Resenha - Verity

Título: Verity
Livro Único.
Autor: Colleen Hoover
Páginas: 333
Ano: 2018
Saiba Mais: Skoob
Comprar: Amazon 

Colleen Hoover arrasa novamente!

Sinopse: Lowen Ashleigh is a struggling writer on the brink of financial ruin when she accepts the job offer of a lifetime. Jeremy Crawford, husband of bestselling author Verity Crawford, has hired Lowen to complete the remaining books in a successful series his injured wife is unable to finish.
Lowen arrives at the Crawford home, ready to sort through years of Verity's notes and outlines, hoping to find enough material to get her started. What Lowen doesn't expect to uncover in the chaotic office is an unfinished autobiography Verity never intended for anyone to read. Page after page of bone-chilling admissions, including Verity's recollection of what really happened the day her daughter died.
Lowen decides to keep the manuscript hidden from Jeremy, knowing its contents would devastate the already grieving father. But as Lowen's feelings for Jeremy begin to intensify, she recognizes all the ways she could benefit if he were to read his wife's words. After all, no matter how devoted Jeremy is to his injured wife, a truth this horrifying would make it impossible for him to continue to love her.

A TramaA história começa com Lowen sendo contratada para ser uma espécie de co-autora/ghost writer dos últimos três livros de uma série popular da autora Verity Crawford. O motivo: Verity sofreu um acidente de carro e agora está na cama, com danos cerebrais e sem conseguir fazer absolutamente nada sozinha. Por isso, Jeremy, marido de Verity, convida Lowen para ficar uns dias na casa deles enquanto ela fuça o escritório de Verity em busca de outlines, rascunhos, qualquer coisa que a ajude a escrever os outros três livros da série. E é nesse momento que a coisa começa a ficar louca! Lowen descobre o manuscrito de uma autobiografia escrita por Verity e, quando começa a ler, fica eternamente traumatizada com as coisas que Verity conta, porque a mulher basicamente era um monstro em formato de gente, conseguindo esconder esse seu lado muito bem do marido, por quem ela tinha uma obsessão doentia. Não vou falar muito sobre o que acontece a partir daí, porque esse é um daqueles livros que você precisa ler, descobrir as coisas por si mesmo e tirar suas próprias conclusões. Eu basicamente não conseguia largar esse livro e ficava cada vez mais ansiosa para chegar no final e descobrir o tal plot twist que todo mundo fala nas resenhas. E QUE PLOT TWIST! Algumas coisas que descobrimos no final eu já esperava, mas o final MESMO me pegou de surpresa, sacudiu meu cérebro e me deixou lá tentando entender quem eu era e onde eu estava.

Os PersonagensLowen é uma escritora nova, mas que já está a beira da ruína depois da morte da mãe, de quem ela cuidou por anos. Foi interessante acompanhar a história pelos olhos dela, principalmente por sua inocência perante tanta coisa acontecendo. Jeremy é um marido dedicado, cuidando fielmente da esposa e ainda tendo que lidar com a dor da perda das filhas. São personagens muito bem construídos, e só queremos saber cada vez mais qual será o final de cada um nessa história. Não posso deixar de falar sobre Verity. Ela passa o "tempo real" do livro na cama, mas podemos ver as coisas sob seus olhos enquanto Lowen está lendo sua autobiografia. É assustador ler sob seu ponto de vista, já que ela se mostra uma pessoa horrível, e vários segredos obscuros vão sendo descobertos sobre ela ao longo da leitura.


Capa, Diagramação e EscritaNão tenho muita opinião sobre essa capa, já que não consigo encontrar conexão com a história, mas num geral é ok. Eu li em e-book, e a diagramação está boa, confortável para leitura (inclusive, está disponível no Kindle Unlimited, então se você lê em inglês, fica a dica). A escrita da Colleen é sempre maravilhosa! Esse foi um gênero novo para suas histórias, já que normalmente ela escreve New Adults contemporâneos, mas preciso dizer que ela mandou muito bem no thriller. Ela consegue deixar uma aura gostosa de mistério, tensão e, claro, sensualidade, fazendo o livro ser cada vez mais difícil de largar. Eu já li alguns livros dela traduzidos, mas nada se compara a ter contato com sua escrita no original, sempre consigo me envolver muito mais com a história.

Concluindo
Colleen Hoover é uma das minhas autoras preferidas, e esse livro é prova de que qualquer coisa que ela escrever vai me deixar viciada. Desde o momento que comecei a ler, não queria mais parar, só descobrir mais e mais sobre os personagens e esse mistério que estava me deixando DOIDA! Verity é um livro pra deixar qualquer um maluco, tem um thriller bem construído e, óbvio, aquelas cenas quentes que a Colleen sabe fazer muito bem. Recomendo muito!