Resenha - O Auto da Maga Josefa

Título: O Auto da Maga Josefa
Livro Único.
Autor: Paola Siviero
Editora: Dame Blanche
Páginas: 250
Ano: 2018
Saiba Mais: Skoob
Comprar: Amazon 

Sinopse: Toda lenda tem raízes na realidade e Toninho sabe disso melhor do que ninguém – a seca é apenas uma das muitas maldições que assolam o Agreste. Fantasmas, vampiros e gigantes não assustam esse jovem caçador de demônios, mas ele se surpreende ao conhecer a misteriosa Josefa, que também percorre as estradas áridas do Nordeste atrás de criaturas malignas. As intenções da maga em lutar contra os seres de outro mundo talvez sejam obscuras, mas a jornada ao seu lado certamente será uma aventura inesquecível...

A TramaO livro se passa numa realidade brasileira alternativa em que todos os mitos, crenças e histórias assombradas são reais. Existem lobisomens, vampiros, sereias, dragões, demônios e muito mais, fazendo mais difícil a vida das pessoas nos sertões do Brasil. Toninho vem de uma família de caçadores, e levou o trabalho para a vida quando cresceu. No meio de uma caçada, ele conhece Josefa, uma maga, filha do próprio "coisa ruim", mas que está disposta a se juntar a ele para livrar o povo do nordeste das ameaças sobrenaturais. O livro conta com capítulos episódicos, em que cada um Toninho e Josefa vão enfrentar um monstro diferente, além de mostrar muito da cultura nordestina e crendices populares; é como se O Auto da Maga Josefa fosse a Supernatural brasileira, e achei tudo bem divertido. No final, você entende o motivo de todos aqueles casos e a história passa a fazer ainda mais sentido. É bem divertido acompanhar os dois protagonistas, as doses de humor vêm na medida certa e a história em si te deixa bem curioso para saber qual segredo a maga está guardando.

Os PersonagensToninho e Josefa são personagens bem carismáticos e divertidos de acompanhar. Apesar de um pouco caricatos na forma como nordestinos são representados em histórias como O Auto da Compadecida - principalmente Toninho -, ainda é divertido acompanhá-los nos casos e nas enrascadas em que se metem. Gostei principalmente de Josefa, que te deixa com um pé atrás o livro inteiro, mas que acada ganhando seu coração conforme a leitura avança.

Capa, Diagramação e Escrita: Sempre gostei muito dessa capa e ela foi a principal razão de eu querer ler esse livro; a aura mística combina perfeitamente com a história, gostei bastante do trabalho de quem fez. A diagramação também está boa, mas o livro por enquanto está disponível apenas em e-book, então cada um consegue fazer sua diagramação, deixando a fonte maior ou menor, etc. Cada início de capítulo tem o trecho de uma música para ilustrar do que ele vai falar, e achei a seleção da autora bem condizente. A escrita da Paola é deliciosa, fluida e te puxa para o livro toda vez que você para. O estilo da narrativa, as falas dos personagens, tudo é bem regional do nordeste, e gostei bastante da forma que ela retratou tudo no livro, além das doses de humor bem colocadas.

Concluindo
É um livro bem brasileiro e que merece ser lido. A história e os personagens são divertidos, o final te deixa com o coração na mão e você vê que valou a pena investir seu tempo nessa leitura. Recomendo bastante essa dose de cultura brasileira no meio das leituras de vocês.