Resenha - A Elite

Resenha feita pela Luh!  
Título: A Elite
Título Original: The Elite
Série: A Seleção
1- A Seleção (2012)
2- A Elite
Autor: Kiera Cass
Editora: Companhia das Letras
Páginas: 357
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Submarino (Pré-Venda)

Impossível parar de ler!

Sinopse: A Seleção começou com 35 garotas. Agora restam apenas seis e a competição para ganhar o coração do príncipe Maxon está acirrada como nunca. Só uma se casará com o príncipe e será coroada princesa de Illéa. Quanto mais America se aproxima da coroa, mais se sente confusa. Os momentos que passa com Maxon parecem um conto de fadas. Quando ela está com ele, é arrebatada por esse novo romance de tirar o fôlego e não consegue se imaginar com mais ninguém. Mas sempre que vê seu ex-namorado Aspen no palácio, trabalhando como guarda e se esforçando para protegê-la, ela sente que é nele que está seu conforto e se vê dominada pelas memórias da vida que eles planejavam ter juntos.
America precisa de mais tempo. Mas, enquanto ela está às voltas com seu futuro, perdida em sua indecisão, o resto da Elite sabe exatamente o que quer - e ela está prestes a perder sua chance de escolher. E, justo quando America tem certeza de que fez sua escolha, uma perda devastadora faz com que suas dúvidas retornem. Enquanto ela está se esforçando para decidir seu futuro, rebeldes violentos, determinados a derrubar a monarquia, estão se fortalecendo - e seus planos podem destruir as chances de qualquer final feliz.

O Conto: A editora disponibilizou gratuitamente um conto, O Príncipe, que fala sobre o livro anterior, mas do ponto de vista de Maxon. O conto é grandinho, tem 72 páginas, e nos ajuda a compreender melhor o personagem, além de ser ótimo para quem já leu A Seleção há um tempo poder relembrar os eventos do livro.

A Trama: Apesar de termos certa evolução na trama, eu esperava mais. A autora explora melhor o mundo de Illéa e sua história, falando sobre o motivo de as castas existirem e como isso tudo começou. Os rebeldes também passam de algo desorganizado e misterioso para uma coisa muito mais complexa, apesar de eu ter a sensação de que a autora não explicou nem a metade do que há por trás desse grupo. Eu acho que Kiera poderia ter avançado a trama dos rebeldes um pouco mais, para que o terceiro livro não fique muito denso. Apesar de a Seleção estar praticamente se arrastando, agora conhecemos as candidatas muito melhor e é mais emocionante e triste quando uma delas sai. Há uma cena com uma candidata em especial que me deixou chorando por vários minutos, foi realmente inesperado.


A Protagonista: America mudou bastante, às vezes para melhor e outras nem tanto. Ela perdeu um pouco do sarcasmo que eu adorava e parece ter ficado obcecada com um romance. Em praticamente todas as páginas, ela fala de seu conflito amoroso com Maxon e Aspen. Além disso, conforme a trama ia se desenvolvendo, fui gostando menos e menos dela por fazer os dois garotos ficarem aguardando sua decisão.
Entretanto, a protagonista também amadureceu muito. Ao invés de escolher apenas um marido, ela estava decidindo seu futuro e compreendendo melhor as responsabilidades de ser uma futura rainha. A autora também nos mostra o lado protetor, leal e carinhoso da protagonista, com cenas que me davam vontade de abraçá-la. Mas, não posso mentir, estou torcendo pra ela não ganhar a Seleção :P

Os Personagens Secundários: Dessa vez, foram eles quem fizeram o livro valer a pena. Maxon não é mais um garoto "mimado", mas sim um homem corajoso e inteligente, que faz todo o possível para ganhar o coração de America e não ser controlado pelo pai. O único problema com ele é que perto do final do livro descobrimos que ele não é tão querido e inocente quanto parece, então o personagem acabou perdendo pontos. Aspen está infinitamente melhor! Inteligente, divertido e sexy ao extremo, estou torcendo para que ele tenha um final muito feliz e apareça ainda mais no próximo livro <3
Duas personagens que eu não poderia ignorar são Kriss e Celeste. Eu sei que ninguém vai gostar de Celeste por ela ser completamente desleal, mas tenho que admitir que admiro uma garota que sabe o que (ou quem) quer e não mede esforços para consegui-lo. Kriss parecia ser bem sonsa antes, mas com o decorrer do livro fui me afeiçoando cada vez mais a ela e a seu jeitinho meigo.

Capa, Diagramação e Escrita: Acho que essa capa não poderia ser mais bonita. Eu achei ainda melhor do que a primeira e definitivamente uma das melhores da minha estante. Destaque especial para a lombada, que traz o rosto da modelo de uma maneira incrível que ficou linda na minha estante.
A diagramação do livro também está muito bonita, com uma coroa no início de cada capítulo! A escrita da Kiera melhorou um pouco e os cenários foram descritos magnificamente, mas no geral ela continua não tendo nada de especial.

Concluindo: Apesar de eu estar cansada de America e sua indecisão infinita, os personagens secundários ficaram muito melhores e a trama está cada vez mais interessante. A Elite conseguiu prender minha atenção de tal maneira que horas se passaram sem que eu percebesse e estou muito ansiosa pelo desfecho dessa história linda!

Quotes:
Era impossível. Eu tinha que escolher. Aspen ou Maxon? Mas como decidir entre duas boas opções? Como decidir, se qualquer escolha deixaria parte de mim destruída?
Classificação: