O Livro é Melhor? - Para Todos os Garotos Que Já Amei


Título: Para Todos os Garotos Que Já Amei
Original: To All The Boys I've Loved Before
Livro: Para Todos os Garotos Que Já Amei - Jenny Han
Ano: 2018
Assista: Netflix
Sinopse (do filme): Lara Jean é uma garota atrapalhada e ingênua, mas muito forte. Romântica, ela escreve cartas para os garotos por quem se apaixonou. Mas tem um detalhe: nunca as envia. Até que um dia essas cartas são misteriosamente enviadas aos respectivos destinatários, e a vida amorosa da garota toma outro rumo.

Em Para Todos os Garotos Que Já Amei, Lara Jean é uma adolescente comum que precisa lidar com sua paixonite pelo namorado da irmã, o fato desta estar se mudando para longe e, agora, com as consequências de suas cartas, que ela escrevia para todo garoto por quem ficou apaixonada, terem sido enviadas para seus destinatários. Para não encarar as prováveis perguntas de Josh, o namorado da irmã, depois que ele recebe a carta, Lara Jean e Peter K. (que também recebeu uma), resolvem fingir estar em um relacionamento, o que ajudaria ambas as partes de alguma forma, já que Peter queria fazer ciúmes em sua ex, Genevieve.

Eu me apaixonei pelo livro assim que o li. É uma história leve e divertida, os personagens são carismáticos e conseguem ganhar seu coração e no final você fica com uma ansiedade enorme para saber o que mais vai acontecer nas vidas desses personagens. Com o filme foi praticamente a mesma coisa. A maioria dos personagens conseguiu captar bem suas essências dos livros, principalmente Lara Jean e Peter, e é quase impossível não torcer pelos dois. Juro que lendo os três livros eu não conseguia imaginar um rosto para Peter, nenhum parecia certo, mas assim que vi Noah Centineo no filme ele se encaixou perfeitamente.


Apesar de ter gostado bastante, reconheço que a história do filme foi meio apressada. No livro você consegue "assistir" Peter e Lara Jean lentamente se apaixonarem um pelo outro, quando no filme pareceu que isso aconteceu em um estalar de dedos. Mas, de qualquer forma, eles ficaram perfeitos juntos, como deveria ser. Outras diferenças estão na relação das irmãs, que apesar de ter sido representada de uma forma boa na adaptação, não chega perto da relação das três nos livros. Também tem o quesito Josh, que causa mais dilemas e problemas no livro do que no filme, em que parece que Lara Jean não tem mais nenhum sentimento romântico por ele. Mais uma coisa foi não terem explorado o lado "cozinheira" da Lara Jean. No original ela ama cozinhar e isso é uma parte importante da sua personalidade, enquanto no filme houve apenas uma cena que não demonstrou nada dessa sua paixão. E é impressão minha ou a atriz que interpreta a Kitty não tem descendência coreana? Isso também me incomodou um pouco (além do fato de como as cartas da Lara Jean foram enviadas ficar bem óbvio, enquanto no livro descobrimos isso lá pro final, deixando um ar de mistério). Um ponto positivo, entretanto, foi o pai das meninas. Eu simplesmente amei seu personagem no filme!

Concluindo, eu amei a adaptação, amei principalmente poder dar um rosto que combine para o Peter K. e com certeza já virou um daqueles filmes amorzinho que sempre vou assistir quando quiser algum filme fofo e leve para ver. Porém, esse caso não é exceção: o livro é melhor, sim! Conseguimos entrar mais na cabeça da Lara Jean enquanto lemos, seu relacionamento com Peter é mais explorado e a história toca em outros pontos mais impactantes. O final do filme deu a entender que haverá uma continuação (yay!) e estou curiosa para saber como eles irão abordar isso numa sequência.

Se você já leu e/ou assistiu o filme de Para Todos os Garotos que Já Amei, não se esqueça de me dizer aqui nos comentários o que você achou e qual seu preferido: livro ou filme?

Até a próxima!