto agulha - é assim que sinto depois de ler esse livro.

SinopseLaia é uma escrava. Elias é um soldado. Nenhum dos dois é livre. No Império Marcial, a resposta para o desacato é a morte. Aqueles que não dão o próprio sangue pelo imperador arriscam perder as pessoas que amam e tudo que lhes é mais caro. É neste mundo brutal que Laia vive com os avós e o irmão mais velho. Eles não desafiam o Império, pois já viram o que acontece com quem se atreve a isso. Mas, quando o irmão de Laia é preso acusado de traição, ela é forçada a tomar uma atitude. Em troca da ajuda de rebeldes que prometem resgatar seu irmão, ela vai arriscar a própria vida para agir como espiã dentro da academia militar do Império. Ali, Laia conhece Elias, o melhor soldado da academia — e, secretamente, o mais relutante. O que Elias mais quer é se libertar da tirania que vem sendo treinado para aplicar. Logo ele e Laia percebem que a vida de ambos está interligada — e que suas escolhas podem mudar para sempre o destino do próprio Império.

A Trama: Numa batida à sua casa, os avós de Laia foram mortos por um Máscara e seu irmão levado pelo Império. Ela conseguiu fugir, mas com uma culpa enorme no coração. Para resgatar seu irmão, ela vai atrás da Resistência, já que seus pais eram seus principais líderes antes de morrerem. Elias está quase se formando para se tornar um verdadeiro Máscara, mas tudo o que quer é fugir de Blackcliff e alcançar sua tão desejada liberdade. Esse livro é incrível do início ao fim! Não há tempo para respirar enquanto você está lendo (e você nem quer isso), porque tem sempre alguma coisa acontecendo e é tudo de tirar o fôlego. A autora usou de alguns clichês, sim, mas criou uma história tão incrivelmente fodástica que nada disso importa. Quase tudo nesse universo é brutal, mas as centelhas de esperança que a autora nos dá em forma de personagens faz com que acreditemos que eles podem mudar tudo - ou pelo menos conseguirem ser livres. E a parte do romance, para mim, foi muito boa, mesmo que ele fique muito em segundo plano. Algumas pessoas acreditam que a autora está tentando construir um quadrado amoroso, mas tenho minhas dúvidas de se ela realmente vai fazer dois dos personagens se envolverem.

Resenha - Sob o Céu do Nunca

Resenha feita pela Luh!  
Título: Sob o Céu do Nunca
Título Original: Under the Never Sky
Série: Never Sky
1- Sob o Céu do Nunca
2- Pela Noite Eterna (Fev 2016)
3- Into the Still Blue (2014 US)
Autora: Veronica Rossi
Editora: Rocco
Páginas: 336
Ano: 2015 (originalmente 2013)
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Extra

Um ótimo livro com cenário perfeito e personagens cativantes, mas a trama deixou a desejar.

Sinopse: Desde que fora forçada a viver entre os Selvagens, Ária sobreviveu a uma tempestade de Éter, quase teve o pescoço cortado por um canibal, e viu homens sendo trucidados. Mas o pior ainda estava por vir... Banida de seu lar, a cidade encapsulada de Quimera, Ária sabe que suas chances de sobrevivência no mundo além das paredes dos núcleos são ínfimas. Se os canibais não a matarem, as violentas tempestades elétricas certamente o farão. Até mesmo o ar que ela respira pode ser letal. Quando Ária se depara com Perry, o Forasteiro responsável por seu exílio, todos os seus medos são confirmados: ele é um bárbaro violento. É também sua única chance de continuar viva. Opostos em praticamente tudo, Ária e Perry precisam tolerar a existência um do outro para alcançar seus objetivos. A aliança pouco provável entre os dois acabará por forjar uma ligação que selará o destino de todos os que vivem sob o céu do nunca.

A Trama: O início do livro é um pouco confuso, já vou avisando. A autora vai despejando termos e nomes de locais desconhecidos como Éter, Quimera, Reinos, Olfativos e etc, é até difícil separar o que é um local e o que é um objeto. Entretanto, com o tempo, vai ficando mais fácil identificar os termos. Sob o Céu do Nunca tem uma ótima construção de cenário, é fácil visualizar os locais em minha mente, só gostaria de ter visto um pouco mais do mundo dentro dos núcleos. A história mundial também deixa a desejar, não sabemos bem o que aconteceu com o mundo ou como ele chegou no estado em que se encontrava, mas isso não me irritou.
O romance se desenvolve de maneira lenta e muito satisfatória, é aquele tipo de romance que te faz vibrar quando algo finalmente acontece, mas sem deixar o leitor frustrado pela falta de ação. Também adorei a dinâmica de Perry e Ária, um não sabe nada sobre o mundo do outro e é compreensível que tenham medo e raiva do desconhecido. Apenas a necessidade os une e eu adorei a parte onde os protagonistas viajam juntos. O final me pareceu um pouco abrupto e poderia ter sido mais detalhado, mas foi satisfatório.

Resenha - Eve e Adam

Resenha feita pela Luh!
Título: Eve & Adam
Título Original: Eve & Adam
Livro Único
Autores: Michael Grant e Katherine Applegate
Editora: Novo Conceito
Ano: 2014
Páginas: 272
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Extra

Dica: não leia a sinopse, ela estraga a metade do livro.

Sinopse: Filha única da poderosa e fria geneticista Terra Spiker, Eve fica entre a vida e a morte depois de sofrer um acidente de carro. O processo de cura no misterioso laboratório Spiker transcorre com uma rapidez impressionante, o que desperta a curiosidade da menina.
Antes que Eve estreite os laços com Solo, um rapaz que compartilha segredos com a corporação, a Dra. Spiker lhe propõe um desafio: Eve terá a chance de testar, em primeira mão, um software desenvolvido para manipular gens humanos. Ela poderá criar um namorado sob medida!
Mas brincar de Deus tem consequências, e agora Eve vai descobrir até que ponto existe perfeição.

A Trama: Para um livro tão curto - menos de 300 páginas -, achei a trama de Eve e Adam bem construída. Há 'vilões', reviravoltas e vários personagens interessantes, foi um livro que me surpreendeu. Entretanto, tive dois pequenos problemas, queria que a trama se aprofundasse mais e explorasse melhor os problemas apresentados e senti que o livro teve um ar muito infanto-juvenil, que acredito que não seja seu público-alvo, porém tudo sobre ele deu essa impressão. O lado bom é que pode ser lido pelos mais jovens sem problemas.

Promoção - Uma Chama Entre As Cinzas

Oi gatos e gatas!!! 
Mais uma promo TOP para vocês antes do fim do ano!!! E esse livro, olha... Acho que tem muita gente louca por ele!
Uma Chama Entre As Cinzas é uma fantasia que já foi mega elogiada lá fora e virou favorito de muitos. Logo logo a Tay irá resenhá-lo aqui no Fome. 
E aí, vão perder essa chance? Corram para se inscrever!!! 


Terça do Top #104





Top 12 Livros para 2016


Vocês viram o post da Luh na semana passada (aqui), mas eu também tenho alguns livrinhos que colocarei nas minhas metas do ano que vem, por serem de séries que quero muito continuar ou que estão "empacados" na estante, mesmo que eu tenha interesse em lê-los - vai entender. 


Eu já li esse primeiro volume d'As Crônicas de Gelo e Fogo, mas depois do final da 5ª temporada de Game of Thrones fiquei com uma vontade enorme de reler o primeiro livro e só depois retomar a leitura da série. Em 2016 espero conseguir reler A Guerra dos Tronos e, sendo um pouco mais ambiciosa, o segundo volume também.

Outra releitura, porque li tem bastante tempo e só agora tenho os outros volumes para ler e, como não me lembro de muita coisa, preciso reler Feita de Fumaça & Osso (roubando de novo, porque na verdade minha meta é ler toda a trilogia XD).

Resenha - Por Favor, Ignore Vera Dietz

Resenha feita pela Tay!
Título: Por Favor, Ignore Vera Dietz
Título Original: Please Ignore Vera Dietz
Livro Único.
Autor: A. S. King
Editora: Novo Século
Páginas: 288
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Submarino // Saraiva

SinopseVera Dietz e Charlie Kahn foram melhores amigos desde crianças até completarem 17 anos. Mas agora Charlie está morto. E morreu de uma maneira horrível e misteriosa. E morreu brigado com Vera. A vida não tem sido fácil desde então. Vera não sabe direito como agir, como pensar, o que sentir. Sua mãe foi embora quando ela tinha apenas 12 anos, e seu pai é adepto da filosofia de ignorar os problemas até que eles desapareçam por mágica.
Mas Vera precisa fazer suas entregas no Templo da Pizza. Precisa abrir o coração para o amor. Precisa concluir o Ensino Médio. Precisa colecionar palavras para a aula de Vocabulário. Precisa entender o que realmente aconteceu com Charlie.
Precisa seguir em frente.

A TramaEsse livro me mostrou o quanto A. S. King não tem medo de tratar de temas sérios sem precisar enfeitá-los para ficarem mais leves. Mesmo quando ela não explica 100% uma situação, está tudo nas entrelinhas para você entender. Temas como violência doméstica, pedofilia, drogas e alcoolismo se encontram para mostrar que, mesmo que você esteja travando uma batalha consigo mesmo e receba conselhos constantes do próprio pai para não enxergar a vida dos outros, há certas coisas que não podemos ignorar quando podíamos fazer algo a respeito. Não é uma leitura leve, apesar de ser rápida, porque você consegue sentir o peso de todos esses defeitos da sociedade e, por um momento, parece que o peso do mundo está nas suas costas. E, claro, temos o luto pelo qual Vera está passando, e a autora usa de artifícios de realidade fantástica para demonstrar o que realmente sentimos quando perdemos alguém.

Resenha - A Tentação de Lila & Ethan

Resenha feita pela 
Título: A Tentação de Lila e Ethan
Título Original: The Temptation of Lila & Ethan
Série: Segredo
1- O Segredo de Ella e Micha (2013)
2- O Para Sempre de Ella e Micha (2014)
3- A Tentação de Lila e Ethan (2015)
4- The Ever After of Ella and Micha (2013 US)
5- Ella and Micha: Infinitely and Always (2014 US)

Autora: Jessica Sorensen
Editora: Geração Editorial
Páginas: 376
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Amazon // Extra // Submarino 

Atenção: Essa resenha NÃO contém spoilers dos livros anteriores.

SinopseNa superfície, Lila Summers é impecável: boa aparência, roupa cara e um grande e belo sorriso. Mas seu passado sombrio e seus segredos ainda mais escuros estão ameaçando acabar com sua fachada perfeita. Ela vai fazer de tudo para esconder o vazio dentro de si — o que a leva em situações que sempre acabam mal. Cada vez que ela chega ao fundo existe apenas uma pessoa que sempre está lá para pegá-la: Ethan Gregory.
Ethan estabeleceu regras há um tempo: Lila e ele são amigos. Ele não é um cara de relacionamentos. Embora sua aparência de bad boy tatuado esteja bem longe da imagem de princesa de Lila, Ethan não pode negar que entre eles existe uma conexão mais profunda do que ele está acostumado. Se ele não for cuidadoso, ele corre o risco de se apaixonar — e ele aprendeu da pior forma que se apaixonar só leva a desilusão.
Quando Lila cai mais longe do que jamais caiu, Ethan continuará ajudando-a apenas como um amigo? Ou será que ele também está perto de cair... por ela?

