Resenha - Coisas de Menino

Título: Coisas de Menino
Autor: Alexandre Braoios
Editora: Illuminare
Páginas: 267
Ano: 2016
Saiba Mais: Skoob
Comprar: Amazon // Autor: livro.coisasdemenino@gmail.com

SinopseAté onde o abuso sexual infantil deixa marcas que não saram? A história de um menino que teve uma infância comum, a não ser por um dia fatídico onde o abuso sexual de um adulto mudou sua forma de ver a vida. Essa experiência foi o catalisador de uma série de acontecimentos tensos, sentimentais, profundos e verdadeiros na vida do pequeno menino. "Coisas de menino" é um romance profundo, baseado em uma história real, que aborda o abuso sexual infantil de forma clara, dramática mas também realista e sentimental. Um romance a ser lido e refletido.

A TramaAndrea é uma enfermeira dedicada que agora está cuidando de Raul, um ex-professor de educação-física que está no fim de sua vida. Por esse motivo, ele resolve confidenciar a Andrea um segredo que manteve guardado por mais de 30 anos, a fim de que ela possa escrevê-lo e mantê-lo até o dia de sua morte. Mas após descobrir os horrores que aquele homem guardava dentro de si, a enfermeira tem outros planos para tudo o que descobriu. Coisas de Menino é um livro "difícil" de ser lido desde o começo, você nunca fica confortável durante a leitura (e deveria ser assim mesmo!), porque a revelação de Raul e a forma como ele reage a elas é um tanto quanto revoltante por uma parte do livro. A trama se desenrola em três partes, sendo a primeira e a terceira o "presente" e a segunda o passado, contando tudo (nos mínimos detalhes) sob os olhos de Piccolo, a vítima de Raul. Os capítulos finais trazem uma revelação surpreendente, apesar de eu já ter considerado a possibilidade antes, e achei um final justo para os envolvidos, mesmo sendo um pouco idealista.

Tag dos 50%

Oi, gente! Hoje eu trago novamente a Tag dos 50%, onde vou falar um pouco sobre as melhores (e a pior) leituras do ano até agora. Esse ano eu não estou lendo tanto quanto ano passado, mas já li muitos livros bons (alguns nem tanto) e quero compartilhar um pouquinho do meu amor por eles com vocês.


Caso tenham curiosidade, confiram nossas respostas do ano passado: Luh, May e Tay.

Top Comentarista - Julho

Oi, gente! O Top Comentarista voltou! \o/
Sei que o post está saindo muito um pouco atrasado, mas o importante é que estamos de volta! Continuaremos com o nosso sistema de pontos (se você não conhece, dê uma olhada aqui nos nossos tops anteriores), qualquer dúvida entre em contato pelo e-mail promosfomedelivros@gmail.com que responderemos assim que possível. Ah, não se esqueça que os comentários serão contados a partir do 1º post do mês.

E o nosso prêmio dessa vez é...

40 reais em livros!

Ou seja, você pode escolher o livro que quiser (estando dentro desse valor) em alguma livraria online (até mais de um se couber dentro do valor do prêmio)! Lembrando que o valor do frete deve estar incluso dentro dos R$40,00.

REGRAS:

1. Serão válidos apenas:
- Um comentário por post;
- Comentários feitos nas postagens de julho, exceto as promoções! (Cuidado, isso conta desde o 1º dia do mês e não a partir dessa postagem);
- Comentários com conteúdo. "Adorei a resenha", "Que legal" e etc. serão ignorados. REALMENTE VAMOS DESCLASSIFICAR AS PESSOAS. No mínimo, leia parte do post e, por favor, comente algo condizente com a resenha!

2. Você pode usar o Intense Debate, o Facebook ou ambos. Caso pretenda usar ambos (ou troque no meio do mês) e eles tenham nomes diferentes, não se esqueça de avisar.

3. Para participar você só precisa deixar um comentário nesse post com uma forma de contato (pode ser e-mail, twitter, etc.). A contagem final será feita por mim e só é necessário inscrever-se uma vez.

4. Os vencedores receberão pontos, baseado na quantidade de posts em que comentaram. Quem comentar em mais de 5 postagens receberá 1 ponto, quem comentar em mais de 20 receberá 2 e quem comentar em tudo (esquecendo, no máximo, 1 post), recebe 3. Sendo assim, quando formos sortear, se você recebeu 3 pontos, seu nome estará na lista 3 vezes. 

5. Será apenas um vencedor.

6. O frete deve estar incluso no valor do prêmio. 

7. Os inscritos têm até 06 de agosto para comentar. O resultado sairá no post do Top Comentarista do mês.


Boa sorte! Até mês que vem!

Playlist - Tudo e Todas as Coisas

Playlist é a coluna onde vamos relacionar livros com músicas que nos lembram da trama, personagens, de uma cena específica ou algum outro aspecto do livro. É uma ótima sugestão de trilha sonora para quem vai ler e também é divertido para conhecer músicas novas!

A playlist de hoje é do livro Tudo e Todas as Coisas, que eu li um tempinho atrás, gostei bastante e tem resenha da May aqui pra vocês conferirem.

Imagem retirada do blog Sai da Minha Lente.

Lançamentos de Julho #2

Oi, gente! No post de hoje veremos os livros lançados esse mês pelo Grupo Companhia das Letras e a editora Universo dos Livros!

O Prisioneiro do Céu - Carlos Ruiz Zafón - Suma de Letras

Barcelona, 1957. É natal e os clientes são escassos na livraria Sempere & Filhos; as contas vêm se acumulando. É quando um homem com mão de porcelana visita a loja e compra o item mais caro: um exemplar raríssimo de O conde de Monte Cristo, onde deixa a dedicatória “Para Fermín Romero de Torres, que retornou de entre os mortos e tem a chave do futuro”.
Este é o ponto de partida para que conheçamos mais da história de Fermín, incluindo seus anos no Castelo Montjuic, a prisão do governo Franco, na época gerenciada pelo nefasto Mauricio Valls. Com medo de que um segredo enterrado há vinte anos finalmente venha à tona, ele narra a Daniel suas tentativas de fuga da prisão, junto a um companheiro de cárcere.
O prisioneiro do céu é uma história sobre prisão, tortura, inveja, traição e assassinato, onde as tramas de A sombra do vento e O jogo do anjo convergem para a resolução do enigma escondido no coração do Cemitério dos livros esquecidos.


Salvador levava uma vida tranquila e descomplicada ao lado de seu pai adotivo gay e de Sam, sua melhor amiga. Porém, o último ano do ensino médio vem acompanhado de mudanças sobre as quais o garoto não tem nenhum controle, como ímpetos de raiva queele não costumava sentir. Além disso, Salvador tem que lidar com a iminente morte da avó, com uma tragédia repentina que acontece na vida de Sam e com o fato de seu pai estar se reaproximando de um ex-namorado. Em meio a esse turbilhão de sentimentos, que vão do luto ao amor e da amizade à solidão, Sal passa a questionar sua própria origem e identidade, e tenta encontrar alguma lógica para a sua vida uma tarefa que parece quase impossível.

Recapitulando - Crave a Marca

Este é um resumo dos livros da série Crave a Marca por Veronica Roth. Este resumo foi criado com o intuito de ajudar os leitores a relembrar momentos importantes dos livros, antes de ler o livro seguinte da série. É importante lembrar que esses resumos contém muitos spoilers, já que eles são necessários para que você lembre o que aconteceu.

Crave a Marca - Crave a Marca #1 - Veronica Roth
EM RESUMO: Akos, após ser raptado e treinar com os brutais shotet, se torna o serviçal pessoal de Cyra. Com o tempo, eles acabam se importando demais um com o outro, o que o irmão de Cyra, Ryzek, usa para controlá-los. Após muita luta, Cyra e Akos conseguem matar Ryzek e sequestrar o irmão de Akos, Eijeh, para tentar reverter a lavagem cerebral que ele sofreu. Porém, durante o resgate, Ori, a irmã da Chanceler thuvhesita, é assassinada.
 EM DETALHES:

  • A Assembleia é composta por nove planetas, sendo que a trama se passa em Thuvhe, que é um planeta dividido entre dois povos - os shotet, conhecido por seus hábitos selvagens, e os thuvhesitas, povo religioso e pacífico.
  • Todas as pessoas tem dons-da-corrente, poderes que se desenvolvem durante a puberdade e são diferentes para cada pessoa. O dom-da-corrente de Akos é o de eliminar outros dons-da-corrente, enquanto o de Cyra causa dor nas pessoas (podendo até matar) e, principalmente, nela mesma.
  • Os oráculos desse mundo conseguem fazer algumas previsões sobre pessoas específicas, os afortunados. Akos Kereseth está destinado a morrer a serviço da família Noavek, enquanto Cyra Noavek está destinada a cruzar a Divisão. O tirano que controla os shotet, Ryzek Noavek, irmão de Cyra, acaba raptando Akos e seu irmão mais novo, Eijeh, para tentar controlá-los.
  • Como Akos consegue anular outros dons, Ryzek o dá de presente a Cyra, para que ele ajude a garota com as dores constantes que ela sofre por causa de seu dom. Ryzek pode estar parecendo bondoso, mas na verdade ele usa Cyra sempre que necessário para intimidar as pessoas, torturá-las e até executá-las. Ou seja, não há uma gota de sangue bom nele.
  • Cyra começa a ajudar Akos a treinar suas habilidades de luta e em troca Akos a ensina a fazer poções para aliviar a dor, dormir melhor e etc. Enquanto isso, Ryzek usa sua habilidade para manipular Eijeh, que descobrimos ser o novo oráculo, que prevê o futuro.
  • Eijeh basicamente sofre uma lavagem cerebral e fica cada vez mais malvado - e mais parecido com Ryzek. Se você me perguntar, deveriam ter abandonado ele, mas Akos não desiste com tanta facilidade do irmão (o que gera uma dor de cabeça enorme depois).
  • Todos eles vão para uma "temporada", um costume shotet de partir em uma espaçonave gigante para outro planeta, para melhorar suas relações com outros povos e, basicamente, reciclar seu lixo. As coisas ficam um pouco tensas na nave, com algumas execuções e até um pouquinho de romance entre Akos e Cyra.
  • Pouco depois de voltarem da temporada, Cyra decide parar de deixar o irmão controlá-la e ele fisicamente força ela a torturar Akos. Então, o dom de Cyra muda um pouco e ela acaba conseguindo não torturá-lo. As coisas ficam um pouco confusas, mas aos poucos vamos entendendo que Akos é resgatado de sua cela (ele e Cyra estão presos como traidores) por renegados.
  • Akos é deixado em um hospital onde encontra sua mãe e sua irmã, que ainda estão vivas! É claro que ele não vai abandonar Cyra, e nem Eijeh, então eles voltam para o local onde estão prendendo essas pessoas e conseguem resgatar Cyra.
  • Akos e Cyra conhecem Isae, a Chanceler de Thuvhe. Sua irmã gêmea, Ori, foi sequestrada por Ryzek enquanto Akos estava no hospital, e Ori é uma antiga amiga da família, então eles fazem um plano para resgatá-la e matar Ryzek ao mesmo tempo. 
  • Antes de partirem, Akos e Cyra finalmente admitem o que sentem um pelo outro e trocam alguns beijos bem desajeitados. Nada como a sensação de morte próxima para inspirar um romance.
  • Quando todos chegam no local para matar Ryzek, a primeira metade do plano dá certo - Cyra consegue envenenar Ryzek, porém Eijeh, ainda todo malvado por causa da lavagem cerebral, mata Ori, que costumava ser sua melhor amiga. Palmas para a lavagem cerebral, que foi muito potente.
  • Após todos entrarem na nave com os corpos de Ryzek e Ori, e um Eijeh que foi levado à força, Cyra revela que não matou seu irmão, só o colocou para dormir (mas fez o mundo todo acreditar que ele estava morto), porque ele era a única chance de reverter a lobotomia de Eijeh.
  • O livro acaba com todos a bordo de uma nave, indo para o Quartel-General da Assembleia para que Isae volte ao seu posto de Chanceler e eles possam decidir o que fazer com Eijeh e Ryzek. Ainda, a mãe de Akos, que é uma oráculo, revela que viu a guerra iminente em todos os possíveis futuros.

Pilha de Leitura da Tay #30

Oi, gente! Não sei o que está acontecendo comigo esse ano que eu não consigo ler muito, por isso demorei pra decidir concluir essa pilha.

A Última Pilha: 


Começando a pilha com Crenshaw, esse é um livro infanto-juvenil que mantém aquela inocência de criança, mas também fala sobre assuntos sérios e consegue emocionar o leitor. Sussurros do País das Maravilhas é um livro de contos da série Splitered que, honestamente, é dispensável, principalmente se você não for aquele grande fã da trilogia. A Traidora do Trono foi uma sequência incrível que eu gostei mais do que o primeiro livro, além de me deixar bem ansiosa pelo próximo livro. Coisas de Menino é um livro pesado sobre abuso sexual infantil, foi uma leitura difícil, mas interessante.


Indo para os e-books, Caraval foi uma grande decepção; Tudo e Todas as Coisas foi bem fofo e gostosinho de ler; Qualquer Outro Lugar foi uma conclusão decepcionante; e Yaqui Delgado Quer Quebrar a Sua Cara é um YA sobre bullying bom, mas pecou em alguns aspectos para deixar a leitura mais interessante.


Agora e Para Sempre, Lara Jean foi uma conclusão maravilhosa, que me fez chorar porque a série acabou e já estou sentindo saudades dos personagens.

O Pior da Pilha: Caraval é uma decepção elevada ao nível máximo!
O Melhor da Pilha: Agora e Para Sempre, Lara Jean ❤️

Resenha - A Arte de Ser Normal

Título: A Arte de Ser Normal
Título Original: The Art of Being Normal
Livro Único
Autora: Lisa Williamson
Editora: Rocco
Páginas: 384
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Extra // Amazon

Realmente tocante, porém sem ser melodramático.


Sinopse: David Piper tinha oito anos quando foi questionado pela professora sobre o que queria ser quando crescesse. Respondeu à pergunta com cuidado. Só percebeu que havia algo de diferente em sua resposta quando os colegas começaram a dizer o que queriam ser: atriz, jogador de futebol, primeiro-ministro... Apesar disso, leu em voz alta o que havia escrito: “Quero ser uma menina". O tempo passou, David cresceu (mais do que gostaria), mas mesmo agora, aos 14 anos, continua com o mesmo desejo, compartilhado apenas com Essie e Felix, seus melhores e únicos amigos
Leo Denton nem bem chegou à Escola Parque Éden e já ganhou os holofotes ao defender David Piper das agressões dos colegas na hora do almoço. O soco no nariz de Harry Beaumont rendeu-lhe um mês de detenção e o alerta de que está em observação, ou seja, mais um deslize e será expulso, algo que Leo precisará evitar de todas as formas. A vaga no colégio de classe alta parece ser a sua última chance na vida, o que vai livrá-lo tanto do conjunto habitacional perigoso onde mora com a mãe e as irmãs quanto dos acontecimentos que o obrigaram a trocar de escola.

A TramaA Arte de Ser Normal me deixou encantada em certos pontos e um pouco decepcionada em outros, provavelmente por ter sido um livro tão diferente do que eu esperava. Logo na primeira página, David explica, em uma cena envolvente, que aos oito anos de idade desejava ser uma menina (desejo que não diminuiu com o tempo), e a trama segue abordando esse assunto.
Adorei que, apesar de falar bastante sobre sexualidade, a autora conseguiu abordar diversos assuntos comuns entre os adolescentes, como romances, amizade, relacionamento com a família e até bullying. Assim, a trama não se tornou repetitiva e conseguiu me manter interessada do início ao fim.
Minhas partes prediletas, devo admitir, foram os relacionamentos de David e Leo com suas famílias. Enquanto Leo parece vir de uma família bem problemática, David tem pais bem comuns que o apoiam em tudo. Apesar disso, as cenas com as famílias dos protagonistas me pareceram mal resolvidas, deixando o livro com um final um pouco abrupto.
Além disso, senti que a autora tentou forçar a amizade de Leo e David muito rápido. Parece que as coisas estavam se desenvolvendo lentamente, aos pouquinhos, até que do nada eles eram super amigos e estavam se abrindo sobre os maiores segredos de suas vidas.  Tirando isso, foi um livro adorável e fofo!

Resenha - Resistência


Título: Resistência
Título Original: Mischling - A Novel
Autora: Affinity Konar
Editora: Fabrica231
Páginas: 320
Ano: 2017
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon // Saraiva 

Auschwitz sob o ponto de vista dos gêmeos.

Sinopse: 
Auschwitz, 1944. As gêmeas Pearl e Stasha têm 12 anos quando desembarcam no campo de concentração nazista na Polônia. à medida que conhecem o horror e têm suas identidades fraturadas pela dor e sofrimento, tentam confortar uma à outra e criam códigos e jogos para se proteger e recuperar parte da infância deixada para trás. Mas quando Pearl desaparece sem deixar pistas, Stasha se recusa a acreditar que a irmã esteja morta e embarca numa jornada desesperada em busca de justiça, paz e de si mesma. Livro notável pelo The New York Times; Livro do Ano pela Amazon e pela Publishers Weekly; indicação de leitura dos principais veículos de imprensa norte-americanos, Resistência narra, com uma voz poderosa e única, a trajetória de duas irmãs lutando pela sobrevivência em um dos períodos mais devastadores da história contemporânea e mostra que há beleza e esperança até diante do caos.

A Trama: De início, é bom adiantar que essa não é uma leitura fácil - a história é extremamente pesada, de uma forma que chegar a deixar a leitura angustiante. No entanto, é importante esclarecer que esse não é um defeito do livro.
Livros sobre a segunda guerra não foram feitos para nos deixar mais felizes - essa foi uma época desumana em diversos aspectos, e romantizar isso seria uma forma de desrespeito com as vítimas do holocausto. Porém, não lembro de nenhum outro livro que tenha me deixado tão sufocada. 
Todo mundo tem algumas informações perdidas sobre o que acontecia com as pessoas "incomuns" nos chamados zoológicos, mas ler isso sob o ponto de vista de crianças... É destrutivo.

Lançamentos de Julho #1

Oi, gente! Eu sei que os lançamentos sumiram de novo por aqui, mas agora voltei para mostrar a vocês o que está sendo lançado esse mês. Hoje veremos os lançamentos das editoras Rocco, Intrínseca e HarperCollins Brasil.


Enraizados - Naomi Novik - Fantástica Rocco

Autora da aclamada série Temeraire, bestseller do The New York Times, Naomi Novik introduz um mundo novo e ousado, com raízes fincadas no folclore eslavo, em Enraizados, indicado ao Hugo e vencedor do Nebula, entre outros prêmios literários. Na trama, Agnieszka e Kasia são melhores amigas e levam uma vida tranquila no vale. Mas essa tranquilidade cobra seu preço. Afinal, às margens do vilarejo onde moram fica a temida Floresta corrompida, cheia de um poder maligno desconhecido, e para impedir que ele avance para além das fronteiras da Floresta, o povo do vale conta somente com a proteção de um mago frio e ambicioso, que a cada dez anos exige que uma jovem do vilarejo seja entregue para servi-lo. Enquanto a próxima escolha se aproxima, Agnieska teme por sua bela, graciosa e corajosa amiga. Mas pode ser que ela esteja errada. Porque, quando o Dragão chegar, não é Kasia que ele vai escolher.


Por que a felicidade tem que ser tão difícil?
Aaron Soto, um jovem de 16 anos, está crescendo no Bronx dos dias atuais, em Nova York, poucos meses depois de tentar o suicídio e de encontrar seu pai morto com a própria navalha de barbear. Enquanto sua mãe confere folhetos do Leteo, um novo e polêmico instituto que realiza cirurgias para apagar memórias dolorosas, Aaron se reaproxima de sua devotada namorada, Genevieve, que o apoiou nos momentos difíceis, e da galera do seu bairro, que não teve a mesma atitude.
Então, Aaron conhece Thomas, um garoto do conjunto habitacional vizinho. Os dois se tornam grandes amigos imediatamente, e Aaron se vê compartilhando coisas jamais por ele compartilhadas, nem com Genevieve. Logo fica claro para todos ao seu redor que Aaron está se apaixonando por Thomas, o que é um problema – a relação com Gen, desta vez, é séria – e perigoso: Não é nada fácil ser gay quando você é pobre e mora no Bronx.
De repente, quando os antigos amigos de Aaron o agridem para ensinar uma lição (para o seu próprio bem, é claro), ele bate com a cabeça e algo estala... e novas memórias começam a emergir. Parece que Aaron já foi submetido ao procedimento do Leteo. Mas para esquecer o quê?

Resenha - Pecados Mortais

Título: Pecados Mortais
Título Original: A
Série: Maggie O' Dell
Autor: Alex Kava
Editora: Harlequin Books
Páginas: 400
Ano: 2006
Saiba Mais: Skoob
Comprar: Travessa

Sinopse: Uma confissão no corredor da morte. Um padre atormentado por um segredo macabro. Crimes que continuam acontecendo mesmo após a execução do culpado. Um xerife de cidade pequena cara a cara com a investigação mais importante da sua carreira. Uma agente do FBI aterrorizada pelas memórias do caso mais terrível de sua vida. Conspirações que mantêm o verdadeiro assassino em liberdade. Em Pecados Mortais, Alex Kava cria um enredo de suspense com viradas surpreendentes



A Trama: A história segue a agente Maggie O’dell e o Xerife Nick Morelli à caça de um serial Killer de garotinhos. A trama se passa, em sua maior parte, na pequena cidade de Platte City, onde acontecem os assassinatos. Apesar de tipicamente comum, a história é envolvente e prende a atenção do leitor, embora  mistério principal é um pouco decepcionante e previsível. A tensão sexual de alguns personagens também me parecia um pouco exagerada, mas quando eu começava a notar isso a autora mudava o foco do livro. O livro é narrado em primeira pessoa por vários personagens, mas principalmente por Maggie e Nick, e em segundo plano pelo assassino. O realismo dado pela autora ao usar uma cidade real, com detalhamento populacional e geográfico deixou a trama mais autêntica.