Resenha - Daqui a Cinco Anos

Título: Daqui a Cinco Anos
Título Original: In Five Years
Livro Único.
Autor: Rebecca Serle
Editora: Paralela
Páginas: 291
Ano: 2020
Saiba Mais: Skoob / Goodreads
Comprar: Amazon 

Sinopse: Uma história de amor — mas não como você imagina.
Onde você se vê daqui a cinco anos? Dannie Kohan sabe exatamente o futuro que deseja e o que deve fazer para conquistá-lo. Depois de arrasar na entrevista para seu emprego dos sonhos em um dos maiores escritórios de advocacia de Nova York e de ser pedida em casamento pelo namorado, ela vai dormir com a certeza de que está no caminho certo para realizar todos os seus planos.
Quando acorda, entretanto, ela está em um apartamento diferente, com outro anel de noivado no dedo e um homem que nunca viu antes ao seu lado. A televisão mostra que é a mesma noite — 15 de dezembro —, mas cinco anos no futuro.
Depois de uma hora intensa e chocante nesse cenário, Dannie acorda de novo, de volta ao presente, como se nada tivesse acontecido. Profundamente abalada e sem entender o que houve, ela decide acreditar que foi apenas um sonho, por mais realista que tenha sido. E parece funcionar. Isto é, até quatro anos e meio depois, quando Dannie encontra o homem que viu naquela noite inusitada.
Ao mesmo tempo divertida e emocionante, Daqui a cinco anos é uma história sobre lealdade, amor, amizade e a natureza imprevisível do futuro.

A TramaNessa história conhecemos Dannie, uma mulher que tem basicamente toda a vida planejada. Ela sabe com quanto tempo de namoro duas pessoas podem ir morar juntas, qual a idade para ser pedida em casamento e qual a idade para se casar. Ela inclusive sabe que naquela noite, depois de uma importante entrevista de emprego, seu namorado de mais de dois anos, David, vai pedi-la em casamento, e quando ele o faz, ela sente que está tudo se encaixando. Até que, já em casa, Dannie apaga por um momento e acorda em um lugar completamente diferente. É a mesma noite de 15 de dezembro, mas cinco anos no futuro - e tem um homem que não é David nesse novo apartamento. Quando acorda novamente na sua vida real, ela só consegue pensar que foi tudo um sonho, embora parecesse bem real. Quatro ano e meio depois, ela e David ainda não se casaram, pois sempre surgia algo mais importante no caminho. Até que um dia, a melhor amiga de Dannie, Bella, resolve apresentá-la seu novo namorado. Para surpresa - e desespero - de Dannie, ele é o estranho do seu sonho de tantos anos antes. Esse livro me pegou de surpresa, porque eu estava esperando algo do tipo chick-lit focado no romance, e ele não é bem isso. Na verdade, o romance é deixado em segundo plano, e ele nem existe de verdade. O livro é focado na amizade entre Dannie e Bella, e eu achei bem legal a autora querer contar uma história sobre esse tipo de amor. Alguns problemas surgem no meio do caminho, obviamente, para deixar a história mais emocionante, mas mesmo assim algumas coisas não conseguiram me agradar completamente durante a leitura.

Os PersonagensEu adorei ver como Dannie era uma amiga dedicada e faria de tudo pela felicidade e bem-estar de Bella. Porém, em relação ao seu relacionamento com David, ela parecia bem apática e sem entusiasmo, o que faz a gente pensar o tempo inteiro por que eles ainda estão juntos. Tanto ela, quanto David veem adiando o casamento há muito tempo, e o isso acaba mostrando a dinâmica do relacionamento dos dois, que não conseguem decidir em uma data por sempre aparecer algo "mais importante" e eles deixarem pra lá. Bella é uma personagem cheia de vida e que gosta de curtir, quando se apaixona por Aaron (o cara da visão de Dannie) e sua vida muda completamente por vários motivos. O foco na amizade entre Dannie e Bella foi o que mais gostei nesse livro, porque elas têm uma relação verdadeira de amor e proteção, e achei bem bonita a forma que Dannie cuidava da amiga, apesar de ser um pouco possessiva e mandona em alguns momentos. Aaron foi um personagem meio "tanto faz" pra mim, apesar da sua aparição da visão de Dannie no futuro, ele não foi um personagem que causou grande impacto em mim.


Capa, Diagramação e EscritaA capa é bem simples, mas acho que combina com o tipo de história; a fonte do título ficou bem legal e os detalhes combinam com o cenário em que o livro se passa - Nova York. O livro está disponível apenas em e-book por enquanto e eu li uma prova antecipada da editora que não estava com uma diagramação muito boa, mas não tenho como opinar sobre a edição final. A escrita da Rebecca Serle é rápida e gostosa de ler, apenas alguns aspectos da criação da história que me incomodaram um pouco por faltar um desenvolvimento melhor. Talvez se o livro fosse maior, com um pouco mais de detalhes e desenvolvimento, teria sido uma leitura que me impactaria mais.

Concluindo
Apesar de eu ter gostado da história, achei que tinha vários aspectos que poderiam ter sido melhor trabalhados, e em alguns momentos eu não me senti verdadeiramente conectada com o que estava acontecendo. Mas ainda assim recomendo para quem gosta de histórias que emocionam e chick-lits que não são muito focados no romance.