A Trama: Li apenas o primeiro volume dessa série e não ter lido o segundo não interferiu em nada. Aliás, pra quem também não leu os anteriores, que foram resenhados pela Luh, saiba que os personagens se apresentam aqui bem o suficiente pra que o leitor não se perca na trama, até porque o casal protagonista é diferente dos outros dois livros. No começo, achei que o livro iria me decepcionar e trazer mais do mesmo, mas felizmente, fui gostando cada vez mais da trama conforme lia. Então, minha dica é: não desista nas primeiras páginas, leia até entender o drama dos personagens e seus sentimentos, que vale a pena.
Lila e Ethan são melhores amigos, mas a amizade deles apresenta uns momentos de carinho que não deixaria amigos "comuns" muito a vontade. Lila sente que Ethan não é o tipo de cara que sua família aprovaria, família essa formada por uma irmã que é mãe solteira e viciada em drogas e vive afastada dos pais há tempo, e pais que mantém um casamento de fachada e querem filhas lindas, loiras e bem casadas dentro da sociedade de classe alta em que vivem. Já Ethan não deixa que sua amizade com Lila evolua para algo mais por não conseguir superar o fim trágico de seu relacionamento anterior e não conseguir se livrar do peso da culpa do que aconteceu, fora o trauma que o casamento violento dos pais deixou nele.

Resenha - Doce Perdão

Resenha feita pela Maay!
Título: Doce Perdão
Título Original: Sweet Forgiveness
Livro Único.
Autora: Lori Nelson Spielman
Editora: Verus
Páginas: 322
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Submarino // Extra

Amor define essa leitura.

Sinopse: Hannah Farr é uma personalidade de New Orleans. Apresentadora de TV, seu programa diário é adorado por milhares de fãs, e há dois anos ela namora o prefeito da cidade, Michael Payne. Mas sua vida, que parece tão certa, está prestes a ser abalada por duas pequenas pedras... As Pedras do Perdão viraram mania no país inteiro. O conceito é simples: envie duas pedras para alguém que você ofendeu ou maltratou. Se a pessoa lhe devolver uma delas, significa que você foi perdoado. Inofensivas no início, as Pedras do Perdão vão forçar Hannah a mergulhar de volta ao passado - o mesmo que ela cuidadosamente enterrou -, e todas as certezas de sua vida virão abaixo. Agora ela vai precisar ser forte para consertar os erros que cometeu, ou arriscar perder qualquer vislumbre de uma vida autêntica para sempre. Após o sucesso mundial de A lista de Brett, Lori Nelson Spielman retorna com este romance terno e esperto sobre nossas fraquezas tão humanas e a coragem necessária para perdoá-las - assim como para pedir perdão.

A Trama: Tenho o hábito de fazer algumas anotações durante a leitura de um livro, para facilitar na hora da resenha. Uma das anotações que fiz sobre Doce Perdão foi que, apesar de previsível, o desfecho da história é inesperado
Também tenho o hábito de reler as resenhas que fiz dos outros livros do autor antes de iniciar uma nova. Imaginem minha cara quando, ao reler a resenha de A Lista de Brett, encontrei a seguinte frase: "apesar de um tanto quanto previsível, não deixa de ser inesperado". E essa não é a única semelhança entre os livros. A autora conseguiu se manter fiel a um estilo, e ainda assim criar uma história totalmente nova e única
Não espere encontrar aqui um chick-lit comum. Esse é um livro maravilhoso sobre a relação mãe e filha e sobre o perdão, e claro, também tem um pouco de romance.

Promoção - Vire a Página

Oi pessoal!!! 
Fim de ano chegando... Não estaria completo sem as promos lindas do Fome né?! 
O livro de hoje é um interativo que parece muito divertido! Vire a Página promete te ajudar a esquecer o ex, mas, se isso não funcionar, no mínimo ele vai te ajudar a descontar a raiva!!!
Quem acabou de terminar o namoro, não perca tempo! E para quem não tem um ex tão atual assim... Nunca é tarde demais pra gente exorcizar esses trastes seres, não é? Corram para se inscrever!!! 


Saciando a Fome #142

Livros muito bonitos.


Preciso começar pelo livro mais bonito que recebi esse ano! Felizes Para Sempre (Kiera Cass - Seguinte) é um livro extra da série A Seleção, o meu é em capa dura (mas tem a versão normal também), contém ilustrações e todo o tipo de coisas lindas dentro. Como eu estou lendo rápido, já tem resenha dele e de Alma Negra (Holly Black - Rocco) , conclusão de uma trilogia de fantasia. Recebemos também Estrelas Perdidas (Claudia Gray - Seguinte) , um livro relacionado ao universo de Star Wars, e Perdidos Por Aí (Adi Alsaid - Verus) e Infinito + Um (Amy Harmon - Verus) , dois contemporâneos com romance que parecem ser bem fofos.

Resenha - Descendente

Resenha feita pela Luh!
Título: Descendente
Título Original: Descendant
Série: Starling
1-  Starling (2015)
2- Descendente (2015)
3- Transcendant (2014 US)
Autor: Lesley Livingston
Editora: Jangada
Páginas: 280
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Extra

Mais mitologia!
Atenção: Essa resenha não contém spoilers de Starling, exceto na sinopse.

Sinopse: A última coisa de que Mason Starling se lembra é do trem cruzando uma ponte. Uma explosão, uma luz ofuscante, e então a escuridão. Agora ela está só, perdida em Asgard e a única maneira de voltar para casa é encontrar a Lança de Odin, uma poderosa relíquia deixada por deuses já desaparecidos.
Fennrys, o Lobo, sabe tudo sobre Asgard. No passado ele esteve preso lá. E vai fazer de tudo para encontrar e trazer de volta a garota que roubou seu coração. Mesmo que isso signifique ter de descer ao traiçoeiro Mundo dos Mortos.
Mas o tempo está se esgotando, e Fenn sabe algo que Mason desconhece: se ela empunhar a Lança, dará início a uma profecia terrível. E ela não apenas retornará a seu mundo. Ela o destruirá.

A Trama: Essa trama foi uma mistura de romance e batalhas até a morte (ou quase). Gostei bastante do equilíbrio entre as cenas normais e aquelas envolvendo seres mitológicos, fez com que o livro fosse realista e mágico ao mesmo tempo.
Por ser um livro curto, senti que a trama foi um pouco apressada e muitas partes poderiam ter sido mais exploradas, porém adorei a parte que se passa em Hell e alguns personagens novos que surgem nesse livro. Apesar de ainda não ser uma das melhores fantasias que já li, está melhor que o livro anterior, e o próximo promete ainda mais.

Resenha - Alma Negra

Resenha feita pela Luh!
Título: Alma Negra
Título Original: Black Heart
Série: Mestres da Maldição
1- Gata Branca (2012)
2- Luva Vermelha (2014)

3- Alma Negra (2015)
Autor: Holly Black
Editora: Rocco
Páginas: 336
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Amazon // Cultura

Uma boa conclusão.
Atenção: Essa resenha não contém spoilers dos livros anteriores, exceto na sinopse.

Sinopse:  Cassel Sharpe cresceu achando que era um ser humano comum, sem habilidades especiais, até descobrir que estava sendo manipulado por seus irmãos para se tornar um trapaceiro e assassino. Afinal, ele é um tipo raro e muito poderoso de mestre da maldição, capaz de transformar objetos e seres vivos em algo completamente diferente com um simples toque. Depois de Gata branca e Luva vermelha, o jovem está decidido a deixar o passado de fora da lei para trás. Mas para isso tem que tomar decisões difíceis, como se afastar de seu grande amor, e reaprender a distinguir a linha tênue que separa o certo do errado, a verdade da mentira – mesmo com seu coração, e sua vida, correndo risco. 

A Trama: Após acompanhar a jornada de Cassel nos dois primeiros livros, enquanto ele descobre seu lugar no meio de uma família de Mestres da Maldição, ladrões e golpistas, pensei que esse livro seria bem previsível. Entretanto, a trama me pegou de surpresa, não só pelos segredos revelados, mas pelas ações do protagonista.
O final é totalmente diferente do que eu esperava, algumas questões não foram respondidas, porém foi uma conclusão bem satisfatória, especialmente em relação ao protagonista, e gostei de ter investido na série, só acredito que seria legal se a autora tivesse escrito um epílogo ou um conto extra falando sobre o destino dos personagens secundários, que me deixou intrigada.

Resenha - Felizes Para Sempre

Resenha feita pela Luh!  
Título: Felizes Para Sempre
Título Original: Happily Ever After
Série: A Seleção
1- A Seleção (2012)
2- A Elite (2013)
3- A Escolha (2014)
3.5 - Felizes Para Sempre (2015)
4- A Herdeira (2015)
Autor: Kiera Cass
Editora: Seguinte
Páginas: 447
Saiba mais: Skoob
Comprar: Submarino // Amazon // Fnac // Extra

O livro mais lindo que eu possuo, sem dúvida.

Sinopse: Esta coletânea traz os contos A rainha, O príncipe, O guarda e A favorita ilustrados e com introduções inéditas de Kiera Cass. Conheça o príncipe Maxon antes de ele se apaixonar por America, e a rainha Amberly antes de ser escolhida por Clarkson. Veja a Seleção através dos olhos de um guarda que perdeu seu primeiro amor e de uma Selecionada que se apaixonou pelo garoto errado. Você encontrará, ainda, cenas inéditas da série narradas pelos pontos de vista de Celeste e Lucy, um texto contando o que aconteceu com as outras Selecionadas depois do fim da competição e um trecho exclusivo de A sereia, o novo romance de Kiera Cass.  

O Livro: Como descrito na sinopse, esse é um livro de contos a respeito da série A Seleção, meio que um livro extra. Além dos contos lançados anteriormente, o livro conta com um epílogo, cenas extras do ponto de vista da Celeste, um mapa lindo e etc. Mesmo para quem já leu alguns dos contos, absolutamente vale a pena!
Agora, vamos aos contos:

Terça do Top #103

Top 12 Livros para 2016


Em um mundo ideal, eu conseguiria ler todos já nas férias, mas sabemos que as coisas não funcionam bem assim, então estou torcendo para conseguir ler esse livros em 2016:


Já li um livro da Jennifer e adorei, sem falar que tenho esse livro (em inglês) há uns dois anos, então já passou da hora de começar a série! Além disso, a trama envolve um alienígena sexy e aquele tipo de romance "amor e ódio" que eu amo.

Outro livro que tenho em inglês há um bom tempo, esse é um pouco intimidante pelo tamanho, é um livro bem gradinho, mas considerando que é sobre "freiras assassinas" que servem à Morte, estou super ansiosa para conhecer melhor a história.

Depois de me apaixonar pela escrita da Sarah em Os Bons Segredos, estou torcendo para ler qualquer coisa dela em que eu conseguir colocar as mãos, e coincidentemente tenho esse livro aqui na minha estante. Não sei nem sobre o que é a trama, mas gostei tanto da autora que não importa.

Esse livro já entrou tantas vezes em votações e listas dos livros que quero ler, que já estou abandonando as esperanças. Entretanto, com alguma sorte, 2016 será o ano em que ele vai sair da "gaveta". Envolvendo a Guerra de Troia e a Grécia Antiga, a trama promete ser ótima.

O único livro do top que tenho certeza que vou ler, já que estou acompanhando a série conforme ela é lançada pela editora. Os Sete Reinos se tornou uma das minhas séries prediletas, o que eu realmente não esperava, e estou muito ansiosa e triste por ser o último livro.


