Resenha - O Estranho Mundo de Jack

Título: O Estranho Mundo de Jack
Livro Único.
Autor: Tim Burton
História e Arte: Jun Asuka
Editora: Abril
Páginas: 176
Ano: 2015
Saiba mais: Skoob
Comprar: Amazon

"This is Halloween!!"


Sinopse: Seja bem-vindo ao estranho mundo de Jack, mestre e senhor absoluto do Halloween. Infalível propagador de sustos nas noites de 31 de outubro, Jack se empolgou com uma outra festa que também ocorre apenas uma vez por ano: o celebrado Natal. Mas como fica a ordem das coisas quando uma criatura acostumada a espalhar o terror decide comandar um evento tão colorido, terno e reconfortante? Você mesmo vai descobrir a resposta se tiver coragem e mantiver os olhos abertos e grudados nesta versão em mangá da premiada animação escrita e produzida por Tim Burton.

A Trama: Jack - o Rei da Abóbora é o mestre da Cidade do Halloween, e o responsável por levar o Dia das Bruxas parar todos no mundo. Infelizmente Jack está entediado com sua função - depois de anos fazendo a mesma coisa, ele busca inspiração e um objetivo em sua existência imortal, e é nesse momento que ele descobre a Cidade do Natal.
Os Personagens: Jack Esqueleto é cativante e assustador, eu sempre me surpreendo em como essa personagem consegue me tirar suspiros e caretas toda vez que me deparo com ela. Como o nome já diz, Jack é um esqueleto humano, apesar disso sua aparência sempre me fez imaginar uma cruzamento de "Slender man" com "Jack' o' Lantern", o que faz muito sentido já que um é um representante claro do Halloween, enquanto o outro é quase um sinônimo para o medo e o mistério. Sally apesar da sua aparência, é passível de várias emoções - frágil, sem vigor e apática ela se mostra muito espirituosa durante a trama, por Jack ela pode ser corajosa, habilidosa, esperta, prendada, fiel e amorosa. A morbidez fofa dos personagens é bem conhecida de Tim Burton, e se faz presente em toda sua obra. Podemos ver personagens como inspirações clássicas também, como o Dr Finklestein, que criou Sally em seu laboratório - obviamente uma alusão ao Dr Frankenstein (recorrente nas obras de Burton para quem está familiarizado).

Capa, Arte e Finalização: É difícil comentar sobre a obra dessa manga de uma forma geral, cresci assistindo a esse filme todos os anos,  já é praticamente uma tradição agora (sim, eu sei as falas de cor, e cantei as músicas mentalmente enquanto lia). Como um todo as cores da capa e o desenho retratado por Jun, são fiéis ao original, mas ele suavizou alguns traços e concepções da composição, talvez para dar um ar mais infantil - Sally chega até ser delicada em vários trechos. De certo modo isso não me agrada, gosto da "brutalidade" velada nas coisas de Burton. Além disso, a composição do cenário poderia ter tido um melhor acabamento, assim como os habitante do Reino do Halloween.
Concluindo: Adaptar uma obra tão rica para um mangá é sempre delicioso de se apreciar, mas claro, como acontece com os filmes e livros, nesse caso ao contrário, o manga de O estranho Mundo de Jack conta com mudanças para atrair o público e cortes para diminuir a história - o que necessariamente não fazem da trama ruim, mas que na minha opinião de fã, em nada serviu a não ser deixar um clássico incompleto e a desesperada necessidade em assistir o filme. Embora seja fofa e bem feita, a considero um complemento para fãs e interessados.