O Livro é Melhor? O Apanhador de Sonhos

Em "O Livro É Melhor?" vamos comparar alguns livros às suas adaptações, sejam filmes ou séries de tv, e explicar um pouquinho sobre suas diferenças para, no final, escolher um vencedor!

Olá, Olá, vamos comentar hoje do excêntrico e único " O Apanhador de Sonhos" de Stephen King você pode conferir a resenha aqui.



O LIVRO

  • No interior do Maine, um grupo de amigos vê uma criança ser atormentada por um bando de adolescentes, e o salvam. Como agradecimentos Duddits - uma criança especial lhes dá poderes peculiares, entre eles um sexto sentido e a habilidade de telepatia.
  • Quando cresce o grupo se afasta um pouco mas continua a manter um encontro anual. Em uma cabana na floresta alguns deles já estão reunidos e recordando Duddits quando se deparam com um caçador passando mal de uma doença estranha e misteriosa.
  • Enquanto a doença vai evoluindo, temos a introdução do problema principal do livro - do qual não vou dar spoilers e a volta de Duddits já adulto.
  • No livro King faz questão de elaborar e explicar muito bem o ecossistema da doença, o que é muito interessante. Normalmente eu não me importo que uma trama desafie a lógica, dês que tenha sua lógica própria.
  • O final do livro é simples de certa forma e pra lá de esquisito, mas faz um "sentido King" e eu gostei.


O FILME

  • Inicialmente a adaptação está muito boa, adequada ao livro tanto no ambiente quanto nos personagens.
  • Ok, até aqui tudo bem, claro que eles cortam um pouco toda a convivência que solidificou o laço de amizade do grupo, por que o filme tem um limite de tempo, mas até aí foi fidedigno e razoável para uma adaptação cinematográfica.
  • É a partir dessa parte que o o filme começa a tomar caminhos estranhos e até um tanto maçantes, principalmente em relação aos militares, e ações do Sr Cinza. Acho que esqueci de comentar, mas a referência á "Alien" é deliciosa - mas sou suspeita, é umas das minhas franquias preferidas.
  • O filme esquece completamente de fazer sentido e só mostra a "maré vermelha" se alastrando e teoricamente espalhando a doença por aí. A única coisa que fica explicito é o perigo da incubação e como ela acontece de fato.
  • Bom, é aqui que a porca torce o rabo, perde a circulação, necrosa e cai...por que olha... Além de inventar acontecimentos, o diretor praticamente muda o cerne da trama com um final tosco, pobre e um tanto sem nexo.



Qual é melhor?
Pois é pergunta difícil... para quem leu minha resenha sabe que vi primeiro o filme há muito tempo atrás, pelo qual eu me apaixonei e assisti inúmeras vezes depois, eu não me decepcionei de fato com a diferença entre os dois, ainda amo o filme - mas como adaptação do livro, ela é muito falha e é claro que o livro é muito melhor.