Cornwell é um dos meus autores prediletos, mas deve fazer um ano e meio que não consigo ler nada dele porque seus livros são muito densos e é necessário bastante tempo e dedicação para começar uma série assim, então deixei esse livro guardado aqui até conseguir ter uma folguinha das parcerias. Eis que agora nas férias estou tendo essa folga, então vamos torcer para dar certo.

Não tenho um interesse tão grande nessa trama quanto nas outras, já que se trata de uma espécie de circo mágico, porém todos gostam tanto desse livro que estou me sentindo a "criança fora do parquinho". Além disso, é um dos poucos livros desse top que não tem continuação, então não tenho porque não ler.

Amei Outlander, o primeiro da série, e já havia lido cerca de 1/4 desse livro. Entretanto, sendo que ele tem quase mil páginas e as primeiras 200 foram bem arrastadas, acabei abandonando. Resolvi dar outra chance à ele esse ano, já sabendo que o início é lento. 

Maggie escreveu um dos meus livros prediletos, A Corrida de Escorpião, então é claro que eu estou ansiosa para conhecer essa trilogia. O problema é que não tenho nenhum dos livros, mas pretendo ler no Kindle.

Se eu tivesse que escolher um livro desse top, o que mais desejo ler, seria esse. Sinto que vou gostar muito, parece um livro feito para mim, porém o tamanho dele me intimidou um pouco no ano que passou, especialmente porque no tempo que levarei para lê-lo, poderia ler outros dois livros, e acredito que a continuação da série seja ainda maior. Entretanto, vou tentar fazer um esforço e abrir um espaço para ele ano que vem.

O que eu sei sobre esse livro? É uma fantasia envolvendo magia e tem mais de 600 páginas. Mas, mais importante, praticamente todos os blogueiros americanos que eu acompanho já leram e recomendam. Com tantas recomendações assim, é difícil não ficar curioso.

Já chorei bastante com dois livros da Jennifer Brown esse ano e estou ansiosa por um terceiro. Sei que logo no início desse livro a família da protagonista morre em um tornado, então suspeito que vou chorar do início ao fim.

E você, tem planos de leitura para 2016? Compartilhe!

Resenha - O Vitral Encantado

Resenha feita pela 
Título: O Vitral Encantado
Título Original: Enchanted Glass
Livro Único.
Autora: Diana Wynne Jones
Editora: Galera Junior
Páginas: 304
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Amazon // Submarino

Sinopse: O avô de Andrew Hope acabou de falecer e lhe deixou seu casarão como herança. Mas muito mais do que isso. Ele era um grande mago e Andrew herdou também o campo de proteção da propriedade (o que automaticamente o torna responsável pela segurança de todos os que vivem ali) e um curioso artefato: um vitral de muitas cores e claramente mágico. Quando o jovem Aidan Cain, caçado pelos temidos Perseguidores, surge em sua porta à procura de abrigo, Andrew encontra nele um amigo para desbravar os arredores do casarão. Mas com Aidan ele vai descobrir que o passado de sua família pode ter muito mais magia do que imaginava. Diana Wynne Jones nos proporciona uma aventura delicada e cheia de humor britânico moderno. O Vitral Encantado é um prato cheio para os fãs de Neil Gaiman e outros autores de fantasia.

A Trama: O livro é cheio de mistério e fantasia, com direito a seres gigantes, verduras gigantes, menino que se transforma em cachorro e contrapartes, que seriam como "doppelgängers", um pouco modificados, dos habitantes de Melstone. Porém nem todo esse mistério é bem explicado e tive que deduzir algumas coisas e exercitar minha memória lembrando de passagens aparentemente insignificantes. O clímax para mim foi desapontante, mas talvez um leitor que não cobre tanto da trama, curta mais a leitura.

