Resenha - Escolhida ao Anoitecer

Resenha feita pela Mari!  
Título: Escolhida ao Anoitecer
Título Original: Chosen at Nightfall
Série: Acampamento Shadow Falls
1- Nascida à Meia-Noite (2011)
2- Desperta ao Amanhecer (2012)
3- Levada ao Entardecer (2012)
4- Sussurros ao Luar (2013)
5- Escolhida ao Anoitecer
Autor: C. C. Hunter
Editora: Pensamento
Páginas: 389
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob
Comprar: Saraiva // Fnac // Submarino

Atenção: Essa resenha contém spoilers dos livros anteriores da série!

Sinopse: O inimigo mais poderoso de Kylie retorna para destruí-la de uma vez por todas, mas ela finalmente assume seus plenos poderes e passa por uma transformação que vai surpreender todos ao seu redor. Mas a jornada de Kylie não será completa até que ela faça uma escolha final: a quem vai finalmente se entregar de corpo e alma? Será que escolherá Lucas, o lobisomem que partiu seu coração, mas faz tudo para reconquistá-la, ou Derek, o meio fae que abriu mão do relacionamento entre eles, mas agora diz que a ama? Tudo o que Kylie aprendeu em Shadow Falls a preparava para este momento, quando o destino lhe revelará por fim quem terá a chave do seu coração.

A Trama: O quinto (e último) volume da série segue a mesma linha dos outros, quem leu o primeiro volume e gostou vai se apaixonar pelos livros seguintes, porém quem não gostou dificilmente vai mudar de ideia. Kylie é uma protagonista meio chatinha e seu drama com o lobisomem e o fae é cansativo, ambos partiram seu coração mas ela continua insistindo em ambas relações. O desfecho do livro foi o mais decepcionante, não só pela escolha amorosa, mas pela luta que selaria o destino da protagonista. O livro é ótimo, assim como seus antecessores, contudo não esperem por um final perfeito.

O ProtagonistaKylie continua como protagonista e sua narração não amadurece em nada, nesse livro em particular me irritou muito a atitude da protagonista de ter tudo nas mãos e não dar valor. Ela é agraciada com diversos dons como o de ser um camaleão (espécie que pode alterar seu padrão para todas as outras), além de ser uma protetora (quando pessoas que ela ama estão em perigo ela ganha forças inimagináveis), consegue se comunicar com fantasmas e etc, mas cada nova habilidade a deixa mais triste e ingrata, reclamando de tudo.
Ainda assim Kylie é uma boa protagonista, o tipo de garota que coloca todos acima de si mesma e faria qualquer coisa pra salvar quem ama.

Os Personagens Secundários: Nos personagens secundários temos poucas alterações, porém já existem personagens secundários o bastante, cada um com o seu papel na vida de Kylie. Encontramos o mesmo drama da protagonista dividida entre dois caras que já machucaram muito seu coração, as mesmas melhores amigas\colegas de alojamento que estão sempre lá por ela e agora o avô e tia-avó de Kylie ganham um pouco de espaço na história e com isso aprendemos mais sobre essa nova espécie (os camaleões).

Capa, Diagramação e Escrita: As capas sempre são lindas e criativas, do tipo que chamam a atenção numa livraria, o ponto ruim da série é que a autora não amadurece muito conforme os volumes vão sendo lançados e agora no volume final de uma série de 5 livros, deixou a desejar no quesito emoção. Falta ação, falta amor, falta decisão, esperava mais de um encerramento tão aguardado.

Concluindo: Esse livro me deixou ansiosa, já que é uma das minhas série favoritas. Eu amo a escrita da C. C. Hunter, amo o assunto sobrenatural que o livro trata, porém tinha potencial pra ser muito melhor. Vale a pena a leitura de cada volume da série, todos são ótimos apesar desse final sem muita graça.

Classificação: