Resenha - A Matemática do Amor

Resenha feita pela Luh!  
Título: A Matemática do Amor
Título Original: The Mathematics of Love
Livro Único
Autora: Hannah Fry
Editora: Alaúde
Páginas: 144
Saiba mais: Skoob
Comprar: Submarino // Saraiva // Cia dos Livros

Quem diria que matemática é interessante?

Sinopse: Em A matemática do amor, a doutora Hannah Fry conduz o leitor por uma fascinante jornada entre padrões que regem a vida amorosa e prova – com sabedoria e bom humor – que a matemática é uma poderosa ferramenta para desvendar os complicados, irritantes, enigmáticos e intrigantes padrões do amor.

Quais as probabilidades de encontrar o amor? Como funcionam os sites de namoro? Quando começar a pensar em casamento? Qual a chance de ele durar para sempre?

A Trama: Sendo um livro de não-ficção sobre matemática e relacionamentos, admito que me aproximei com cautela e não sabia bem o que esperar. Tive uma surpresa muito positiva com assuntos interessantes, divididos em capítulos curtos e envolventes, fórmulas com muitos exemplos cotidianos e fáceis de compreender, além de uma autora engraçada que faz piadas com a própria experiência amorosa.
Hannah fala no início do livro que seu objetivo é demonstrar que a matemática é mais do que a "matéria chata da escola" e eu diria que foi bem sucedida, já que achei o livro divertidíssimo, demonstrando como usar sua foto mais bonita no perfil de sites de relacionamento é uma má ideia, dar em cima das pessoas interessantes vale a pena e até dicas para organizar o casamento!

Capa, Diagramação e Escrita: Essa edição ficou maravilhosa. De capa dura, com uma jacket fofíssima, o livro tem várias ilustrações no meio de explicações mais longas, além de uma diagramação especialmente fofa, com direito a gráficos e desenhos explicativos.
A escrita da Hannah fez uma grande diferença aqui e as pequenas notas de rodapé e indiretas que ela inclui para seu marido me fizeram dar risada, sem falar dos exemplos com personagens de Friends e outras referências culturais. Honestamente, nunca fui uma dessas pessoas que odeia matemática, mas também jamais pensei que ela poderia ser tão divertida.

Concluindo: É claro que recomendo! É um livro curto, que pode ser lido aos poucos e "digerido", já que você tem que refletir um pouquinho para guardar toda a informação. Tem dicas úteis para todos os tipos de pessoas, desde aqueles que procuram encontrar muitos pares, passando pelos que começaram recentemente um relacionamento e até para os que já são casados.

Classificação: