Resenha - Correio Nada Elegante

Título: Correio Nada Elegante
Livro Único.
Autor: Marina Oliveira
Editora: Agência Página 7
Páginas: 79
Ano: 2019
Saiba Mais: Skoob / Goodreads
Comprar: Amazon 

Sinopse: Rie estava de malas prontas para passar as férias nas lindas praias do Recife com sua irmã gêmea e seus pais, quando foi pega no flagra matando aula. Como castigo, sua mãe decidiu que ela ficaria em Brasília, abrigada em um quarto bagunçado na casa dos tios, e ainda teria que ser voluntária na festa junina da Paróquia Santo Antônio. Tentando encarar o que parece ser um martírio, principalmente depois que é sorteada para a barraca do pastel (ninguém aguenta mais a piada racista do pastel de frango), a garota se surpreende com um admirador secreto que todas as noites envia uma mensagem pelo correio elegante da festa. Entre risadas e mistérios, venha se divertir com esse conto recheado de comidas típicas e amores secretos.

A TramaApós ser pega matando aula, Rie é obrigada a ficar para trás numa viagem de família, ainda tendo que ser voluntária na barraca de pastéis da festa junina da paróquia. Junto de seu primo, o melhor amigo dele e um senhorzinho dono da barraca, ela vai descobrir que esse castigo pode ter sido a melhor coisa que aconteceu, ainda mais por ela está recebendo correios elegantes de um admirador secreto. Correio Nada Elegante não é uma história super original nem nada do tipo, mas é aquela história para você ler rapidinho, ficar com um sorriso no rosto e o coração quentinho. Além de tudo, é um conto perfeito para essa época do ano.

Os PersonagensNão temos um desenvolvimento completo de personagens aqui pelas poucas páginas, mas a autora se esforçou para inserir representatividade e personagens cativantes. Rie é descendente de japoneses, e a história pelo seu ponto de vista foi bem divertida. Na verdade ela é até um pouco clichê de protagonista desse tipo de história, mas como já falei, essa é aquela história para entreter e ser fofinha, não quer trazer grandes inovações. Os outros personagens poderiam ter sido um pouco mais desenvolvidos, mas entendo que o espaço era pouco para se aprofundar muito.


Capa, Diagramação e Escrita: A capa é muito fofa e combina bem com a história e o tema de festa junina, as cores combinam entre si e a fonte também se encaixa. A escrita da Marina é bem fluida e de fácil leitura. Talvez falte um pouco de personalidade, porque é daquelas narrativas que poderiam ter sido escritas por qualquer pessoa, mas esse foi apenas um conto, gostaria de ler uma história mais longa para ter uma opinião melhor.

Concluindo
Esse é um conto perfeito para essa época do ano e que não faz muito sentido ser lido em outra data, então se você gosta de histórias e romances fofinhos, corre para ler agora! Está disponível no Kindle Unlimited.