Resenha - Morte de Tinta

Resenha feita pela Tay!
Título: Morte de Tinta
Título Original: Tintentod
Série: Mundo de Tinta
1- Coração de Tinta (2006)
2- Sangue de Tinta (2009)
3- Morte de Tinta 
Autor: Cornelia Funke
Editora: Seguinte
Páginas: 576
Ano: 2010
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Submarino // Saraiva

Essa resenha não contém spoilers dos livros anteriores.

SinopseMundo de Tinta é um universo onde ficção e realidade se confundem e também o nome da trilogia iniciada com o best-seller Coração de tinta, seguida de Sangue de tinta e que chega agora ao fim com Morte de tinta. Nesse universo, um “língua encantada” é alguém que, ao ler uma história em voz alta, tem o poder de trazer o mundo dos livros para a realidade, assim como viajar ele mesmo, e levar quem estiver por perto, para o mundo fantástico da palavra escrita. É o que aconteceu com Mo, um encadernador de livros, e sua família, quando um dia, ao ler em voz alta seu livro favorito - Coração de tinta -, ele manda a mulher para o mundo da ficção, trazendo em seu lugar alguns vilões da trama.Mo e sua filha Meggie acabaram transitando entre essa fronteira; viveram um bocado de aventuras nessas viagens e conheceram milhares de personagens incríveis - muitos deles malvados até a alma. Desta vez, com a ajuda de Dedo Empoeirado, Farid, Resa e Violante, Mo enfrenta o mais terrível de todos os vilões, o Cabeça de Víbora, numa batalha final, de vida ou morte.
Mas, antes dela, personagens já conhecidos dos livros anteriores vivem suas aventuras. Fenoglio, o autor de Coração de tinta, tem que combater Orfeu, plagiador que se utiliza de passagens de seu livro para reescrever e manipular a história. Meggie, ao se apaixonar por Farid, se depara com as alegrias e decepções do primeiro amor. Resa, mãe de Meggie, traz em seu ventre um novo herdeiro. E Mortimer, nosso herói, que no Mundo de tinta assume a personalidade do Gaio, espécie de Robin Hood, tem que lutar contra o próprio personagem que interpreta, já que pouco a pouco começa a se confundir com ele e a se esquecer de quem é no mundo real.

A TramaNesse último volume, acompanharemos as consequências do que acontece em Sangue de Tinta, o desenrolar de algumas tramas tensas e mudanças nos personagens, principalmente em Mo. Esse livro foi uma verdadeira montanha russa para mim. Ao mesmo tempo em que eu adorava estar naquele mundo mágico, senti que a autora enrolou muito para tentar fazer um livro tão grande quanto os outros dois. Chegou um certo ponto em que eu não conseguia nem ler direito, lia dois ou três capítulos e já estava cansada. Quanto ao final, ao mesmo tempo em que gostei, eu não gostei. Esperava algo um pouco diferente e um desfecho mais mortal para um certo personagem, confesso que fiquei com um pouco de raiva por ele ter conseguido escapar.

Saciando a Fome #141

Fechando muito bem o ano.


Começando pelos presentinhos, o quadrinho fofo ali do canto veio com o livro da semana passada, Vire a Página. Um dos livros mais bonitos que eu já vi foi o A Bela e a Adormecida (Neil Gaiman - Rocco), que é em capa dura e tem ilustrações em uma edição cheia de charme. Dos livros que estávamos aguardando muito, vieram Por favor, Ignore Vera Dietz (A. S. King - Novo Século) e Guardiões da Galáxia (Dan Abnett - Marvel), um contemporâneo e uma HQ do universo Marvel.
Demorei tanto pra mostrar pra vocês Meu Passado Me Condena (Tati Bernardi - Paralela) que já tem até resenha e adorei o livro, marquei muitas frases engraçadas. Por fim, recebemos O Bangalô (Sarah Jio - Novo Conceito), de uma autora que já tem vários outros livros no Brasil.